Aristeu Chaves: Nós pressionamos e tudo começou por Fernando

por Carlos Britto // 07 de fevereiro de 2009 às 11:59

A presença do governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), a Petrolina foi mais uma prova de união e força demonstrada pelos fruticultores do Vale do São Francisco atingidos pela crise econômica.  Segundo o vice-presidente da Valexport (Associação dos Produtores e Exportadores de Hortifrutigranjeiros do Vale do São Francisco), Aristeu Chaves, reuniões anteriores a essa já haviam sido feitas, sem resultados consistentes. Mas desta vez, as coisas começam mudar. “Antes vimos decisões que vinham de cima e não chegavam até a ponta. Agora finalmente estão chegando”, lembrou Chaves, acrescentando que a intervenção dos Governos de Pernambuco e da Bahia, além dos órgãos e superintedências da região e, sobretudo, da pressão dos empresários, foi fundamental nesse processo.

O vice-presidente da Valexport aproveitou para ressaltar o trabalho do secretário de Desenvolvimento de Pernambuco, Fernando Bezerra Coelho, que levou a questão até o governador Eduardo Campos e propôs uma atuação conjunta com a Bahia para minimizar o problema. “Tudo começou com Fernando”, afirmou Chaves.

Aristeu Chaves: Nós pressionamos e tudo começou por Fernando

  1. Esse Fernando é mesmo considerado uma Águia. Tem compromisso com o nosso povo e com a nossa gente. Não fosse o seu prestígio e o compromisso com a região, a nossa Friticultura poderia sofrer um grande retrocesso com relação aos índices de produção e produtividade, para a próxima safra, devido a descapitalização por que passam os nossos produtores. Acredito, que, com a rolagem das dívidas e a abertura de novas linhas de crédito, para manutenção dos campos de produção, tudo volte a se normalizar, e os produtores voltem a respirar, isto se o mercado externo debelar os efeitos da crise internacional.
    José Batista da Gama, Professor do IFET – Instituto Federal de Educação Ciëncia e Tecnologia-Petrolina-PE.

  2. Tintino disse:

    Concordo que desta vez houve vontade e decisão política e Fernando Bezerra foi o elo entre os produtores e governador Eduardo Campos, que com o da Bahia botaram pra moer. Todavia, deve-se considerar que a Câmara da Fruticultura do Sindicato dos Produtores Rurais de Petrolina e a Câmara da Fruticultura da Associação Comercial e Agrícola de Juazeiro, num trabalho conjunto e inédito mobilizaram os produtores para debaterem os problemas com o Secretário Fernando e daí para frente acompanharam as equipes de Eduardo e Jacks Wagner, cobrando e assessorando em cada mesa de discussão realizada em Recife, Salvador ,Rio de Janeiro, Brasilia e Petrolina. As providencias de caráter imediato foram tomadas, restando soluções operacionais junto aos Bancos para alguns casos, quando se trata de recursos da poupança e pesa.
    É bom lembrar que os produtores precisam consolidar sua organização classista para continuarem a luta pela viabilização da sua atividade. Serão necessárias medidas também a médio e a longo prazos. Precisamos de um novo projeto de desenvolvimento da agricultura irrigada. A expanção de áreas irrigadas com manga e uva será catatrófica e tantas outras medidas precisam ser tomadas e somente um estudo conjunto pelo governo e produtores poderá indicar o rumo certo.

  3. Francisco disse:

    Fernando Bezerra Coelho é o único Político em Petrolina, com certeza. Sou Funcionário Público Federal, concursado a mais de 20 anos, e nunca precisei de Política Partidária más Fernando realmente todos reconhecem e o resto pega carona em críticas e nada consegue para Petrolina a não ser mal desentupir bueiros, capacinar a beira da estrada, ir para enterros e balançar bandeira vermelha. Coisa irrelevante politicamente. Alegria de Urubu é ver o boi morto e aqui está cheio de Urubu.

  4. Luiz Gonzaga Neto disse:

    Prezado Carlos Britto
    É claro que não vou alimentar discussões deste nível, mas é preciso informar a população de algumas coisas que, algumas pessoas intencionalmente ou por desconhecimento não divulgam, e tentam de forma pouco democrática confundir a população. É preciso que se diga que o Deputado Gonzaga Patriota tem sido um parceiro incansável dos produtores rurais do Vale do São Francisco, notadamente dos pequenos produtores. Quem não sabe nos projetos de irrigação que foi trabalho de Gonzaga Patriota a implantação de vários packing houses em diversos núcleos, à exemplo do N-4, N-6 entre outros?. Quem não se lembra de reuniões articuladas por Gonzaga Patriota, inclusive como Coordenador da Frente Parlamentar da Fruticultura, para discutir os problemas dos produtores do Vale, incluindo inclusive os pequenos produtores nas discussões, pois quase sempre só os grandes produtores eram incluidos. Quem não sabe que ainda sexta feira próxima passada o Deputado Gonzaga Patriota esteve reunido com os produtores do Nucleo 6, discutindo e encaminhando soluções dos pequenos produtores rurais? Alias todos sabem que articular reunião com os grandes produtores é fácil, a bem da verdade nem precisa, pois todos eles sem exceção conhecem e vão sozinhos aos corredoes de Brasilia, dificil é levar pequeno produtor, que até nos discurso oficiais ou não, da maioria, nem citados são, pois quase sempre só falam de manga e uva, esquecendo de culturas importantes como banana, acerola , pinha e coco entre tantas outras que fazem parte do agronégocio regional. Sabemos que os outros deputados também fazem essas articulações , o que alias é uma obrigação de todos, agora tentar confundir a população dizendo que só um ou outro é o pai da crinaça isso é dificil de qualificar.
    Atenciosamente
    Luiz Gonzaga Neto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *