Pastores Evangélicos de Petrolina irão se unir aos comerciantes em protesto contra novas medidas de restrição

por Carlos Britto // 20 de março de 2021 às 12:32

A União de Pastores Evangélicos de Petrolina (UPEPE) decidiu, após reunião nessa sexta-feira (19), que vai se unir aos comerciantes em manifestações contra o novo decreto do Governo de Pernambuco, que estabelece medidas mais rígidas de restrição de atividades e isolamento sicial.

Os protestos que tomaram as ruas durante a última quinta (18) e sexta-feira em Petrolina terão continuidade na próxima semana. A decisão foi tomada pelos comerciantes da cidade e apoiada por boa parte dos pastores evangélicos, que irão se juntar a eles nesta segunda-feira (22) às 8h30.

De acordo com presidente da UPEPE, Natal Hudson, os pastores estarão intercedendo pelo fim da pandemia e orando pela sobrevivência da economia na cidade. “O comércio é vida e a igreja é cura. Se não houver emprego, as pessoas ficam miseráveis e se não houver oração, as pessoas ficam doentes“, declarou.

Pastores Evangélicos de Petrolina irão se unir aos comerciantes em protesto contra novas medidas de restrição

  1. Junior disse:

    Os dízimos não estão chegando, então os pastores estão preocupados.

    Lamentamos pelo comércio que precisa funcionar. Os comerciantes têm cumprido as normas. O problema está na desobediência da população.

    A situação não está fácil pra ninguém.

    1. Edilson de Lira disse:

      As igrejas estão recebendo os dízimos normalmente. Estamos na era digital: pix, transferência eletrônica, etc. Ao invés de fazer insinuações caluniosas sobre pessoas que você não conhece, que tal procurar ouvir os argumentos do movimento, e questionar de forma racional e civilizada?

      1. Junior disse:

        A poucos dias pastor, o senhor colocou em um evento com mais de 1000 pessoas. Agora se faz de vítima.

        1. Junior disse:

          “Fez evento na igreja do senhor com a pastora Talita com mais de 1000 pessoas.

      2. Junior disse:

        Não sei pastor se o senhor conhece MT 6:6 Mas, quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está em secreto. Então seu Pai, que vê em secreto, o recompensará.

        Não precisa criar mais aglomerações para orar.

        Aí está a receita da oração, pelo menos a bíblica.

  2. Marcos disse:

    Pastores pilantras, vendilhões da fé, se existem este Deus que julga, estariam todos no inferno
    Nojo desta raça, e dos alucinados que os seguem.

  3. André disse:

    Estás medidas restritivas são inconstitucional, pois impede as pessoas de trabalhar e desta feita sustentar os seus. É difícil para um pai de família que depende do seu trabalho escutar está frase # fique em casa, não dá.

    1. Árvore disse:

      Parabéns, você não entende nem de Bíblia, nem de Constituição.

  4. André disse:

    Parabéns a iniciativa da UPEPE, Igreja é justamente isso um organismo, o Corpo de Cristo, somos membros do mesmo Corpo se um sofre todos sentem.

    1. Árvore disse:

      Jesus não quer que você morra de covid. Tá faltando leitura bíblica pra você. Ame o próximo como a ti mesmo.

  5. eraldo rodrigues dos santos disse:

    Meu Deus!! Que loucura desses pastores !! Só podem estar brincando!. Alguem da familia de voces já perderam a vida por conta dessa pandemia? Acredito que não., porque se fosse o contrário, com certeza , todos estariam de acordo. Deixem os fiéis em casa e façam suas orações a Deus para acabar com essa pandemia e reforcem aos seus súditos que façam o mesmo. O emprego , meu irmão, a gente luta e consegue reverter, más a vida, NÃO. Pensem nisso. Ou será que voces estão preocupados pelo dinheiro que não está entrando no cofre de voces? Hoje, na França, o governo determinou lockdown pela quarta vez durante 04 semanas e todos estão de acordo, porque lá, não há governo genocídio como nós temos. Rezem por esse governo que medíocre que temos, uma mudança radical de atitudes e teremos boas coisas .

    1. Paulo disse:

      Vai pra lá idiota

    2. Mel disse:

      Genocida foram os anteriores que deixou milhares se não milhões por falta de hospitais,deu migalhas com uma mão enquanto nos roubava descaradamente com a outra.Genocidas são os Governadores e prefeitos que fazem de tudo para receber mais verbas dos governo federal.

  6. Ricardo R. disse:

    Lutar pela vacina, pela ciência e protestar contra o governo federal que desde sempre foi contra o povo se vacinar, isso eles não protestam! Só a vacinação em massa vai fazer o comércio voltar ao normal, as igrejas voltarem a funcionar e vida seguir… Que tal a campanha e protestos por VACINA EM MASSA JÁ!!! Mas nãããooo… é mais fácil querer que tudo abra e funcione com números assustadores de mortes por dia e hospitais lotados! Afinal, assim como o presidente, muitos são negacionistas e não acreditam nas vacinas!

  7. Paulo disse:

    Vai pra lá idiota

  8. Rodrigo disse:

    Eu testei positivo depois que a mãe de um colega de trabalho foi a um casamento evangélico e se contaminou após pedirem pra tirar a mascara na hora da foto. Eu não estava no casamento, peguei no trabalho em Petrolina e passei pra 4 familiares aqui em Juazeiro. Esses pastores estão pensando só em dinheiro assim como os comerciantes esqueceram que tem família e podem perder a vida.

  9. Francisco disse:

    Óbvio. Se são comerciantes da fé, devem se juntar aos comerciantes. Se eu fosse comerciante, não aceitaria. Comerciante paga imposto, igreja não paga imposto e teve essa semana o perdão de dívidas astronômicas com a jogada da derrubada do veto de Bolsonaro, que negocia com as igreja e para com dinheiro público, com perdão de dívidas das igrejas. É por isso que a casta de pastores fraudulentos estão conluinhado com esse governo.

  10. Veritas disse:

    Escribas e fariseus hipócritas. Ensinam nas igrejas que devemos obedecer as autoridades constituídas, porque foram instituídas por Deus e são ministros de Deus e fazem o contrário, em nome do deus deste século, o dinheiro. O coronavírus veio também para mostra quem é quem, eis o que vemos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.