Começa hoje em Petrolina mais uma edição do Feirão da Casa Própria

0

Com apoio da Caixa Econômica Federal (CEF), empresas do mercado imobiliário de Petrolina (PE) realizam, a partir desta sexta-feira (25) até domingo (27), no Pavilhão de Exposições do Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, o Feirão da Casa Própria – evento que vai reunir incorporadores, corretores, agentes de crédito fiduciário de imóveis da CEF e o público, que tem entrada franca.

Durante três dias, os visitantes terão a oportunidade de adquirir qualquer dos imóveis em exposição para vendas no local, após uma análise e aprovação de crédito para financiamento. Os funcionários da Caixa estão orientados a conduzir o processo de forma rápida e desburocratizada. Com isso, a organização espera efetivar vários negócios dentro do feirão.

Segundo o superintendente regional da Caixa Econômica, Paulo Lira, o evento faz parte de uma estratégia da entidade para levar sua linha de crédito imobiliário aos agentes e potenciais compradores de imóvel. “O objetivo é facilitar o processo da compra, deixar mais direto e eficaz”, diz.

Em 2018, o Feirão da Casa Própria já conta com a participação de expositores superior a edição do ano passado, o que aumentou as expectativas dos organizadores. Com o crescimento da oferta de imóveis, aumentam também as possibilidades de negócios, com isso, o bom volume de vendas atingido em 2017 deve ser superado. “Tanto no que se refere ao número de unidades vendidas, como no de valores comercializados”, ressalta o superintendente.

Todos os expositores que confirmaram presença consideram o evento uma atividade consolidada em seus calendários e dão como certo o aumento expressivo nas vendas e, mais importante, um incremento de novos clientes a sua carteira de negócios, permitindo que, só com os clientes cadastrados durante o feirão, os corretores trabalhem e continuem fechando negócios nos meses seguintes.

Oportunidades

O representante da Caixa enfatiza ainda que o feirão apresentará, na cidade, as maiores oportunidades de negócios do ano. Ele lembra que o visitante que for ao Pavilhão de Exposições vai encontrar ofertas para todos os gostos e faixas de renda. “Acho que vale até como um passeio da família, pois a compra de um imóvel geralmente é determinada mais pela oportunidade que surge”, termina. (Fonte: CLAS Comunicação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome