Lagoa Grande ganhará Posto da Junta Comercial de Pernambuco

O município de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, ganhará um posto da Junta Comercial do Estado de Pernambuco (Jucepe)/RedeSIM. O serviço será implantando na Sala do Empreendedor da cidade. A parceria foi assinada ontem (7), pelo vice-prefeito Ítalo Ferreira  e a presidente da Jucepe, Taciana Coutinho, no seminário do Simples Nacional para Gestores, no Recife.

O convênio pretende beneficiar diretamente mais de 5 mil empreendedores (entre produtores rurais, artesãos, cabeleireiros, barbeiros, marceneiros, pedreiros, pintores, eletricistas, serralheiros, borracheiros, carpinteiros, bombeiros hidráulico, mototaxistas, açougueiros, costureiras etc) que desejarem regularizar suas atividades e expandir seus negócios. (foto/divulgação)

Lagoa Grande: Harmonia entre prefeito e aliados seria apenas aparente, segundo fontes

Fontes que transitam muito bem pelo centro do poder de Lagoa Grande (PE), Sertão do São Francisco, e a Câmara de Vereadores local não engoliram muito a harmonia que o ‘governo do avanço’, comandado pelo prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB) quis deixar transparecer em notas enviadas à imprensa nesta última semana, especialmente com sua base no legislativo.

Segundo se comenta na cidade, Cappellaro só conta mesmo com cinco vereadores dos 11 que integram a Casa Zefferino Nunes Gomes, apesar que oficialmente prefira dizer que tem maioria. E o ‘xis’ da questão se chama Josafá Pereira (PTB), vereador eleito na coligação de Cappellaro e que está em seu segundo mandato.

As informações de bastidores revelam que desde quando Josafá deixou de apoiar um nome do governo para a Mesa Diretora da Câmara Municipal, se juntando à oposição e derrotando a situação na Casa, o ´pé atrás’ com ele existe entre os que fazem a nova gestão lagoagrandense.

Também se comenta na cidade que não só Josafá, mas Cappellaro deve se preocupar também com outros vereadores de sua base que dizem estar insatisfeitos, e isso pode enfraquecer ainda mais a gestão.

Representante do Incra visita assentamentos no Sertão pernambucano

Quem andou visitando o Sertão pernambucano na última sexta-feira (2) foi o diretor de Desenvolvimento de Projetos de Assentamento do Incra, Ewerton Giovanni dos Santos. A agenda incluiu as cidades de Petrolina, Lagoa Grande e Santa Maria da Boa Vista, na região do São Francisco.

Acompanhado pelo superintendente regional do Incra, Bruno Medrado, Ewerton teve reuniões com os prefeitos Miguel Coelho (Petrolina) e Vilmar Cappellaro (Lagoa Grande)

Ele também participou da cerimônia de entrega de 622 títulos provisórios (CCUs) na Câmara Municipal de Santa Maria da Boa Vista, além de visitar as áreas produtivas dos Assentamentos Safra, em Santa Maria, e Ouro Verde, em Lagoa Grande.

À tarde houve um grande encontro no Projeto de Assentamento Mansueto de Lavor, em Petrolina, que contou com a presença de vários agricultores de diversos Assentamentos do Município de Petrolina.

Ações

O superintendente do Incra, Bruno Medrado, avaliou a vinda do diretor como um passo importante para o órgão continuar efetivando ações quanto ao desenvolvimento dos assentamentos da região. “Temos avançado muito na liberação de créditos, no apoio à infraestrutura dos assentamentos. Agora vamos começar o processo de titulação dos Assentamentos, que vai representar a independência dos nossos Assentados”, declarou.

Ewerton destacou a importância do Decreto 9.066/2017, assinado pelo presidente Michel Temer no último dia 31/05, que simplifica a concessão de créditos ao público da Reforma Agrária, e também reforçou a importância da entrega dos títulos definitivos de terras aos assentados.

Lagoa Grande: Apesar de estar apenas iniciando gestão, Cappellaro não escapa das críticas

Em Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, a população não está dando tempo ao atual prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB) nesse início de gestão. Ele vem sofrendo um verdadeiro ‘bombardeio’ de críticas. A situação tem chamado a atenção na região.

O desabafo dos lagoagrandenses é feito via imprensa, com ênfase nos blogs locais e nas mídias sociais. As reclamações são feitas principalmente nas áreas de saúde, educação e em serviços como o apoio a estudantes universitários, que tinham transporte de graça para se deslocar a instituições de ensino localizadas em cidades vizinhas como Petrolina – cortado por Cappellaro.

Esse impasse ocorre desde o começo do ano. Mais recente, a falta de medicamentos nas unidades básicas de saúde reforçou a lista de críticas ao gestor, que após as reclamações terem se multiplicado, fez aparecer da noite para ao dia os medicamentos nos postos.

Cappellaro tem pedido calma, diz que sabe que as demandas são muitas e que tem procurado executar o que pode na gestão, mas além da situação econômica atual ser ruim no País, recebeu “uma herança de dívidas” que tem inviabilizado seu trabalho nesse começo de administração, o que o impede de colocar em prática até o momento a sua proposta de governo. Ele reforça que é cedo, pois irá cumprir o que se propôs durante a campanha eleitoral.

Só que ele sabe que já está no meio do ano e vem ficando difícil a população entender seu argumento, diante da urgência e da expectativa que o povo de Lagoa Grande tinha de sua atuação como prefeito, já que tem boa fama como administrador na rede privada. Esse, com certeza, deve ser o principal desafio de Cappellaro no seu primeiro cargos político. É aguardar.

Lagoa Grande: Fernando Filho visita obra feita com recursos de emenda de sua autoria

O ministro das Minas e Energia Fernando Filho esteve neste domingo, 28, no distrito de Serra das Lages,  zona rural de Lagoa Grande (PE), Sertão do São Francisco. Ele acompanhou o início dos trabalhos de perfuração de um poço artesiano na comunidade, obra realizada com recursos de emenda parlamentar individual apresentada por ele, enquanto deputado federal.
Na visita, o ministro foi acompanhado dos ex-prefeitos Robson e Dhony Amorim, além  dos vereadores Iara, Carlinhos Ramos, Professor Vavá e do ex-vereador Joaquim da Rocinha. Na sequência, Fernando Coelho Filho conheceu a horta orgânica cultivada pelo agricultor Aldeci Nogueira Dias. (Foto: Ascom)

Lagoa Grande: Pais de alunos denunciam cobrança para participação em desfile cívico; prefeitura nega

Em Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, já foram iniciados os preparativos para o 22º aniversário de emancipação política da ‘Capital da Uva e do Vinho do Nordeste’, a ser comemorado no próximo dia 16 de junho. Mas uma polêmica em torno do desfile cívico ganhou repercussão nos últimos dias: a Secretaria Municipal de Educação estaria cobrando uma taxa de R$ 25 dos alunos para participarem do ato. O fato foi denunciado por pais de estudantes e gerou muitos comentários e questionamentos negativos nas redes sociais.

Em nota enviada pela assessoria, a Secretaria de Educação nega a cobrança e diz que vai apurar o ocorrido.

Acompanhe:

A Secretaria de Educação de Lagoa Grande esclarece que em nenhum momento foi estipulado cobranças de taxas ou qualquer colaboração financeira para que os alunos da rede municipal de ensino participassem do desfile cívico em comemoração à festa de aniversário da cidade, não possuindo esta administração conivência ou mesmo ciência de tal prática.

Importante salientar que, ainda que remotamente, acaso tenha havido alguma cobrança equivocada, esta será apurada, e se constatada, terá a correta reprimenda legal, vez que esta gestão tem a plena consciência da importância da educação de qualidade e gratuita, sem qualquer tipo de condicionantes para o seu pleno acesso.

A Secretaria de Educação informa ainda, que dará todo apoio necessário para que o desfile seja realizado com participação de todo o alunado e com todo o brilhantismo.

Ascom/PMLG

(foto/reprodução Diário Popular)

Afrânio e Lagoa Grande amargam piores colocações do sertão do São Francisco em ranking da transparência no estado

Enquanto Serra Talhada (PE), no Sertão do Pajeú, alcançou o topo da transparência pública em Pernambuco com nota 10 na pontuação, outras cidades sertanejas do Estado tiveram performance nada positiva no levantamento, como Lagoa Grande, no Sertão do São Francisco, que amargou a colocação 1.064 do ranking nacional, com nota  3,05. Já Afrânio nem pontuação teve: foi zero mais uma vez, como na segunda edição da escala.

A ‘capital da uva e do vinho do Nordeste’ e a ‘capital do doce de leite’ ficaram atrás na região das cidades de Santa Maria da Boa Vista, que obteve 5,27 de pontuação; Cabrobó, com 6,30; Dormentes, que teve 3,33; e Petrolina com nota 5.

O levantamento divulgado na última quinta (11) foi feito de junho a dezembro do ano passado pelo Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU). O ranking corresponde a 3ª edição da Escala Brasil Transparente (EBT). A metodologia avaliou o cumprimento da Lei de Acesso à Informação (LAI) em 26 estados, no Distrito Federal e em 2.328 municípios brasileiros e foi conhecido na última quinta, 11.

Além de Serra Talhada, também obtiveram nota 10 no Estado Recife e São Vicente Ferrer. O ranking da EBT em Pernambuco pode ser conferido neste link https://relatorios.cgu.gov.br/Visualizador.aspx?id_relatorio=23. Com a palavra, os representantes das duas prefeituras.

 

Lagoa Grande poderá ganhar fábrica de Cachaça

Representantes do Sindicato dos Técnicos Agrícolas (Sintag-PE) estiveram no dia de ontem (11) com o prefeito de Lagoa Grande (PE), Vilmar Cappellaro.

Na pauta, discutida entre o presidente da entidade e o gestor municipal, estavam os acordos e projetos-pilotos para implantar uma unidade da Cachaçaria Melicana, além de selar parceria técnica com o Sintag-PE. As expectativas disso são atrair os investimentos para gerar empregos e renda em Lagoa Grande.

Ex-secretário de Educação de Lagoa Grande denuncia escola entregue ao abandono

O ex-secretário de Educação de Lagoa Grande no Governo Dhoni Amorim, Daniel Torres, não conseguiu segurar sua indignação ao tomar conhecimento do atual cenário da Escola Municipal Eduardo Campos. Pelas redes sociais, ele lamentou profundamente o estado de abandono pelo qual se encontra o estabelecimento de ensino.

Confiram:

Paramos um pouco pra ver as notícias da semana e nos deparamos com este lamentável, triste, horroroso e deprimente episódio contra o patrimônio da Educação do nosso município.

Não há como não nos indignarmos ao vermos estas tristes imagens. Não há uma única justificativa para que isso aconteça. A Escola Eduardo Campos é um patrimônio valioso do nosso município, é um diferencial, foi a primeira e ainda talvez seja a única do Nordeste deste porte. Teve suas obras iniciadas e finalizadas durante nossa gestão.

Mas entre o sonho inicial e a inauguração, foram praticamente três gestões, três gestores que lutaram por isso, e só por isso já exigia um cuidado maior, o zelo diferente por todos. É inaceitável que os gestores trabalhem tanto, invistam dinheiro e energia para construir e cuidar do patrimônio público, e um pequeno grupo de pessoas, gente que não tem respeito pela cidade, pela sua gente, faça esse tipo de ação estúpida.

Não há como continuar aceitando esse tipo de crime (Art. 163 – Código Penal Brasileiro), e achando que é assim mesmo, que é culpa de A ou de B, que falta isso, faltou aquilo, que é só arrumar e está tudo certo…Não, não é assim mesmo! Até porque não foi a primeira vez, já aconteceu com outros equipamentos recém-inaugurados. As autoridades policiais precisam dar uma resposta imediata e segura em relação a isso. Mas acima de tudo, que possamos nós fazermos a nossa parte. Acredito que o dever do zelo é de todos.

Daniel Torres/Ex-secretário de Educação – Lagoa Grande

(foto/reprodução)

Transporte de universitários de Lagoa Grande é apreendido pela AMMPLA

Um grupo de estudantes universitários do município de Lagoa Grande, sertão do São Francisco, passou por um constrangimento na noite da última quinta-feira, 27. Quando saíam das aulas e retornavam para casa, os ônibus que transportavam o grupo foram impedidos de seguir viagem pelos fiscais da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA). Os universitários retornariam para Lagoa Grande e Vermelhos, povoado que fica 20 km de distância da sede do município.

Conforme a ocorrência, os veículos estavam com documentação irregular e falta de autorização para realizar esse tipo de transporte. A operação aconteceu no estacionamento externo da Faculdade de Ciências Sociais e Aplicadas de Petrolina (Facape), na Cidade Universitária, zona leste de Petrolina.

Os estudantes ainda tentaram convencer os fiscais a liberarem pelo menos um dos veículos, pois tinha uma aluna grávida e no horário não havia mais as vans que fazem a linha regular entre as duas cidades, mas os argumentos foram em vão.

 

Potencial da Enoteca é pauta de reunião entre poder público e empresários em Lagoa Grande

 

Proprietários de vitivinícolas de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, se reuniram com o prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB), com o objetivo de discutir ações para o aproveitamento do potencial de atuação da primeira Enoteca pública do mundo. Localizada em Vermelhos, zona rural do município, o empreendimento concentra a história da vitivinicultura regional, nacional e mundial.

A reunião contou com gestores das empresas Bianchetti Tedesco, Rio Sol, Garziera, Ducos (São Brás) e GVS Fruit Company (Sereníssima). A Labrunier justificou ausência, mas já manifestou interesse em integrar o projeto. Foram aprovados no encontro a criação de um conselho consultivo e de gestão da Enoteca como porta de entrada do enoturismo e da consolidação das atrações turísticas; a instalação de exposição permanente da história de vinho e de espumantes no mundo e na região; o cadastramento de todos os atrativos culturais, artísticos e de culinária; além de roteiros e capacitações para todos os entes envolvidos.

“Nosso desejo é que tudo o que for realizado, seja pensado, discutido, administrado e aprovado pelos parceiros públicos e privados”, declarou o prefeito Vilmar Cappellaro.

Conforme o prefeito, as ações parceiras envolverão a Prefeitura com as empresas da uva e do vinho; o governo do estado, através das secretarias da Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e do Turismo e Prodetur; universidades públicas como Univasf, instituições privadas; Instituto Federal de Tecnologias – IF Sertão; Embrapa Uva e Vinho; Instituto do Vinho; Sebrae, Senar, Senac, Senai e demais interessados. “Queremos que todos, população e turistas sejam beneficiados”, garante.

Estrutura

A Enoteca conta com estrutura para teatro, danças, palestras, aulas, seminários, lançamentos de produtos e exposições de artes. Suas instalações são arrojadas, com amplas salas de recepções, podendo ser utilizadas para coquetéis, degustações de produtos derivados da uva e espaço gourmet com o melhor da culinária típica da cidade. Com a aprovação de todos, foi elaborada uma ata e encaminhada para o gerente geral do Programa Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), Rafael Ferraz. Uma nova reunião será agendada para a participação de outras instituições parceiras.(Foto/Ascom)

Lagoa Grande inicia cadastramento cultural

O departamento da Cultura, Turismo e Esportes da Prefeitura de Lagoa Grande, no sertão do São Francisco, está com inscrições abertas para o cadastramento de todas as manifestações culturais e artísticas do município. Grupos culturais, artesãos e artistas independentes da música, teatro, dança, artes em desenho, da culinária, poetas, instrumentistas entre outras criações.

O objetivo é estreitar relação entre poder publico e artistas, na criação de políticas públicas para o setor, além de encaminhamentos para o mercado cultural associado ao enoturismo em eventos do município, região e estado.

“A exemplo do que fizemos recentemente com o grupo de jovens do Distrito de Vermelhos, com a exibição da Paixão de Cristo que foi emocionante e, o que já começamos a fazer com os artesãos; queremos realizar com todas as manifestações culturais, artísticas e esportivas da cidade. Temos obras maravilhosas, peças artesanais lindíssimas, uma culinária muito rica e precisamos apoiar” esclareceu o prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB).

Os artistas que se enquadrarem como produtores culturais também serão contemplados na parceria da Prefeitura com a Fundarpe, podendo escrever seus projetos no Fundo Estadual da Cultura –  Funcultura, para tentar a aprovação e o recebimento de recursos financeiras.

O cadastro é inteiramente gratuito e o período será de 27/04 (quinta-feira) até o dia  05 de maio. na Sede da Prefeitura, no horário de 08h ás 12h. (Foto: Ilustração/Ascom)

 

 

 

 

Lagoa Grande: Professores das redes pública e privada são incluídos na Campanha de Vacinação contra Gripe

A Secretaria de Saúde de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, deu início à campanha nacional de vacinação contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circulam no país: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. A novidade deste ano é que foram incluídos também como prioritários os professores da rede pública e privada – além dos profissionais da saúde das duas redes.

No dia 13 de maio (sábado) em todo o Brasil o ‘Dia D’ da Vacinação.

Além dos professores e profissionais da saúde, o público-alvo da campanha continua sendo crianças de 6 meses a quatro anos, 11 meses e 29 dias; gestantes; puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto); idosos a partir de 60 anos; e em alguns casos, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (independente de idade). O atendimento é das 8h às 14h.

Os trabalhadores da agricultura e do comércio que se enquadram no público-alvo, mas não podem comparecer nos horários, deverão procurar o PSF mais próximo de sua residência no próximo dia 27, das 17h às 21h (como já acontece toda última quinta do mês).

Condutores de Lagoa Grande passarão a contar com serviços do Detran-PE

Uma demanda antiga dos condutores em Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, parece estar perto de ser atendida. Em viagem ao Recife nesta semana, o prefeito Vilmar Cappellaro (PMDB) e o vice, Ítalo Ferreira (PDT), firmaram enfim o convênio que autoriza o funcionamento do posto avançado do Detran-PE no município. O ato ocorreu no gabinete do presidente do órgão, Charles Ribeiro, no Recife.

“Sabemos das dificuldades que enfrentamos nesses quase cem dias de governo, mas na medida que fomos colocando a casa em ordem, as ações passarão a se concretizar, como neste caso do posto do Detran-PE, processo que estava amarrado, e conseguimos resolver”, avaliou Cappellaro.

ítalo comentou que a conquista, “de muitas que estão para chegar à cidade”, contou com a articulação do deputado estadual Lucas Ramos (PSB). “Conseguimos assinar o convênio com o Detran e agora os nossos proprietários de veículos não vão mais se deslocar para Petrolina para fazer os serviços que precisam. Em breve estaremos fazendo a inauguração do espaço”, informou. (Foto: Divulgação)

 

Vice-prefeito de Lagoa Grande e a missão de cobrar da Compesa solução para falta d’água na cidade

O vice-prefeito de Lagoa Grande (PE), no Sertão do São Francisco, Ítalo Ferreira (PDT), bem que poderia aproveitar os encontros que anda tendo com o presidente da Compesa, Roberto Tavares, para ajudar o prefeito Vilmar Capellaro (PMDB) no reforço às reivindicações da população, que está sofrendo com falta d’água constante na cidade. Existem relatos de bairros e localidades sem uma gota d´’água nas torneiras por, em média, 15 dias. Quando o líquido chega às torneiras dos moradores, já é madrugada e com pouca pressão.

Aproveitando sua influência junto ao Governo de Pernambuco, ítalo pode solicitar também nessa missão, o reforço do deputado estadual Lucas Ramos (PSB). A população de Lagoa Grande, com certeza, ficaria satisfeita com a atenção dada a esse problema de desabastecimento, que é antigo por lá.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br