Coluna do Blog

0
Foto: reprodução

O drama no Sertão do Pajeú e a união política

As políticas públicas precisam chegar a todos e os políticos agora precisam dar as mãos para ajudar o Sertão do Pajeú. Foram 112 milímetros de chuvas na cidade de Afogados da Ingazeira. Tanta  água trouxe estragos na cidade e na zona rural do município.

Na comunidade de Cachoeira da Onça a barragem cedeu diante da força da água e foi em direção a cidade, enchendo o Riacho do Bairro Borges, derrubando duas pontes – uma na PE-292 e outra no sistema viário, deixando a cidade ilhada.

Moradores informaram que a barragem estava em bom estado, mas não suportou a água de dois açudes que arrombaram na comunidade de Serra Vermelha. Casas caíram na localidade de  Borges, ferindo moradores, que foram socorridos para o Hospital Regional Emília Câmara.

Em Afogados surgiram rumores de barragens estouradas e cheia no Rio Pajeú. Com relação ao Rio Pajeú, existe uma apreensão com o aumento de volume das águas.

Segundo o comunicador Nill Junior, como ainda há previsão de chuvas e água chegando a barragens com a de Brotas, a orientação é de que moradores de casas próximas ao rio, em áreas com histórico de cheias, busquem abrigo em residências de familiares para se abrigarem.

Tomara que nessa hora os senhores políticos percebam que tem gente precisando, passando por situações delicadas e esqueçam o jogo eleitoral para cuidarem das pessoas. Urgente.

Acatou

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) acatou, nesta quarta-feira (25), o pedido da Associação de Praças dos Policiais e Bombeiros Militares de Pernambuco para garantir aos policiais e bombeiros militares do Estado que componham o grupo de risco do novo coronavírus (Covid-19), a realização de trabalho remoto. Na decisão liminar, concedida por Mandado de Segurança, o desembargador Jones Figueiredo Alves considerou que não há razão para que os militares e bombeiros estaduais, enquadrados nos grupos de risco de vulnerabilidade ao coronavírus, sejam excepcionados das medidas protetivas determinadas pelo governo do Estado estabelecidas no decreto, embora determinada a exceção para profissionais das áreas de saúde, defesa social e serviços de abastecimento d’água.

Mais recursos contra o coronavírus

Além das diversas medidas preventivas, o município de Petrolina também ganhará um aporte financeiro para intensificar, ainda mais as ações de combate ao Covid-19. O Ministério Público de Pernambuco assegurou (MPPE) a destinação de R$ 227 mil para reforçar os recursos do Fundo Municipal de Saúde. A ação foi deferida nesta quarta pela juíza federal Thalynni Maria de Lavor Passos, da 17ª Vara Federal de Pernambuco, e se refere aos recursos de cumprimento de pena.

Providências

Em virtude das fortes chuvas registradas no Sertão do Pajeú e do Moxotó, o Governo de Pernambuco informa que está em andamento uma série de ações emergenciais voltadas para o restabelecimento da infraestrutura viária e hídrica nos municípios atingidos, a exemplo de Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Sertânia e Serra Talhada. O objetivo é garantir o acesso da população aos serviços essenciais, a partir da desobstrução de vias e do reparo nos sistemas de abastecimento d’água afetados.

Barreiras

Como uma das medidas previstas no decreto municipal da Prefeitura de Sobradinho (norte da Bahia) para prevenir o contágio pelo novo coronavírus, a cidade de Sobradinho implantou barreiras sanitárias nas entradas da cidade. A higienização dos veículos, a orientação das pessoas para a realização do isolamento social e o registro de quem entra na cidade são algumas das ações realizadas diariamente pelas equipes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome