Alceu Valença:Axé músic é coisa de quenga

por Carlos Britto // 26 de janeiro de 2009 às 18:10

“Eles são absolutamente negociantes. A fuleiragem music vai destruir o Brasil lá fora, porque o axé destruiu a imagem de música de qualidade que se tinha do Brasil. Existia na Europa a boa música brasileira. Só iam para Europa os tampas de crush, Caetano, Chico, Gil, Milton. O besta aqui foi muitas vezes. Tinha um tipo de público do cacete. Aí, quando entrou o axé, a fuleiragem, sabe qual o público desta música? Quenga. A fuleiragem aconteceu, mas será que sãos os músicos que fazem a música? Quem faz é o cara não gosta de música, mas sabe trabalhar a coisa, contrata uns caras, o jabaculê come por todos os lados, mas não se faz arte”.

Fonte Blog de Jamildo

Alceu Valença:Axé músic é coisa de quenga

  1. carlos disse:

    Alceu, Valeu!!!!! Concordo plenamente com as palavras do músico pernambucano. Só faltou falar desse “axé forró” que inundou as rádios, que é uma abominação, também!

  2. PAULO disse:

    Isso ai como diz o ditado popular é CALUNDU de quem nao tem publico.

  3. David nomero De Macedo disse:

    O axé é prá quem tem cabeça oco,e isso é a maioria,uma verdadeira porcaria.

  4. Pernambucano disse:

    Acho que é uma questão de cultura. Também não gosto, mas respeito. Como também não gosto da músicas dele, mas tem quem queria perder tempo ouvido. Também não gosto do Calipso, mas respeito a cultura do povo do Pará. O Rio de Janeiro tem aqueles funks, que também não é lá grandes coisas.
    Paciência, ele como se acha um grande compositor e cantor que procure e saiba conquistar adeptos para ouvir suas músicas.
    Acho que em vez de perder tempo falando de outros estilos musicais, ele deveria procurar criar músicas novas, e não viver somente do passado. Talvez seu tempo já tenha passado.
    O Brasil é bom pela diversidade.
    É a vida, é bonita, é bonita.

  5. Hércules Batista disse:

    O nosso queridíssimo ALCEU VALENÇA, é muito bom!!! Mas esta declaração dele foi à pior que já ouvir dizer, pois a musica Brasileira, cujo nome já está dizendo Brasileira, cujo ele também tem sua parcela de contribuição, pois é um dos bons cantores como tanto outros que existe, já mas deve recriminar nenhum gênero de musica seja ela caipira, brega, pop, rock, axé e até mesmo a LA BELLE DE JOUR, grande autarquia deixe disso, deixe o outros ganhar o seu pão de cada dia, continue nos dando a alegria de lhe ouvir cantar. MPB é para todos os gêneros.

  6. Concordo plenamente com meu conterrâneo!!!!
    É isso aí, Alceu!!!
    Esse pessoal quer fazer sucesso apelando pra baixaria!!!

  7. Georllan Nogueira disse:

    Sou fã demais de Alceu, Gal, Chico, Lenine, Caetano, Gil, Bethania, Geraldo Azevedo, meu conterraneo, mas sinceramente não esperava essa de Alceu, foi lá embaixo mesmo. Concordo com a opinião de algumas pessoas acima, respeitar é a melhor coisa. Existe espaço para todos. Infelizmente tem muita porcaria na música, mas isso não é privilégio só do AXÉ não…

  8. BAIANO disse:

    RAPAZ.. EU INTENDO MUITA GENTE do comentario… sou baiano adoro a bahia e respeito pernambucano e perambuco… mas o axé tem muita coisa boa sim como tem muita musik que nao presta… como eu tb me envergonho de algumas musicas realmente…. mas nesse mundo tem todo tipo de gente querendo subir fazendo musik de verdade e musik apelativa… respeito opniao de quem respeita todas as diferenças musicais

  9. João disse:

    Existem musicas para apreciar e outras para se divertir!

  10. Danilo da Silva Andrade disse:

    Olha sou fã de Alceu, ouço suas musicas com a maior vontade, agora este comentário destrói o que ele já construiu até hoje, acho de muito pouco bom senso. Porque vamos analisar da seguinte forma.

    1 – Já se imaginou pulando carnaval ouvindo Caetano Veloso, Ana Carolina, Djavan, Gilberto Gil, etc.

    2 – Já se imaginou no São João dançando forró ao som de Chiclete com Banana, Asa de Águia, Motumbá, Danyela Mercuri, Tatau, Araketu, Timbalada, etc.

    São estas coisas que não entendo, acho que devemos respeitar a cultura dos outros, cada estado tem a sua, e até mesmo os outros países, então o certo mesmo é cada um respeitar o espaço do outro.
    Entendo também que Alceu perdeu muito espaço, ele tem uma boa musica, porém os tempos são outros, veja a quanto tempo ele não vem ao Vale do São Francisco visitar as rádios, mostrar sua arte.
    vejo ainda que é preciso fazer algo pela cultura de um modo geral.

    A cultura deve ser respeitada de uma forma geral.

    Abraços,

    Danilo da Silva Andrade

  11. Robson disse:

    Concordo plenamente com a opinião sobre este tal de axé.
    Parte da imprensa deu espaço e a qualidade da música brasileira esta perdendo o respeito.

    Bater em lata não é música.

  12. Opara disse:

    Alceu Valença é um artista ultrapassado.

  13. Bento Gonçalves disse:

    Que Alceu exagerou na crítica, isso é fato. Mas uma coisa é inegável: a qualidade música produzida na Bahia decaiu sim. Ou será que pode se medir a qualidade da música que um Armandinho fazia, há trinta anos (pra animar o carnaval!) e um tal “bota a mão no tabaco?”, “kuduro”, etc? Evolução dos tempos? Ou degradação?

  14. Genival Remigio disse:

    Concordo plenamente com Alceu Valença,

    Tambem é importante lembrar que a grande maioria das pessoas que curtem esse tipo de musica possuem um baixo nivel cultural.

  15. antonio carlos disse:

    o que mais me chama a atenção, e uma atitulde dessa com racismo a musica baiana partindo de uma pessoa como Auceu valença. agora clssificar a mulher que curte a musica baiana de quenga e uma falta de respeito muito grande da parte do Alceu Valença. o pior desta atitulde e que como o nosso Alceu tem muitos artista que se julgam além do bem e do mal, e pior ainda se acham no direito de julgar as pessoas e seus hábitos e direitos de gostar de qualquer coisa. e ainda tem gente racista como ele, que apoia a atitulde dele.

  16. carlos disse:

    Agora pegou, Antonio Carlos! Nem toda música baiana é ruim, vide Caetano, Gil, Xangai, Elomar,etc,etc. E também não se trata,claramente, de racismo: racismo é outra coisa, totalmente diferente.Nós estamos falando de qualidade da arte chamada música, não estamos discriminando o povo baiano, certo? Um abraço.

  17. Felipe Barroz disse:

    Ola amigo! Nao sou de ficar fazendo comentario, mas eu queria parabeniza-lo pelo otimo site que voce tem! Continue com esse otimo trabalho!

  18. Paulo, Salvador disse:

    Isso é pura inveja e preconceito.Concordo q algumas músicas passam dos limites, mas não se pode generalizar, a música baiana se fortaleceu muito em todo Brasil, um ritmo que é sinonimo de alegria e irreverência que se consolidou graças à competência dos artistas baianos. Alceu Valença é pernambucano (isso já expica a inveja), e pernambucano se ressente muito pelo fato de o rítmo da Bahia fazer tanto sucesso em nível nacional, puro ciúme. Como cantor ultrapassado que é, a única coisa que ele pode fazer para aparecer um pouco, é dando declarações desse tipo. RESPEITEM O AXÉ-MUSIC!!!!!!!!!!!!!!

  19. JCB disse:

    Essa é a declaração mais infeliz que já “ouvi”, será que pessoas de todas as nacionalidade só porque gosta do axé music são quengas? será que um ritmo qu arrasta mutidões em todo mundo e de diversas culturas é tã um assim, se o axé music fosse tão ruim assim não teria alcançado os 4 cantos do planeta, acho que essa declaração é mais dor de cotovelo, por ele não ter mais o prestigio que tnha atigamente, um artista em decadencia que com essas declarações só faz acelerar a sua decadencia. AXÉ MUSIC É CANTADO EM TODO MUNDO, E UM RITMO MUNDIAL!

  20. olavo bruno disse:

    cuidado, qualquer critica negativa pode dar em intolerancia ou polemica alceu valença exagerou um pouco.

  21. olavo bruno disse:

    alceu valença tem um pouco de razão a gente só escuta diluição do baião da música caipira e hip hop,axé music e waldick soriano são farinha do mesmo saco alceu dessa vez acertor alceu cabra da peste.

  22. olavo bruno disse:

    axé music é uma diluição de ritmos caribenhos é herdeira do astral ufanista atraves de dom e ravel intrepretes de eu te amo meu brasil de 1970,axé lembra odair josé.

  23. pessoal tá havendo desigualdade músical brasileiro pobre ivan lins tem que penar pra continuar na mídia enquanto reginaldo rossi é tratado como rei,chico buarque apos ficar sem gravar lança 1 disco novo enquanto amado batista fabrica mais seus albuns novos pra piorar os cantores de mpb tão perdendo espaço das rádios em brasilia onde moro quase não toca belchior nem cazuza tem um programa da nativa fm que tem quadro que toca música do roberto carlos,resumindo mpb tá realmente perdendo espaço das rádios só tem espaço nas trilhas sonoras globais e rádios que toca nesse estilo noticia triste para fãs do chico buarque e alegria pro jabacule de rádio não vale a pena ser culto e civilizado no brasil como diz datena essa é mais uma dura realidade,realidade triste e realista.

  24. o site faxina cultural do geocities tem o texto mpb tem pouco espaço das rádios e o texto tem noticias ruins só o zeca pagodinho tem espaço das rádios populares,ana carolina felizmente tem facilidade de conquistar o grande publico ha desigualdade músical entre mpb e brega flávio venturini tem que penar pra continuar na midia e odair josé é tratado como rei pelos universitários,falando em axé o genero perdeu recentemente espaço das rádios mas seu espaço continua,música ruim saiu nas rádios isso é mentira foi a música de qualidade que saiu brasilia onde moro atualmente toca mais sertanejo ou breganejo na epoca em que eu tava em fortaleza as rádios tocava mais matruz com leite,saia rodada e aviões do forró se alguem concodar comigo fico grato ou pode me corrigir uma boa noite por demais internautas.

  25. Fala Sério !!! disse:

    Interessante é que na mesma época em que foi postada a declaração, Alceu estava com show programado para Salvador, BA. Pois é, o baiano valoriza o que é bom, tanto é assim que ele fez show de graça para todo mundo curtir democraticamente.
    Mas, lamentavelmente, música que apela para a baixaria não é exclusividade de baiano; ainda tem o fato de que nem toda música denominada da “axe music” pode ser assim considerada. Acho que Alceu precisa atualizar-se, até mesmo porque a baixaria reina solta nos 4 cantos do Brasil, nos mais diversos estilos musicais. Outra coisa importante: o baiano não tem dificuldade alguma em reconhecer o talento de quem quer que seja e também de apontar aquilo que não serve. A Bahia é a terra que abraça, carinhosamente, qualquer cultura, se menosprezar. Tem gente que gosta muito da baixaria; eu, particularmente, repudio; seja ela advinda do RJ, CE, PE, MA, PI, SE, BA, etc. Vejamos então a notícia abaixo tirada de internet:

    BAHIA NOTÍCIAS
    SAMUEL CELESTINO
    24 de Janeiro de 2009
    ALCEU VALENÇA DE GRAÇA HOJE EM SALVADOR
    Cantor se apresenta às 22h no Jardim de Alah
    Uma boa pedida da agenda cultural de hoje de Salvador, e de graça, é a apresentação do cantor e compositor Alceu Valença no palco da 6ª Bienal de Cultura da UNE, no Jardim de Alah. O show, em clima de lual, começa às 22h. Saiba mais opções de diversão clicando em Entretenimento.

  26. Fala Sério !!! disse:

    # Fala Sério !!! disse: Seu comentário está aguardando moderação.
    14 de agosto de 2009 às 16:27

    Interessante é que na mesma época em que foi postada a declaração, Alceu estava com show programado para Salvador, BA. Pois é, o baiano valoriza o que é bom, tanto é assim que ele fez show de graça para todo mundo curtir democraticamente.
    Mas, lamentavelmente, música que apela para a baixaria não é exclusividade de baiano; ainda tem o fato de que nem toda música denominada da “axe music” pode ser assim considerada. Acho que Alceu precisa atualizar-se, até mesmo porque a baixaria reina solta nos 4 cantos do Brasil, nos mais diversos estilos musicais. Outra coisa importante: o baiano não tem dificuldade alguma em reconhecer o talento de quem quer que seja e também de apontar aquilo que não serve. A Bahia é a terra que abraça, carinhosamente, qualquer cultura, sem menosprezar. Tem gente que gosta muito da baixaria; eu, particularmente, repudio; seja ela advinda do RJ, CE, PE, MA, PI, SE, BA, etc. Vejamos então a notícia abaixo obtida na internet:

    BAHIA NOTÍCIAS
    SAMUEL CELESTINO
    24 de Janeiro de 2009
    ALCEU VALENÇA DE GRAÇA HOJE EM SALVADOR
    Cantor se apresenta às 22h no Jardim de Alah
    Uma boa pedida da agenda cultural de hoje de Salvador, e de graça, é a apresentação do cantor e compositor Alceu Valença no palco da 6ª Bienal de Cultura da UNE, no Jardim de Alah. O show, em clima de lual, começa às 22h. Saiba mais opções de diversão clicando em Entretenimento.

  27. olavo bruno disse:

    não acho alceu valença ultrapassado muito pelo contrario alceu um dia já foi bom que bem que teve pouca inovação na mpb temos vanessa da mata,zeca baleiro,paulinho moska,maria rita e ana carolina só a ana carolina tem espaço pra grande publico voltando do axé alceu criticou o axé music como sabem mas o alceu vai apresentar no salvador capital baiana,pra terminar o meu texto axé music é herança do astral ufanista do governo médici na década de 70.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *