Presidente da Codevasf e Fernando Bezerra anunciam fim da PPP do Pontal

No primeiro ato de governo do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), ocorrido nesta segunda-feira, 2, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) e a presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Kênia Marcelino, trouxeram uma boa notícia para os produtores locais. O distrato com a empresa que detinha a concessão do Projeto Pontal. Conhecido como a PPP do Pontal, o modelo que sempre recebeu críticas dos agricultores, já passará para o modelo tradicional de implantação, como já existe nos perímetros Nilo Coelho e Maria Tereza.

A expectativa é que ainda esse ano seja anunciado a conclusão das obras do projeto e a ocupação do Pontal que está parado sem produzir a quase 15 anos. Perguntado se era uma surpresa para a região esse anúncio da mudança de modelo com o distrato feito com a empresa ganhadora da concessão no Pontal, o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB), informou que já tinha falado a respeito cinco meses atrás na posse do atual superintendente da Codevasf em Petrolina, Aurivalter Cordeiro.

“Na realidade não foi surpresa. A gente já disse na posse de Aurivalter que iriamos rever o modelo, um pleito que vinha sendo defendido pelo deputado federal Guilherme Coelho. Foi um acordo amigável. Os empresários desistiram da implantação do projeto e a Codevasf está ultimando a celebração do distrato, o que vai permitir que seja feita a licitação das áreas já no modelo tradicional”, frisou FBC.

Investimentos

Conforme estudos da Codevasf, serão necessários R$ 150 milhões para a conclusão do Projeto Pontal para iniciar a licitação das áreas. Bezerra Coelho afirmou que esperar trazer o presidente Michel Temer (PMDB) à Petrolina para anunciar esses investimentos e outras ações que deverão ser celebradas entre a União e a Prefeitura de Petrolina.

“Vamos trabalhar também junto ao ministro Dyogo Oliveira (Planejamento) para colocar o Pontal de volta no PAC e assina garantir os investimentos necessários para concluir e fazer o Pontal produzir”, acrescentou o senador. A presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, que visitou o Pontal antes do ato do prefeito Miguel Coelho ocorrido na 3ª superintendência do órgão em Petrolina, revelou que o órgão já inicia de imediato os estudos para que o distrato ocorra de forma ágil os lotes passem a ser ocupados.

“Estamos discutindo com o Incra a situação da ocupação que hoje está na área, para que seja feita de forma muito tranquila a reintegração de posse e assim iniciarmos o processo de estudos de conclusão da obras necessárias ao início da produção no Pontal”, registrou a presidente.

O deputado federal Guilherme Coelho considerou o distrato um avanço fundamental para que o projeto Pontal irrigue as terras da região. “A presidente nos traz uma notícia fantástica, que vai trazer prosperidade a muitas pessoas que receberão um lote irrigado. Meu pai (ex-deputado Osvaldo Coelho) lutou contra essa PPP em seus últimos anos de vida, e agora o sonho de Osvaldo foi realizado”, festejou o deputado.

Comentários

2 ideias sobre “Presidente da Codevasf e Fernando Bezerra anunciam fim da PPP do Pontal”

  1. Sempre Atento disse:

    Vamos ver se esta carroça agora anda,pois passou 8 anos com os pneus furados,pois não tinha nem um borracheiro na região.

  2. Maria disse:

    A volta da codevasf só para os amigos do rei. Os pequenos, ora, não são nada para ter direito a alguma coisa. Vai povo bater panelas contra si.

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Chuva volta ao Pajeú e assusta moradores

30/04/2017 às 13:34 por Carlos Britto

Bagagens voltarão a ser cobradas por empresas aéreas

30/04/2017 às 10:27 por Carlos Britto

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br