Adagro orienta sobre declaração online de vacina contra febre aftosa

0
Foto: Ascom Adagro/divulgação

A campanha de vacinação contra a febre aftosa prossegue em Pernambuco até o próximo dia 31 de maio. A meta é imunizar mais de 2 milhões de animais, entre bovinos e bubalinos. Mas além de vacinar o rebanho, o produtor tem a obrigação de declarar a vacina nos escritórios da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária (Adagro) ou pela internet, acessando o Sistema de Integração Agropecuária (Siapec 3), disponível no portal da Adagro ou via aplicativo nas versões IOS e Android.

Para facilitar o acesso e esclarecer possíveis dúvidas relacionadas ao cadastramento do produtor e ao preenchimento do formulário de declaração, a Adagro disponibiliza um tutorial com o passo a passo detalhado. “Pelo segundo ano consecutivo a campanha ocorre durante o pico da pandemia, e para contribuir com as medidas de convivência com a Covid-19, habilitamos a declaração remota via computador ou até mesmo pelo celular“, explica o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima.

Para acessar esse tutorial, basta entrar no site da Adagro e clicar no banner ‘Febre aftosa: Como declarar a vacinação’, ou através do site do órgão estadual. A Adagro disponibiliza ainda sua ouvidoria no 0800 081 1020 para dúvidas ou sugestões.

Pernambuco mantém o status de área livre de febre aftosa com vacina e historicamente imuniza mais de 90% do rebanho, superando o percentual mínimo estabelecido pelo Ministério da Agricultura, Abastecimento e Pecuária (MAPA). “Nunca é demais lembrar que o produtor que não vacina e/ou não declara está sujeito a multa e fica proibido de transitar com seu rebanho dentro e fora do estado. A erradicação da doença só ocorre com a imunização do rebanho“, conclui o Paulo Roberto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

12 − um =