Coluna da Folha: Presidente da Câmara de Gravatá tem casa invadida

por Carlos Britto // 20 de outubro de 2022 às 08:00

Foto: CBN/reprodução

Quem passou por momentos de tensão foi o presidente da Câmara de Vereadores de Gravatá, no Agreste de Pernambuco, vereador Léo do Ar. A casa dele foi invadida por bandidos armados, na última terça-feira (18).

O vereador estava em casa com algumas pessoas, na hora em que os suspeitos entraram no local. Segundo informações, todos viraram reféns.

Léo do ar relata que quando se deu conta da situação anormal, conseguiu fugir e acionar a Polícia Militar, que prontamente chegou ao local, conseguindo libertar as pessoas que estavam na mira dos criminosos, inclusive seu filho de 15 anos”, informou a assessoria.

Durante a ação policial, os criminosos atiraram contra o efetivo, que reagiu e trocou tiros. Um dos criminosos foi preso em flagrante, enquanto outros dois fugiram, sendo um deles já identificado pela autoridade policial. O elemento capturado repassou detalhes para a polícia, inclusive com informações que ajudarão nas investigações. A vítima relata que já existem linhas de investigações, que segue em curso célere, não podendo adiantar detalhes para não prejudicar o trabalho da polícia”, continuou a nota.

Todos passam bem. A Polícia Civil segue investigando o caso.

Quer a maternidade

O vereador de Petrolina, Manoel da Acosap (UB), quer uma maternidade para Petrolina. Militante da Atenção Básica no município, ele citou que o Centro de Parto não é maternidade, mas apenas voltado para procedimentos humanizados. Ele lembrou que o HDM/Imip precisa dar conta dos 53 municípios da Rede PEBA porque a grande maioria deles não tem maternidade municipal (inclusive Petrolina), e enviam suas parturientes para a principal cidade do Sertão. Manoel destacou a necessidade de uma maternidade em Petrolina, bem como nos outros municípios da Rede.

Na estrada

Danilo Cabral (PSB) vai começar uma agenda de visitas para agradecer a votação. Danilo estará em Afogados da Ingazeira no próximo sábado (22) e deverá estender a visita a Dormentes, Afrânio, Petrolina, Ingazeira, Salgueiro, Solidão, Flores, Carnaíba, Bom Conselho, Águas Belas, Saloá, entre outros municípios. Em quarto lugar na eleição, o socialista obteve 885.994 votos.

Com Raquel

Quem está na estrada é Guilherme Coelho (PSDB). Ele e o prefeito de Ouricuri, Ricardo Ramos (PSDB), na companhia das ex-candidatas estadual e federal, Lucinha Mota (PSDB) e Gláucia Andrade (PSDB). De Araripina estavam Nunes Rafael, Lamart Piancó, Dr. Anderson Aquino, os vereadores Iran Severo, o presidente da Câmara de Ouricuri, Delvania Sobral, os prefeitos Otávio Pedrosa (Bodocó), Gildevan Melo (Santa Filomena), Helbinha Rodrigues (Trindade) com o vice, Dr. Renê, Chico Siqueira (Ipubi) – entre outras autoridades. Todos participaram de uma reunião com um café-da-manhã para oficializar o apoio em massa à candidata ao Governo de Pernambuco Raquel Lyra (PSDB).

Fato extraordinário

O presidente estadual do Avante em Pernambuco e deputado federal eleito, Waldemar Oliveira, comentou a diferença entre as pesquisas para o Governo de Pernambuco e o resultado final. O irmão do vice de Marília Arraes, Sebastião Oliveira, disse que tudo foi dentro do esperado. “Eu acho que foi tudo dentro do esperado. Marília ficou em primeiro lugar no pleito [do primeiro turno], mas teve um fato extraordinário, um caso de força maior, que foi o falecimento do marido da adversária. Eu acho que isso causou uma comoção e levou a aumentar substancialmente a votação dela”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.