Maria Elena quer Governo de Pernambuco investindo mais no esporte

por Carlos Britto // 30 de setembro de 2022 às 16:27

Foto: arquivo

O futebol petrolinense já protagonizou momentos históricos no Campeonato Estadual com o 1º de Maio e, principalmente, o Petrolina Social Futebol Clube (PSFC). Este último já chegou a figurar, em 2012, entre os quatro melhores times da Série A1 da competição, o que o levou inclusive a disputar a Série D do Campeonato Brasileiro. Mas os tempos de protagonismo passaram e deram lugar a uma crise que parece interminável. Por esta razão, a candidata a deputada estadual Maria Elena (UB) quer ter um olhar também para este importante segmento esportivo.

Um dos pilares que Maria Elena pretende atuar para que essa realidade comece a ser mudada é a base, elaborando projetos para melhorar as categorias que antecedem a profissional. Sobre esse assunto, ela conversou na noite de ontem (29) com o presidente da Fera Sertaneja, Jeferson Oliveira, e mães de alguns meninos que estão em processo de iniciação no futebol.

Ela explicou que, ao longo da gestão do então prefeito Miguel Coelho, quando ela ocupou o cargo de secretária municipal de Educação, Cultura e Esporte, pôde perceber o momento delicado pelo qual atravessa o futebol local. Mas o Petrolina, sob o comando de Jeferson, vem mostrando sinais de reação cada vez mais positivos. Exemplo disso é a escolinha de futebol, que serve como uma contrapartida social para ‘fabricar’ novos talentos, ao mesmo tempo em que afasta a garotada das drogas e da violência.

Na Assembleia Legislativa a gente vai levantar forte essa bandeira. Primeiro, fazer com que o esporte no Estado ganhe um status, não só no futebol. E a partir do futebol e outras modalidades, a gente quer fazer com que o esporte chegue às escolas como incentivo, incluindo aquelas em horário integral, mas também fora das escolas”, ponderou. Segundo Maria Elena, há muitas crianças e jovens com vocação também para outras modalidades, mas não têm oportunidades. Por isso, ela diz que pretende trabalhar essa questão com os municípios e com está por trás do esporte – a exemplo dos dirigentes. “Vamos tentar fazer o esporte se tornar mais ativo, mais presente, bancado pelo governo do Estado”, complementou.

Otimismo

Há três anos presidindo com dedicação e competência a Fera Sertaneja, Jeferson Oliveira acredita que Maria Elena vai reforçar o time de líderes políticos na Alepe que podem ajudar a reverter essa realidade. Ele lembra que Petrolina já é conhecida até mundialmente pela sua força econômica, mas também pode crescer no futebol. Para isso, o clube vem trabalhando com categorias de base (Sub-13, Sub-17 e Sub-20). Um dos motivos é baratear os custos com o futebol profissional a partir da prata-da-casa. Para isso, o apoio político também é importante. “Estamos na esperança com uma candidata que prometeu nos ajudar. Junto com Maria Elena e outros deputados, vereadores e prefeito, vamos trabalhar juntos pelo nosso futebol, que leva o nome da cidade pelo país”, ressaltou.

Mãe de um garoto de 13 anos, a técnica de enfermagem Lidiane dos Santos sonha em ver o filho bem sucedido no futebol. Para isso, espera o apoio de pessoas que possam dar uma colaboração fundamental ao esporte. “Quando temos a oportunidade de eleger políticos como Maria Elena, nós podemos acreditar no esporte como um elemento formador de cidadãos. Não somente o futebol, mas qualquer modalidade”, pontuou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.