Bancos de Leite Humano em Pernambuco alertam para seus estoques baixos

0

Alimento essencial para nutrição de bebês nos primeiros seis meses de vida, e principalmente daqueles que nasceram de forma prematura, o leite materno também é fonte de vida. Os bancos e postos de coleta de leite humano do Estado acabam sendo essenciais para auxiliar no desenvolvimento dessas crianças internadas em unidades hospitalares. Mas para que eles atendam esse público, é preciso da solidariedade das mães que produzem o alimento em excesso. Sob gestão estadual, quatro bancos de leite ressaltam a importância da doação para recuperação de bebês internados em unidades de Terapia Intensiva, Neonatal, Cuidados Intermediários e Alojamento Canguru. Os hospitais Agamenon Magalhães (HAM) e Barão de Lucena (HBL), no Recife; o Jesus Nazareno, em Caruaru, e o Dom Malan (HDM), em Petrolina, fazem um apelo para manter os serviços abastecidos e levando saúde aos pequenos pernambucanos.

Com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), houve diminuição nas doações, o que confirma a importância de abordar o tema. É importante salientar que, independente da pandemia, só podem fazer a doação de leite materno aquelas mulheres completamente saudáveis.

Atualmente, o estoque do banco de leite humano do HDM, em Petrolina, possui 4 litros de leite armazenados. 

Orientações 

Para fazer a retirada do leite, a indicação é que a mãe use um lenço para proteger a boca e a cabeça, além de higienizar as mãos antes de iniciar o processo. O produto deve ser armazenado em potes de vidro com tampa de plástico, como os de maionese ou café. Para higienizá-los, deve-se colocar água no fogo e, quando começar a ferver, adicionar os potes. Eles devem ser retirados de 15 a 20 minutos depois. O papel que vem na parte interna da tampa precisa ser retirado antes de todo o processo.

Pernambucanos também podem ajudar esses bebês de outra maneira: doando os potes de vidro com tampa de plástico. Basta higienizá-los após o uso e entrar em contato com algum banco de leite ou posto de coleta para viabilizar a melhor forma de entrega. São esses os recipientes indicados para o armazenamento e transporte seguros do leite humano. Em todo o ano de 2019, Pernambuco distribuiu 10.636 litros de leite humano, beneficiando 11.706 bebês. Isso foi possível a partir da doação de 7.158 mães. 

Bancos de Leite 

Pernambuco possui atualmente dez bancos de leite humano, sendo quatro ligados à rede estadual de saúde, além de cinco postos de coleta. Qualquer mãe saudável pode doar o seu excedente a esses locais. Em Petrolina, basta entrar em contato com o Hospital Dom Malan pelo número (87) 3202-7000.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome