Com recursos abaixo do esperado para área irrigada, Dr.Pérsio sugere pedido de vistas à LOA 2017

0

loa-2017-casa-plinio-amorim

Surgiu a primeira polêmica na Casa Plínio Amorim sobre a votação do projeto de lei, de autoria do Executivo Municipal, referente à Lei Orçamentária Anual (LOA) para a Prefeitura de Petrolina no exercício de 2017.

Integrante da bancada de oposição, o vereador Dr.Pérsio Antunes (PV) apresentou pedido de vistas em relação aos recursos na LOA destinados à área irrigada – de apenas R$ 308 mil. Para Pérsio, a população dessa área continua a ser discriminada.

A vereadora Cristina Costa (PT), no entanto, rebateu o colega de Legislativo ao afirmar que Pérsio teve todas as oportunidades para sugerir à atual gestão que aumentasse o orçamento da Secretaria de Irrigação.

O líder governista Betão ratificou que o prefeito eleito Miguel Coelho (PSB) pode alterar esses recursos por meio do remanejamento orçamentário, estimado em R$ 150 milhões (o equivalente a 20%), sem pedir autorização ao Legislativo. Por esta razão orientou sua bancada a não respaldar o pedido de vistas de Pérsio. Mas o pedido acabou aprovado por 12 votos a cinco. Dessa forma a LOA será votada na próxima semana. A previsão para 2017 é de um orçamento de R$ 710, 57 milhões. Mais detalhes em breve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome