Coluna da Folha: Justiça decide e Siqueirinha comemora em Arcoverde

por Carlos Britto // 23 de novembro de 2022 às 07:00

Foto: Assis Lima/Ascom TJPE

O vereador de Arcoverde Wevertton Barros de Siqueira, o Siqueirinha (PSB), comemorou a decisão do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que negou provimento ao agravo interno no processo apresentado pelos vereadores Sargento Brito, Luiza Margarida, Luciano Pacheco, João Taxista e João Marcos. Ou seja: a decisão do desembargador Luiz Carlos Barros Figueiredo, que suspendia os efeitos da sentença que havia determinado a realização de nova eleição para a à Presidência da Câmara de Arcoverde, para o biênio 2023/2024, foi mantida.

Os solicitantes declararam a inconstitucionalidade do Regimento Interno da Câmara Municipal de Arcoverde, ao permitirem à reeleição, bem como à antecipação da eleição para o segundo biênio, de Siqueirinha e dos demais vereadores eleitos para compor a mesa: Everaldo Lira, Célia Galindo, Zirleide Monteiro e Rodrigo Roa.

O desembargador e presidente do TJPE, entendeu que o recurso juntado pelos vereadores não continha argumentos que permitissem a retirada do direito à reeleição do presidente.

Vereadora mais antiga da casa, Célia Galindo registrou a força do companheiro. “Com grande aprovação junto à sociedade arcoverdense, o vereador Siqueirinha vem se destacando no campo político, com as significativas votações. Sempre fez uma gestão transparente e participativa à frente da Câmara de Vereadores desde o ano de 2021, a exemplo da solenidade histórica realizada no último dia 17 de novembro de 2022, que celebrou os 94 anos do Poder Legislativo, com a participação das principais autoridades e representantes políticos de Arcoverde e região”, afirmou.

Ponto polêmico

Em Cabrobó, no Sertão do São Francisco, um Projeto de Lei tem causado alvoroço na cidade. O PL 34/2022, de autoria do vereador Junior Nogueira (Avante), propõe que o município passe a conceder ponto facultativo para os servidores municipais no dia de seu aniversário. “E se o médico, professor ou motorista de um ônibus escolar também tiver essa ‘regalia’, como que ficaria?”, disse um morador da cidade. O PL não chegou a ser votado na sessão plenária da segunda-feira (21), e ainda está em análise dos vereadores. A Coluna mantém o espaço aberto para o caso de o autor do projeto desejar se pronunciar sobre o caso.

Foi bom, mas foi ruim

Em Caruaru já começaram as especulações quanto às próximas eleições em 2024 para a prefeitura. Os nomes começaram a aparecer e, entre eles, o do deputado federal reeleito, Fernando Rodolfo. O parlamentar nem confirma e nem descarta a possibilidade. Ele aumentou a sua votação, se comparado com a de 2018 no geral, porém registrou uma votação pequena em Caruaru. Vai precisar refletir.

Casa Lar

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) articulou a celebração de um compromisso de Ajustamento de Conduta entre a Prefeitura de São Bento do Uma e a Casa Lar de Idosos São Vicente de Paulo, única entidade de acolhimento para idosos do município. Isso aconteceu para evitar os efeitos negativos do encerramento das atividades da casa. A instituição se comprometeu em celebrar contrato escrito de prestação de serviço com o idoso ou seu responsável legal detalhando o tipo de atendimento. Além disso, a entidade também comunicará ao Ministério Público a situação de abandono moral ou material do idosos por parte de familiares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.