“Saúde em Juazeiro está morta e enterrada”, afirma Neguinha da Santa Casa

por Carlos Britto // 11 de junho de 2015 às 06:20

neguinha da santa casaA vereadora Valdeci Alves, a ‘Neguinha da Santa Casa’ (PV), voltou a denunciar os problemas na saúde em Juazeiro (BA). Segundo a vereadora, além da péssima estrutura física das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), “em muitas delas está faltando tudo”.

Não temos mais saúde em Juazeiro. Os postos de saúde não funcionam direito, os pacientes não conseguem pegar remédios e ficam prejudicados. A saúde na cidade está morta e enterrada”, afirmou ao Blog.

Ela disse que não sabe como foi gasto o dinheiro de uma ordem de serviço assinada pelo prefeito Isaac carvalho (PCdoB), no dia 2 de outubro de 2014, para reforma de 26 UBSs. Destas cinco seriam ampliadas. O valor do investimento total com recurso assegurado pelo Governo Federal foi orçado em quase R$ 1,9 milhão, também com contrapartida municipal.

Eu já visitei quase todas as unidades de Juazeiro, e inúmeras não foram reformadas. Não sei como esse dinheiro foi gasto, pois a prefeitura faz uma pintura e depois inaugura [as UBSs]”, disse, informando que nem a unidade de saúde do bairro onde ela mora – o São Geraldo – teve a reforma concluída.

Segundo Neguinha, há aproximadamente 15 dias uma adolescente de 16 anos morreu após ser picada por uma cobra e não tinha soro antiofídico. “Como é que, em pleno Século XXI, pode acontecer uma coisa dessas?”, questionou.

HRJ

Com relação ao Hospital Regional de Juazeiro (HRJ), que desde o dia 1º de junho passou a ser gerido pela Associação Proteção à Maternidade e à Infância de Castro Alves (APMICA), a vereadora disse que a unidade “é um caos, mas a nova empresa já começou a oferecer alguns serviços que estavam suspensos”.

Neguinha disse que a demanda maior no HRJ é para o setor de cirurgias. “A demanda maior é por cirurgias de próstata. Tem muita gente precisando e esperando por esse procedimento. Aqueles que não podem esperar, estão pagando caro para realizar a cirurgia”, finalizou.

A reportagem do Blog entrou em contato com a assessoria de comunicação da Prefeitura e do HRJ para obter um posicionamento sobre as afirmações da vereadora.

“Saúde em Juazeiro está morta e enterrada”, afirma Neguinha da Santa Casa

  1. Maria de Fátima disse:

    Morta e enterrada estará a senhora na próxima eleição. Blá Blá Blá…

  2. Mauro Alencar disse:

    A vereadora está certíssima. Muitas pessoas morrendo, pessoas que poderiam hoje estarem bem e com seus tratamentos em curso, estão mortas pela negligência da saúde em Juazeiro. Não existe mais tratamento nas UBS, não existe preocupação. Os profissionais de hoje em Juazeiro, foram reprovados na Disciplina Saúde Coletiva, Saúde Pública. Existe hoje pessoas trabalhando por dinheiro, sucateando seus diplomas. A organização de saúde em Juazeiro tem péssimos diretores, líderes falidos em início de carreira, triste!
    Não temos a quem recorrer por um direito tão prioritário como a saúde!! O maior hospital da Região HRJ, sem nenhuma política administrativa, isso é aceitável? Fica passando de mão em mão pra ver se dar certo! Enquanto isso mortos e aleijados. Famílias arrasadas pelas perdas, e um bocado de idiotas pousando de gestores.
    Fico por aqui.

  3. Roberto disse:

    Esta senhora e a maioria dos vereadores de Juazeiro, são co-responsáveis por esta situação caótica. Ficaram um bom tempo do lado do prefeito, esquecendo de cobrar do mesmo melhores condições para a saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *