Coluna do Blog

1

Superlotação: Hospital Universitário também é vítima, e não culpado

Todos os dias este Blog e os demais veículos da região recebem notícias, críticas, pautas, opiniões e uma porção de assuntos ligados ao Hospital Universitário (HU) de Petrolina. Na maioria, a população está certíssima. Faltam leitos, agilidade para quem precisa de atendimento e uma melhor estrutura.

Mas o HU está longe de ser o culpado. Muito pelo contrário: é vítima. Tão vítima quantos os profissionais que trabalham ali e não têm as condições de atender com a agilidade e presteza que gostariam. Os pacientes espalhados pelos corredores também violentam a eles e os atrapalham para um melhor atendimento.

A unidade médica já trabalha com cerca de 130% de sua lotação há tempos. Se anuncia que estrangulou, que não pode mais receber, que não tem onde colocar mais gente é porque é verdade. E é verdade também que demorou a anunciar isso. O hospital não aguenta.

Prefeitos de mais de 50 cidades próximas resolvem os seus problemas comprando ambulâncias e enviando as pessoas para o HU, sem nenhum planejamento ou preocupação de que terá vaga para receber seu munícipe. A rede PEBA (Pernambuco-Bahia) também já está estrangulada e faltam alternativas para dividir a demanda.

Passou da hora de autoridade se unirem para resolverem o problema. O reitor da Univasf, o diretor do HU, os prefeitos de Juazeiro e Petrolina, membros do Ministério Público e Judiciário precisam sentar-se juntos urgentemente em uma grande frente de discussão, para que alternativas sejam apontadas e as ações sejam efetivas. Caso contrário, a população vai continuar reclamando, desassistida, os profissionais trabalhando no limite, a gente aqui divulgando e você lendo a mesma coisa. E fica nisso.

Aniversário com política

Os 141 anos do aniversário de Juazeiro (BA) serão comemorados nesta segunda-feira (15), mas a programação começou bem antes. E o anfitrião da festa, prefeito Paulo Bomfim (PCdoB), é só empolgação. Até o ano que vem ele deverá evitar falar em reeleição, mas vem correndo para presentear os juazeirenses com obras para a cidade. E, claro, se conseguir tirar do papel algumas consideradas prioritárias, o ajudará muito no seu projeto para 2020.

A missão de Domingos

O vereador de Petrolina Domingos de Cristália (PSL) tentará cumprir a mesma missão que seu principal aliado, ex-prefeito Julio Lossio (PSD). Quando comandou a prefeitura, Lossio também foi afastado duas vezes por conta de ações judiciais, mas conseguiu vencer nas duas. E Domingos, será que também conseguirá?

1 COMENTÁRIO

  1. “…Prefeitos de mais de 50 cidades próximas resolvem os seus problemas comprando ambulâncias e enviando as pessoas para o HU, sem nenhum planejamento ou preocupação de que terá vaga para receber seu munícipe…”
    Isso é fato. Tem que haver uma forma de obrigar esses prefeitos a fazerem investimentos na saúde básica e assistência básica hospitalar, claro que casos mais específicos, de riscos, tem que procurar centros maiores e mais capacitados, mas procedimentos menores, simples, deveriam ser realizados nos municípios. Construírem casas de parto para atender as gestantes em situação de normalidade. Mas preferem jogar todo tipo de paciente para Juazeiro ou Petrolina se esquivando de suas responsabilidades.
    Agora, a população também tem que cooperar, pois tem gente que não pode sentir uma dor numa unha que corre para o hospital. Acidentes de trânsito, muitos são evitáveis bastando apenas a educação funcionar, muitos trafegam sem nenhuma responsabilidade, se acham no direito de provocar acidentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome