Ameaça de atentado assombra pais, alunos e professores em escola de Serra Talhada

0
Foto: reprodução WhatsApp

Depois de Juazeiro (BA) e Petrolina (PE), mais um caso relacionado a um possível atentado em escola assombrou pais, alunos e professores. O fato, desta vez, aconteceu em Serra Talhada (PE), no Sertão do Pajeú. Um adolescente de 15 anos postou num grupo de WhatsApp do 1º Ano da  Escola de Referência (EREM) Professor Adauto Carvalho que iria fazer uma matança no educandário na manhã desta quinta-feira (21).

Segundo informações, os pais dos alunos ficaram extremamente preocupados e chegaram a pedir aos seus filhos que faltassem às aulas nesta quinta-feira, após a mensagem se espalhar na noite dessa quarta-feira (20) nas redes sociais.

De acordo com a direção do estabelecimento de ensino, tudo isso não passou de uma brincadeira de mau gosto do adolescente, que é aluno da escola. Os pais do mesmo já foram comunicados sobre o caso e uma reunião está marcada para esta sexta-feira (22) na escola.

O garoto alegou para a direção da escola, que vinha sofrendo bullying constantemente. Com informações do Jornal Desafio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome