Agenda de Humberto Costa no Sertão do Pajeú terá debate sobre Previdência e encontro com prefeitos

10
Senador Humberto Costa/foto: Roberto Stuckert Filho/divulgação

A reforma da Previdência será tema de encontro entre o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PT), e a Comissão Parlamentar do Sertão do Pajeú (Copap), neste sábado (8). O evento acontece no auditório da Ceralpa, em Afogados da Ingazeira, às 10h, e terá a presença de vereadores dos 17 municípios da região. O debate acontece no momento em que o relator do projeto na Câmara Federal está prestes a apresentar o seu parecer. Se aprovada, a proposta seguirá para o Senado.

Segundo o senador, é fundamental esclarecer a população sobre a crueldade da proposta. “Essa reforma é nociva porque amplia distorções e atinge principalmente os mais pobres, os trabalhadores rurais, as mulheres e os professores. Temos que mostrar para a população que o que está em jogo não é uma simples alteração do sistema. É a demolição de direitos assegurados à população desde a Constituição de 1998, que o próprio Ministério Público Federal considera inconstitucional. Por isso, precisamos estar mobilizados contra o projeto“, afirmou.

Além do encontro, Humberto também tem agenda com lideranças políticas locais. No sábado, o senador vai a Carnaíba, onde se reunirá com o prefeito do município, Anchieta Patriota (PSB) e no domingo (9) com o gestor de Afogados, José Patriota (PSB). Na pauta dos dois encontros, está o debate sobre projetos para os municípios.

10 COMENTÁRIOS

  1. Ele vai lá falar mal do governo federal e tentar convencer os iletrados a achar que ele está defendendo eles em relação a reforma da previdência,porque se aprovada esse petralha só irá se aposentar com o teto máximo da previdência,e claro que ele é contra,mas irá apenas.focar no BPC e aposentadoria.rural,para enganar os leigos!

  2. Este Humberto Costa crítica a varejo, não consegue dizer um erro da proposta. Fala genericamente, quer impressionar. O governo dele não foi capaz de promover soluções, quebrou o país, agora vem este Senador criticar sem qualquer base …

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome