Comissão da Câmara de Petrolina vai apurar denúncia de “negligência médica” após gestante perder bebê

por Carlos Britto // 09 de abril de 2021 às 10:43

Foto: WhatsApp/Blog do Carlos Britto

O momento mais esperado na vida de um casal é o nascimento de um filho. Mas isso se tornou um pesadelo para Edson Nascimento Cruz e Sandriele de Souza. Eles perderam tragicamente a sua bebê quando Sandriele tentava dar à luz, e agora acusam duas unidades da região de “negligência médica”.

O suplício começou na madrugada da última quarta-feira (7). De acordo com o avô paterno, Edilson Raimundo da Cruz, sua nora começou a sentir as contrações e foi levada para o Hospital Dom Malan (HDM)/Imip, mas teria sido aconselhada a retornar para casa.

Ela ficou lá de meia noite até umas dez da manhã, aí mandaram ela pra casa. Quando foi à noite, ela aperrou de novo e voltou ao Dom Malan. Aí mandaram ela pra Juazeiro (Maternidade Municipal). Ela ficou de 6 da noite da quarta até uma da tarde (de quinta, 8) e tentaram para que ela tivesse parto normal”, relatou Edilson ao Blog.

O avô conta que, diante do quadro clínico de Sandriele, o parto normal era impossível, e o pior acabou acontecendo. “Depois que viram que a criança tinha morrido, uma mulher falou com eles e a levaram para uma sala de cirurgia. Aí retiraram a menina”, detalhou Edilson, acrescentando que a cabeça da bebê ficou com vários machucados, além de manchas roxas pelo corpo. A família, como não seria diferente, não esconde a indignação com o HDM/Imip e a maternidade de Juazeiro.

Comissão

O fato já chegou a conhecimento da Comissão de Saúde da Câmara de Petrolina, que deverá cobrar explicações dos responsáveis. O Blog procurou a assessoria das duas unidades médicas e está aguardando um posicionamento.

Por Antonio Carlos Miranda             

Comissão da Câmara de Petrolina vai apurar denúncia de “negligência médica” após gestante perder bebê

  1. Maria disse:

    Para quê tanto mestrado, doutorado, academicismo se esses profissionais não tem capacidade de agir com humanidade, de fazer uma análise de cada caso que chega nesses hospitais?

  2. Roberto disse:

    Esse Dom Malan é um necrotério de crianças! Quantos bebês são assassinados nesse unidade? Muitos respondo! Cadê o prefeito Covid? Cadê os vereadores? Um dia algum pai vai fazer uma tragédia naquele hospital quando matarem um filho seu.

  3. Defensor da liberdade disse:

    Deveria apurar para quê serve a tal casa de partos normais, que pertence ao município. Passem lá a qualquer momento e só terá os grilos cantando lá, enquanto que o Dom Malan está lotado de ambulâncias.

  4. Maurílio disse:

    Temos que abrir um presídio com o nome do imip Petrolina, e colocar essa essa corja de irresponsáveis com a vida humana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.