Abervale realizará carreata pela ampliação do horário de funcionamento de bares e restaurantes em Petrolina; Prefeitura esclarece

0

A Associação de Bares e Restaurantes do Vale do São Francisco (Abervale) realizará nesta quarta-feira (23), às 8h, uma carreata em prol da ampliação do horário de funcionamento do setor em Petrolina (PE). A saída acontecerá do Centro de Convenções Senador Nilo Coelho.

De acordo com o presidente da Abervale, Normando Guimarães, ou Chef Guimarães – como é mais conhecido -, mesmo com o horário de fechamento às 22h, os estabelecimentos continuam sendo prejudicados com a perda de clientes. “Culturalmente na região as pessoas saem muito tarde para os restaurantes. Então a maioria dos restaurantes funciona à noite. Abrir às casas às 18h e encerrar às 22h é muito difícil. Você tem cliente na casa chegando 21h, 21h30 e tem que mandar eles embora às 22h. Estamos ao lado do município de Juazeiro e lá está aberto sem nenhum horário previsto. Então, a maioria dos clientes está indo para Juazeiro e deixando os restaurantes de Petrolina praticamente vazios”, explicou o chef durante entrevista ao Programa Carlos Britto, na Rural FM, desta terça-feira (22).

A proposta do setor é que o horário seja ampliado até meia-noite. “O nosso grande problema é o horário. Fica muito difícil de manter uma casa com uma horário tão curto de funcionamento”. Segundo o presidente, empresários já pensam em fechar seus negócios por conta do horário. “Tem muito empresário querendo desistir, vender o negócio e isso vai trazer muito desemprego para região. Hoje, somos mais de 30 mil nesse setor”, alertou. 

Outra situação enfrentada pelos empresários é com relação à fiscalização municipal, que tem multado ou interditado os estabelecimentos que passam do horário. “Por exemplo, o restaurante Faaca estava com cliente lá, já tinha pago a conta e às 22h30, senão me engano, finalizando uma garrafa de vinho, a Guarda Municipal teve que interditar o espaço por causa disso. Não existiu nenhuma concordância em a gestão pública dizer ‘assim pode das 22h até 23h, mas a casa tem que estar fechada às 22h. Não receber mas ninguém. Não existiu nenhuma conversa com relação a isso. A gente tem que estar fechado às 22h”, contou o Chef Guimarães.

Prefeitura

Em nota, a Prefeitura de Petrolina esclareceu que “está seguindo as normas do Plano de Convivência com a Covid-19 do Governo do Estado, devido a uma decisão judicial do Tribunal da Justiça de Pernambuco que impediu o município de executar o Plano Municipal de Flexibilização. Lembra ainda que o plano estadual autoriza o funcionamento dos bares e restaurante apenas até às 20h. Contudo, por meio de decreto, a administração municipal conseguiu estender o horário de funcionamento dos bares e restaurantes para às 22h, assim como está funcionando na capital Recife, para atender melhor às especificidades da realidade local”.

Com relação às fiscalizações, a gestão informou que “uma vez que existem decretos municipal e estadual em vigência, é dever do cidadão se adequar a eles e é obrigação dos órgãos públicos fiscalizadores fazer cumprir a lei, aplicando, se necessário, as penalidades cabíveis e assegurar a segurança de todos. A prefeitura também destaca que os bons índices de Petrolina no enfrentamento à Covid-19 são resultados da agilidade na adoção das medidas de prevenção ao novo coronavírus e da fiscalização eficiente. Reforça ainda que o objetivo da fiscalização não é impedir o funcionamento dos bares e restaurantes, mas fazer com que ele ocorra seguindo padrões que garantam números seguros de convivência”, finaliza a nota.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome