Cedro: Coligação pede impugnação da candidatura de Vavá de Nezinho

0

Vavá de Nezinho - Rubens Tavares - CedroA coligação ‘Cedro Com a Força do Povo’, no Sertão Central pernambucano, entrou com um pedido de impugnação em desfavor do candidato a vice-prefeito da oposição, Rubens Tavares (PRP/foto), o ‘Vavá de Nezinho’, da coligação ‘Unidos Para Cedro Avançar’ (PT/PTB/PR/PRP). O grupo tem o empresário Antônio Leite (PR) como candidato a prefeito.

Em nota, a coligação que acionou o adversário afirma que Vavá “não poderia concorrer ao mesmo cargo porque isso configuraria em um terceiro mandato consecutivo do mesmo grupo familiar, que é expressamente vetado pela norma constitucional. Conforme documentação enviada à Justiça Eleitoral, no mandato eletivo de 2008 até 2011, o vice-prefeito do município de Cedro era o Sr. Manoel Tavares da Cruz, o Nezinho Horácio, pai de Vavá. Nezinho teve candidatura indeferida em 2012, sendo substituído pelo filho, que assumiu o segundo mandato”, destaca a nota.

Para o advogado autor da ação, Carlos Peixoto, “recai sobre ela [parte impugnada] a causa de inelegibilidade, constante do artigo 14, §§ 5º e 7º da Constituição Federal.”

A coligação Cedro Com a Força do Povo reúne o PSB/PMDB/PSDB/PSD/PCdoB e PROS, e tem Anízia Matias (PSDB) como candidata a prefeita e Dr. Chicão (PROS) como candidato a vice. As candidaturas têm até hoje (23) para sofrerem pedidos de impugnação, O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) é obrigado a validar os registros até 12 de setembro. O Espaço do Blog está reservado para algum esclarecimento da coligação Unidos Para Cedro Avançar. (foto/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome