Com nova rotatória, Ammpla pede atenção de condutores nas proximidades do estádio de Petrolina

por Carlos Britto // 12 de fevereiro de 2021 às 18:31

Depois de melhorar o fluxo de veículos em alguns pontos de Petrolina, a prefeitura concluiu nesta sexta-feira (12) a implantação de uma nova rotatória, desta vez, nas proximidades do estádio Paulo de Souza Coelho. O novo equipamento de trânsito foi estruturado de forma mais simplificada com a aplicação dos conhecidos “tachões” para redirecionar o fluxo de veículos no cruzamento entre a Avenida Tancredo Neves e a Rua Ana Nery.

Nesta sexta, o diretor-presidente da Ammpla, Franklin Alves, vistoriou o equipamento e reforçou que os condutores precisam dobrar a atenção. “Essa rotatória vai melhorar a circulação viária em todo entorno, bem como, reduzir os conflitos e riscos de acidentes. Mas é preciso, acima de tudo, que os condutores redobrem a atenção e pratiquem a direção defensiva, sempre”, disse Alves.

Com o aumento no número de automóveis circulando nas ruas de Petrolina, a prefeitura está implantando uma nova sinalização viária, que faz parte do Plano de Mobilidade Urbana. Dessa forma, as implantações têm como objetivo trazer soluções para diferentes pontos onde há grande fluxo de veículos. Um das prioridades tem sido as rotatórias que foram criadas para dar andamento no trânsito sem a necessidade de parar o fluxo como acontece nos semáforos.

Com nova rotatória, Ammpla pede atenção de condutores nas proximidades do estádio de Petrolina

  1. Nelson disse:

    Ficou muito bom. Só que precisa melhorar a iluminação. Tá muito escuro.

  2. Joelson souza disse:

    quero saber quando passar um caminhão aí kkkkkk

  3. Maria disse:

    Gostaria de saber quais são os critérios para implantação dessas rotatórias, pq nesse local o fluxo de veículos, não é tão grande, e tem outros locais como na entrada do bairro cohab 6, que é um trânsito intenso, principalmente em horário de pico, e depois da inauguração de um posto de combustível, ficou ainda pior, pq os carros saem de todo lado, um perigo constante, e até hoje não fizeram nenhuma rotatória, fica a dica aí, para que os responsáveis venham dá uma olhada, o poste que fica no meio do gelo baiano já está torto de tanto os carros baterem, trocam os gelos baianos e quebram de novo.

  4. Maguim disse:

    Será que custou milhões como as demais?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.