Com suspensão de visitas nos presídios pernambucanos, detentos recebem doações de empresas e instituições

1
Foto: Seres/divulgação

Com a suspensão das visitas familiares nas unidades prisionais de Pernambuco em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), houve uma redução ou ausência na entrega de mantimentos por familiares a alguns detentos, liberada pela Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres). Porém as doações chegam de instituições religiosas, servidores e empresas.

O Presídio Advogado Britto Alves (PABA), em Arcoverde, Sertão do Moxotó, recebeu na quinta (23) a doação de 100 kits de higiene ambiental da Pastoral Carcerária. Os kits são compostos de papel higiênico, água sanitária e detergente. Outros 100 de higiene pessoal, recebidos da Fundação Terra e Pastoral Carcerária, foram destinados aos reeducandos, no início deste mês.

Reeducandos do Centro de Ressocialização do Agreste (CRA), em Canhotinho, receberam 500 conjuntos de higiene doados por policiais penais. Já na Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, no Agreste, parceiros viabilizaram a chegada de 220 kits, também para o detentos. A Igreja Universal do Reino de Deus entregou 20 mil kits às pessoas privadas de liberdade em todo o Estado.

Interessados em doar podem entrar em contato com a Seres através dos telefones (81) 3184-2152/2150 ou pelo e-mail seres@seres.pe.gov.br.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome