Aplicativo do Governo de PE passa a atender população do Agreste e Sertão com orientações sobre o novo coronavírus

0

Desde ontem (25) o aplicativo ‘Atende em Casa’, do Governo de Pernambuco, vai atender os municípios de Caruaru, no Agreste do Estado, e Serra Talhada, no Sertão pernambucano. O anúncio foi feito pelo governador Paulo Câmara através de vídeo divulgado nas redes sociais. A ferramenta, disponível pelo site www.atendeemcasa.pe.gov.br e para smartphones com sistema Android, permite que médicos, enfermeiros ou residentes médicos façam videochamadas e orientações aos usuários, sendo indicada para pessoas que apresentem sintomas gripais. 

Nos últimos dias, o aplicativo começou a funcionar em Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Cabo de Santo Agostinho, São Lourenço da Mata e Camaragibe, além do Recife, que estreou a iniciativa. A expectativa é que, ao longo dos próximos dias, a ferramenta esteja disponível para todas as cidades que compõem a Região Metropolitana do Recife (RMR) e outras localizadas na Zona da Mata e Agreste. “Desde que lançamos essa ferramenta, no dia 26 de março, mais de 21 mil pessoas com sintomas gripais já a utilizaram para receber orientação médica e ter o primeiro atendimento em casos suspeitos da Covid-19” , afirmou Paulo Câmara.

Lançado no dia 26 de março em parceria com a Prefeitura do Recife, o aplicativo já atendeu mais de 6 mil pessoas com sintomas ou condição de gravidade, as quais receberam teleorientações com médicos ou enfermeiros. Cerca de 2 mil pacientes que passaram pelo serviço foram orientados a procurar um serviço de saúde para consulta.

Cerca de 70 profissionais de saúde foram treinados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) para atuarem no Atende em Casa, sendo orientados quanto ao uso do aplicativo, protocolos clínicos da Covid-19 e fluxo de atendimento nas unidades de saúde. Nos próximos dias, os profissionais que estavam afastados de suas funções na assistência à saúde por serem de grupos de risco para o novo coronavírus devem ser convocados para reforçarem as escalas de plantões do aplicativo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome