Arte brasileira perde o talento do ator e diretor Jorge Fernando

0
Foto: reprodução

O diretor e ator Jorge Fernando, 64, da TV Globo, morreu na noite de domingo (27) no hospital Copa Star, em Copacabana, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pelo plantão do Fantástico, da Rede Globo, no início da madrugada desta segunda-feira (28). Ele estava internado desde domingo à tarde após passar mal. Jorge Fernando se recuperava das sequelas de um acidente vascular cerebral sofrido em janeiro de 2017.

Nascido no Rio, ele começou a carreira artística aos 17 anos, ao adaptar para um monólogo a peça “Zoo Story”, de Edward Albee. Na Globo a estreia, como ator, ocorreu em 1978, no seriado “Ciranda, Cirandinha”, voltado ao público jovem. Ainda apenas como ator, Jorge Fernando participou das novelas “Pai Herói” e “Água Viva”. Começou a trabalhar como diretor em 1980, na novela “Coração Alado”, de Janete Clair.

Ao longo de sua trajetória profissional, atuou ao mesmo tempo como ator e diretor em diversas novelas. Também comandou programas da linha de shows da Globo e dirigiu espetáculos teatrais como “Não Fuja da Raia”, estrelado por Claudia Raia.

No espetáculo teatral “Boom”, estrelado por ele mesmo, Jorge Fernando cantava, dançava e interpretava vários personagens. Um dos grandes sucessos de sua carreira na TV foi a novela “Guerra dos Sexos”, que rendeu o prêmio de melhor diretor pela Associação Paulista de Críticos de Arte, ao lado de Guel Arraes, em 1983. Na Globo, seu último trabalho como ator e diretor foi este ano, na novela “Verão 90”. (Fonte: Folhapress)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome