Coluna da Folha: Miguel aumenta pancada no PSB mirando a polarização

por Carlos Britto // 31 de agosto de 2022 às 07:00

Foto-montagem: arquivo Blog do Carlos Britto

A pancadaria não para. O candidato ao Governo de Pernambuco, Miguel Coelho (UB), disse que o atual governo destruiu o legado do ex-governador Eduardo Campos e colocou Pernambuco na liderança do desemprego, da violência e da falta de água e saneamento.

Miguel já vem mirando a polarização e, agora, resolveu bater de frente sobre a nacionalização do debate.

Quem tenta se esconder nos problemas do Brasil é porque tem vergonha de falar dos problemas de Pernambuco. O candidato do PSB é o candidato de Paulo Câmara, do governador mais rejeitado da nossa história, do governador que levou Pernambuco a liderar o desemprego, a falta de água e de saneamento, a ter as piores estradas e a ser o estado mais violento do Brasil. Tudo que Eduardo construiu em oito anos, Paulo Câmara destruiu nos últimos oito anos, inclusive com Danilo como secretário. Isso retrata que é tudo a mesma coisa, farinha do mesmo saco”, discursa Miguel

Enquanto isso o ex-prefeito de Petrolina continua tentando mostrar sua administração vistosa na principal cidade do Sertão para tentar sensibilizar os pernambucanos quanto a sua capacidade de gestão. Se vai conseguir, só as urnas irão dizer.

Bolo que cresce

Marília Arraes (SD) acaba de receber mais um prefeito pernambucano em seu palanque. O 26º gestor que chega é Danilson Gonzaga, de Feira Nova. Ao todo, Marília, Sebastião Oliveira (candidato a vice) e André de Paula (ao Senado) já receberam mais de 100 apoios de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores filiados a partidos que integram a Frente Popular.

Sem intimidação

Durante recente evento da agenda de campanha com eleitores bolsonaristas, o candidato a governador de Pernambuco, Anderson Ferreira (PL), foi enfático ao comentar as intimidações e hostilidades que tem recebido por parte dos adversários e publicações em redes sociais por ser o candidato do presidente Jair Bolsonaro (PL). “Meus posicionamentos são muito claros: sou contra a legalização das drogas, contra o aborto e tenho o orgulho de apoiar e ser apoiado pelo presidente da República. O presidente me disse para ficar preparado para os ataques. Não vou me intimidar. Vamos enfrentá-los com nossos debates e nossas propostas. Quem tem fé, não tem medo”, avaliou.

Impugnados

Repercute a decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), que julgou procedente o pedido de impugnação do candidato a deputado estadual Glauco Matias de Souza (Republicanos). Um processo administrativo constatou irregularidades na atuação de um servidor. É o primeiro caso de impugnação de candidatura acatada pelo tribunal nas Eleições de 2022. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na mesma sessão, o tribunal indeferiu o registro de outra candidatura a deputado estadual do Republicanos: José Humberto da Silva, por ele não estar quite com sua prestação de contas de candidato em 2020, quando concorreu a vereador.

Pra continuar

O vereador Alcides Cardoso (PSDB), que concorre a uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) e luta para continuar o trabalho da deputada e postulante a vice-governadora Priscila Krause (Cidadania), promove hoje ato político para aquecer o seu nome. “Vamos discutir a mudança que Pernambuco precisa, e o desafio que aceitei de dar continuidade ao trabalho de Priscila Krause na Alepe”, afirmou.

Coluna da Folha: Miguel aumenta pancada no PSB mirando a polarização

  1. Bosco disse:

    EITA ZÉ DESSA VEZ É VITRINA. MÁS JA TA DE BOM TAMANHO. QUEM SABE NA PRÓXIMA!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.