Aero evoca Nilo Coelho ao tomar posse: “Sou presidente da Câmara de Vereadores, não de partido político”

7
Foto: Jean Brito/CMP divulgação

Num breve discurso de improviso, o novo presidente da Câmara Municipal de Petrolina, vereador Aero Cruz (MDB), evocou o saudoso ex-senador da República, Nilo de Souza Coelho, em seu célebre discurso de 1983, quando afirmou que “não era presidente do Congresso do PDS, mas presidente do Congresso do Brasil”. O recado de Aero foi direcionado sobretudo à bancada de oposição na Casa Plínio Amorim.

Quero dizer à oposição que não sou mais líder do governo. Agora sou presidente empossado. Sou presidente da Câmara de Vereadores. Não sou presidente de partido político, não sou presidente de bandeira política nem de cor partidária. Quero dizer que sou o presidente de todos os vereadores desta Casa”, ressaltou.

O novo presidente do Poder Legislativo de Petrolina lembrou a sua trajetória política, que teve início em 1986 – quando começou a fazer campanha para Juarez Amorim, ex-vereador e ex-presidente da Casa. Aero, inclusive, fez questão de ter o padrinho político ao seu lado no discurso. Foi também Juarez que o apresentou ao seu maior aliado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), o qual à época era deputado federal. “Me lembro como hoje, quando Juarez me apresentou a Fernando. Ele disse: ‘Fernando, esse é um cabra meu, e é dos bons’”.

Aero frisou que essa caminhada não foi fácil, mas nunca escondeu o sonho de chegar à Câmara Municipal e de se tornar presidente. “Sou um exemplo de que Petrolina é a Terra dos Impossíveis, porque saí lá da minha Rua de Baixo para chegar a esta Casa e me tornar presidente”, disse.

Em nome de FBC, de Juarez, do advogado Mark Sander, dos deputados Fernando Filho e Antonio Coelho, e do “amigo de todas as horas”, o prefeito Miguel Coelho, Aero agradeceu a vários amigos que o ajudaram nesse projeto e à sua família.

Reconhecimento

Finalizando o discurso, Aero dirigiu-se a alguns colegas, a exemplo de Maria Elena (MDB), que retirou seu nome da disputa para apoiá-lo. “Gesto se paga com gesto, como diz Fernando Bezerra. Pode ter certeza, vereadora, que reconheço o gesto que a senhora fez, em dar um passo atrás pra amanhã dar dois para a frente”. Quanto a Osório Siqueira (MDB), que esteve à frente da Mesa Diretora por cinco mandatos, Aero afirmou que todos saberão reconhecer esse tempo em que ele conduziu a Casa. Sobre sua nova responsabilidade, ele disse confiar nos demais colegas da Mesa e nos pares da Casa. “Podem ter certeza que nós vamos trabalhar e darei a resposta àqueles que achavam que um suplente de vereador não seria um bom vereador”, concluiu.

7 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns Aero e se vc chegou onde chegou foi porque vc soube fazer uma caminhada até ai com sabedoria… E pra chegar ai o cara tem que ter nas veias o sangue Petrolinense nas veias.

  2. Dá galera do mal para presidente de uma câmara estamos bem servidos,e olhe que foi ele mesmo que falou uns tempos atrás que no passado fazia parte não estou enventando nada.

  3. A diferença é muito grande essa frase copiada de um homem de visão e comprometimento com o povo e, não essas amebas que utilizar da política pra se promover, vai ser ser mais puxadinho de executivo. Quem viver verá

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

dezenove − dezesseis =