Prefeito de Trindade se defende de acusação do MPPE e nega desvio de dinheiro; assista

0

O prefeito de Trindade (PE), no Sertão do Araripe, Everton Costa, se defendeu da acusação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) de provocar um rombo de R$ 3,2 milhões nas contas do Fundo Municipal de Aposentadorias e Pensões (Fumap).

O MPPE pediu seu afastamento e citou outros envolvidos, como este Blog mostrou. Num vídeo publicado em seu perfil no Facebook, Everton Costa disse que ainda não foi notificado e nega qualquer tipo de desvio. Acompanhe o vídeo divulgado pelo prefeito acima.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome