Coelba combate furto de energia em fazendas de Juazeiro; quantidade desviada dava para abastecer 13 mil residências durante um mês

2
(Foto: Ascom Coelba/Divulgação)

Com o apoio da Polícia Civil, a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) realizou mais uma operação de combate ao furto de energia na região de Juazeiro. Técnicos da distribuidora percorreram a região do Salitre, na zona rural do município, e encontraram redes clandestinas que atendiam irregularmente lavouras irrigadas da região.

Três fazendas foram autuadas e os técnicos da concessionária fizeram a retirada da conexão de rede que atendia ao bombeamento para irrigação. O proprietário de uma das fazendas foi conduzido para a delegacia para prestar esclarecimentos. A Coelba estima que a energia recuperada é suficiente para abastecer aproximadamente 13 mil residências durante um mês.

O furto de energia é crime, sujeito às penalidades do artigo 155 do Código Penal Brasileiro, cuja pena pode alcançar até oito anos de reclusão. Além de representar riscos de acidentes graves à população, a energia furtada é paga por outros consumidores, através do repasse na tarifa de energia, conforme determina a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Denúncia

Para reduzir os riscos e o furto de energia, a Coelba mantem um programa constante de inspeções. A empresa tem canais de denúncia para casos de fraudes e furtos, por meio dos quais é possível passar as informações anonimamente, como o telefone 116 ou o site da concessionária.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome