Coluna do Blog

1

Fernando Filho: “Não há clima para mudar eleições ou prorrogar mandatos”

O deputado federal Fernando Filho afirmou nesta quarta-feira (28) que as eleições municipais podem ser adiadas de outubro para novembro, mas afastou a possibilidade de prorrogação dos atuais mandatos até 2022 por causa da pandemia do novo coronavírus. Durante transmissão nas redes sociais de lideranças políticas de Ipubi (PE), no Sertão do Araripe, e de Petrolândia (PE), no Sertão de Itaparica, o deputado avaliou que não há clima para mudanças no pleito de 2020.

Não vejo clima hoje aqui em Brasília ou no Congresso Nacional para mudar a eleição ou jogar para 2022. Se o cenário se agravar, podemos ter um adiamento dentro do ano, de outubro para novembro. Mas considero remota a possibilidade de prorrogação dos atuais mandatos. Entendo que teremos eleições em 2020”, disse.

Fernando Filho voltou a defender uma ação do governo federal, dos Estados e dos municípios para a retomada da economia no período pós-pandemia.

Esta é uma crise que pegou todo mundo de surpresa, mas ninguém sabe qual vai ser o efeito. Por isso defendo uma ação muito forte dos governos, notadamente do governo federal, para poder movimentar a economia das cidades. Primeiro é vencer essa fase mais difícil, que é o cuidado com a saúde da população. Mas quando tiver passado esse risco de colapso do sistema de saúde, o próximo desafio é como animar a atividade econômica de novo”,

Fechando o cerco

O Ministério Público Federal (MPF) em Pernambuco ajuizou ação civil pública, com pedido de liminar, contra a Caixa Econômica Federal, a União e o Estado de Pernambuco, para que sejam tomadas providências que façam cessar as aglomerações nas agências da instituição financeira em todo o Estado. Na ação, o MPF requer que a Caixa adote medidas para prevenção à Covid-19 nas agências, de modo a evitar filas com espera fora dos estabelecimentos.

Mais lixo

Com a comunidade mais tempo em casa, a Prefeitura de Petrolina percebeu um aumento considerável na produção de lixo domiciliar. Comparando os dados de março deste ano com o mesmo período em 2019, foram produzidos 7% a mais de resíduos sólidos apenas pela coleta nas residências.  Esse dado significa que quase 500 toneladas de lixo foram produzidas a mais em um único mês. No total, foram 5.904,55 toneladas no ano passado, contra 6.338,57 toneladas em 2020.

Mais testes

A Prefeitura de Juazeiro recebeu do Governo da Bahia a doação de 940 testes rápidos para serem utilizados em pacientes com sinais e sintomas gripais relacionados ao novo coronavírus. Juazeiro foi a primeira cidade da Bahia a adotar medidas protetivas no combate à Covid-19. Entre elas estão capacitações dos profissionais da rede de atenção básica e especializada da saúde, suspensão das aulas municipais, higienização das ruas e equipamentos públicos, fechamento do comércio e intensificação das fiscalizações para evitar aglomerações, entre outras.

Portal da transparência

O Portal da Transparência do Governo de Pernambuco lançou mais uma ferramenta que facilita a busca por informações sobre os gastos públicos relacionados ao combate ao novo coronavírus. O novo painel traz todos os dados referentes aos empenhos realizados pela administração estadual nos meses de março e abril, como as contratações destinadas ao fornecimento e locação de bens, prestação de serviços e execução de obras.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome