Coluna da Folha: Para buscar entendimento ou aumentar sua força, Raquel volta à terra de Miguel 

por Carlos Britto // 01 de junho de 2022 às 07:00

Foto: Blog do Carlos Britto

Amanhã será o dia em que a pré-candidata ao Governo de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB), desembarcará em Petrolina, maior cidade do Sertão, para cumprir uma nova agenda política.

Na Capital do São Francisco, Raquel já tem na conta 4 pré-candidatos a deputado que oferecem sustentação ao seu projeto: o ex-prefeito de Petrolina e presidente estadual do PSDB, Guilherme Coelho; o ex-vereador Gabriel Menezes; o servidor público municipal, Allan Maux; e a suplente de deputada, Lucinha Mota.

Raquel chega à cidade de um dos seus opositores, o ex-prefeito de Petrolina Miguel Coelho (UB), e tem programada visitas a produtores rurais, mercados populares, encontros com setores produtivos entre outros compromissos agendados.

A tucana já esteve em Petrolina nesse período de pré-campanha, mas em visita rápida e ainda sem ter lançado, à época, o seu nome na disputa pelo Palácio do Campo das Princesas.

Ela chega uma semana depois da visita do também pré-candidato Anderson Ferreira (PL), que trouxe o seu senador, ex-ministro Gilson Machado, para uma agenda enorme.

A nova vinda de Raquel a Petrolina é rodeada de rumores – se continua a campanha ou entra em uma composição com Miguel, na qual um desista e apoie o outro para que cheguem a um entendimento em chapa única. Até aqui, apesar de admitirem as conversas, não há sinal de desistência de nenhuma das partes.

Emendas pelos desabrigados

O deputado estadual Aluísio Lessa (PSB) remanejou R$ 665 mil em emenda parlamentar para tentar ajudar a população atingida pelas fortes chuvas dos últimos dias. Ao mesmo tempo, como presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Tributação da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), ele concedeu novo prazo para que os demais deputados possam fazer o mesmo. O último ciclo de remanejamento de emendas parlamentares à Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2022 se encerraria no último dia 30, mas estendeu o prazo até a próxima quinta-feira, 2.

Na agenda

Cumprindo mais uma agenda em Brasília, o prefeito de Petrolina, Simão Durando Filho (UB), informou em suas redes sociais que pretende avançar com duas pautas para a cidade sertaneja. Uma delas é sobre a mobilidade urbana, com um plano de desenvolvimento, elaborado com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O prefeito também pretende dar novos passos em direção ao projeto de abastecimento d’água para o projeto de irrigação Maria Tereza, na zona rural, com representantes da Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Mais auxílio

A oposição na Câmara Municipal do Recife tentou aprovar, na sessão ordinária de ontem, um requerimento indicando o pagamento do Auxílio Municipal Emergencial (AME) para vítimas das fortes chuvas na capital do Estado. A matéria, que precisaria de 13 assinaturas, conseguiu colher os apoios necessários para tramitar na Casa. Durante a sessão, alguns parlamentares retiraram o nome da lista, inviabilizando o requerimento, que previa o pagamento de R$ 400,00 por três meses para famílias necessitadas. Após movimentação do líder oposicionista, Renato Antunes (PSC), um novo requerimento com teor semelhante foi protocolado pela Frente Parlamentar em Defesa da Renda Básica. O documento foi aprovado e seguirá para apreciação do prefeito João Campos (PSB).

Coluna da Folha: Para buscar entendimento ou aumentar sua força, Raquel volta à terra de Miguel 

  1. Rogério disse:

    Seja bem vinda a terra dos coroneis

  2. angela disse:

    bora pra cima minha governadora

  3. QUER COMUNISMO? VAI PRA CUBA disse:

    Única opção viávell: Andérson com Bolsonaro!
    Se os Pernambucanos tivessem senso crítico, extirpariam de uma vez por todas essa oligarquia maléfica do nosso estado, que são as famílias: Arraes, Campos eLira. Ôh, povim pra gostar de perpetuar no Poder, quem nunca fez nada pelo povo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.