Capitão Alencar admite erro ao divulgar “enquete” e revela “fogo amigo”

por Antonio Carlos Miranda // 18 de outubro de 2022 às 13:38

Foto: Nilzete Brito/Ascom CMP

O vereador governista Capitão Alencar (Patriota) usou a tribuna da Câmara Municipal, na sessão plenária desta terça-feira (18), para se justificar sobre a decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) que o multou por divulgar uma pesquisa de intenção de votos favorável à candidata a governadora Raquel Lyra (PSDB), a quem decidiu apoiar no segundo turno. Segundo a Justiça Eleitoral, o levantamento trazia números fora da realidade.

Capitão Alencar, no entanto, foi firme ao rebater o fato. Dirigindo-se ao povo pernambucano, em especial aos seus eleitores petrolinenses, amigos e familiares, o vereador afirmou que não posta fake news. “Sou, inclusive, um combatente dessas postagens”, garantiu, acrescentando que “segue rigorosamente as leis”.

Dizendo respeitar a decisão da desembargadora do TRE-PE, Virgínia Gondim Dantas, a qual lhe aplicou uma multa de R$ 53.205,00 e determinou que retirasse a postagem de suas redes sociais, Alencar, mesmo assim, alegou que irá recorrer porque se considera “uma vítima”. O vereador frisou ainda que chegou a excluir a postagem do seu perfil no Instagram antes mesmo de ser notificado. Porém, como tem mais de 7 mil seguidores, ele acredita que o post foi printado por alguém que o entregou à coligação adversária de Raquel.

Quero dizer que sou tão somente uma vítima, porque em momento algum este vereador, este cidadão, manipulou uma enquete eleitoral. Não vou nem dizer pesquisa”, declarou. O vereador chegou, inclusive, a dizer que colocava à disposição da perícia o seu dispositivo móvel e os seus computadores. Ele admitiu, no entanto, sua falha em replicar a enquete sem antes conferir como deveria. “Errei, mas errei sendo provocado por alguém. Alguém que não esperava, e principalmente alguém do nosso grupo político”, revelou. Alencar, no entanto, não citou quem o teria provocado, mas se mostrou triste pelo que deixou a entender se tratar de “fogo amigo”.

Capitão Alencar admite erro ao divulgar “enquete” e revela “fogo amigo”

  1. Petrus disse:

    Pague a multa e deixe de discurso mole. Você se tornou um daqueles vereadores que as pessoas nem sabem que existe. Esse negócio de “meu grupo” acabou com os supostos vereadores de Petrolina. Uma desgraceira. Parece que a cidade não tem vereadores. Quase que todos a serviço do grupo, do sistema e osso para o povo.

  2. Marcos disse:

    O ‘capitão” agora pensará duas vezes, antes de espalhar mentiras, a especialidade destes bolsomínios alucinados, fica a lição, nobre vereador, quando doí no no bolso, bem feito!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.