Mulheres denunciam agressores em Afrânio e Petrolina

0

Violência contra a mulherApesar da Lei Maria da Penha em vigor desde 2006, os casos de violência contra mulheres vêm se tornando cada vez mais rotineiros. Somente ontem (27) foram registrados três. Um deles aconteceu em Afrânio (PE), Sertão do São Francisco.

Segundo boletim do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o acusado é Laércio Santana Rodrigues, de 27 anos. Ele teria agredido sua esposa, K.M.L, de 37, com vários socos, deixando escoriações na boca e na testa dela. Para se defender, a vítima pegou um pedaço de cano e atingiu o companheiro, cortando seu supercílio. Após ser detido, ele foi encaminhado à 1ª Delegacia de Polícia Civil (DPC) em Petrolina.

Também em Afrânio duas mulheres foram vítimas de Antônio Barros de Santana, 46. Segundo informações policiais, ao chegar à sua casa o acusado passou a discutir com a companheira dele, M.R.C.L, 28, sem motivo algum. Para evitar maiores problemas, ela foi para a casa da vizinha e acionou a polícia. Assim que a viatura chegou ao local, outra vítima do agressor, L.T.C, de apenas 13 anos, teria sido ameaçada por Antônio – segundo a mãe da garota – com uma espingarda. O acusado foi trazido para a 1ª DPC para as medidas cabíveis.

O outro caso foi registrado no bairro Vila Esperança, zona norte de Petrolina. Francisco Vandeilson de Souza, 32, foi até a residência da ex-esposa dele, J.S.R, 46, e a agrediu também com socos e puxando seus cabelos. Em seguida ele fugiu. A vítima foi orientada por vizinhos a prestar queixa na delegacia contra o agressor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome