Chegada das Casas Bahia no estado deve render dois mil e quinhentos empregos

por Carlos Britto // 30 de março de 2009 às 06:20

A chegada das Casas Bahia, na Bahia, deve gerar dois mil empregos até o fim do ano de 2010, quando estiverem em atividade as 30 lojas que o grupo programou para o Estado. Estão previstos mais 500 empregos com a entrada em atividade do centro de distribuição que a empresa pretende construir na cidade de Camaçari até o fim deste ano.

O início das atividades da rede estava previsto para este sábado, 28, mas foi adiado em razão do atraso na conclusão do Shopping Paralela por conta da greve na construção civil. A inauguração está prevista agora para o dia 28 de abril.

Segundo a assessoria de imprensa da empresa, a primeira loja na Bahia terá um formato especial, encontrado em apenas outras quatro lojas, no Espírito Santo, Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo. Outra novidade é a possibilidade de experimentação, que permite ao cliente usar os produtos que quiser levar, de videogames até celulares.

A empresa teve em 2008 um faturamento de R$ 13,8 bilhões no ano, R$ 1 bilhão a mais do que em 2007, o que lhe rendeu um lucro de R$ 135 milhões. Para ampliar o número de clientes – em torno de 31 milhões de pessoas, aproximadamente 16,8% da população brasileira -, as Casas Bahia têm como característica um grande investimento em marketing, correspondente a 3% do faturamento bruto, segundo informação no site da empresa

Chegada das Casas Bahia no estado deve render dois mil e quinhentos empregos

  1. DESESPERADO disse:

    Carlos Britto.
    Por favor arranje um emprego pra mim.
    onde estou trabalhando o salario esta congelado há mais de 12 anos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *