Assinada ordem de serviço para início das obras do Parque Fluvial em Juazeiro

por Carlos Britto // 18 de agosto de 2017 às 20:00

A ordem de serviço para o início das obras do Parque Fluvial de Juazeiro (BA) foi assinada pelo prefeito Paulo Bomfim nesta sexta-feira (18). Os recursos, no valor de R$ 3,5 milhões, são destinados à urbanização e requalificação da Orla e revitalização do Rio São Francisco, no trecho compreendido entre a Marinha e o Bairro Angary.

O Parque Fluvial é uma parceria do Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA) do Ministério do Meio Ambiente e do Fundo Socioambiental da Caixa Econômica Federal (CEF). O tempo estimado para a obra é de aproximadamente um ano.

Além do prefeito, participaram da assinatura o representante da Gerência Executiva de Governo da Caixa Econômica Federal de Feira de Santana (GIGOV/CEF), Silvio José da Conceição; o gerente geral da agência da Caixa de Juazeiro, Clauber Carvalho Novaes; o supervisor Rodrigo Queiroz; o secretário Obras e Desenvolvimento Urbano, Anderson Alves; os assessores Isaac Carvalho (Planejamento e Parcerias Estratégicas) e Plínio Amorim (gabinete), além da equipe de engenheiros e arquitetos responsáveis pelo setor de projetos da Sedur.

Parque Fluvial

O Projeto do Parque Fluvial prevê a implantação de academias da saúde, parques infantis, pista de Cooper e ciclovia em toda sua extensão, mais recuperação do campo de esportes, das quadras poliesportivas e de areia, estruturação e ordenamento do mirante, criação de um atracadouro náutico e reaproveitamento da cobertura do espaço onde estão localizados os bares do M para a criação de um terminal hidroviário, bem como a padronização das barracas que hoje ficam próximas à Marinha. Estas serão retiradas da margem do rio por questões ambientais, e ordenadas na área da calçada.(foto/divulgação)

Assinada ordem de serviço para início das obras do Parque Fluvial em Juazeiro

  1. Cicero disse:

    KKKKK. ISSO NÃO VAI SAIR DO PAPEL juazeirinho.

  2. Cleber disse:

    Esse PB é um irônico. Só mais sefie de que mais zomba. Assim, como o era qdo garçom: olhando sempre com escárnio os clientes e alguns sob a batuta do encher a pança, tendo-o como mandatário da subservição elitizada do “boa camisa Fernandinho”.

  3. Chico disse:

    Estou careca de ouvir essas besteiras, porque JUAZEIRO INSISTE EM DIVULGAR ESSAS NOTICIAS, logo veremos que vai ser igual viaduto que complementa a ponte (A PONTE PICOLÉ) que desde 2004, a (ano da conclusão do serviço do lado de Petrolina) mostram foto com papel na mão, maquete, o ministro esta aqui na cidade, o dinheiro esta liberado (tudo mostrado neste blog,) e o serviço não sai, só falácia o dinheiro como sempre vai é EVAPORAR, só conversa mole, estou errado? – Pega a ponte em um dia de congestionamento (para isso só precisa um pneu de um carro estourar) vai te sobrar estresse e pelo outro lado falta vergonha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.