Leitor afirma que médica de Posto de Saúde da zona rural de Juazeiro se recusou a lhe atender

1

Em e-mail enviado a este Blog, o leitor Rafael da Mota Nogueira diz que uma médica do posto de saúde do Povoado de Campos, no distrito de Maniçoba, zona rural de Juazeiro (BA), recusou-se a atendê-lo na última segunda-feira (16). De acordo com ele, a profissional teria chegado atrasada à unidade. Para registrar o ocorrido, Rafael conta que filmou o horário em que ela chegou ao posto. Incomodada, a média teria lhe advertido sobre seu direito de imagem. Depois disso a médica teria dito que não iria mais atendê-lo.

Acompanhem:

Me chamo Rafael da Mota Nogueira, morador da comunidade de Lagoa da Pedra. Solicitei, há mais ou menos um mês, o agendamento de uma consulta médica na Unidade Básica de Saúde de Campos, Distrito de Maniçoba, que foi agendada para o dia 16/10/2017. Funciona da seguinte maneira: temos que chegar às 7 da manhã para pegar a ficha (ordem de chegada), enquanto o atendimento, segundo os funcionários do Posto, inicia às 9 horas.

Nesta segunda-feira, a médica não veio no carro da Secretaria de Saúde, chegando em carro próprio às 10 horas e 24 minutos. Fiz uma filmagem da médica chegando à unidade, informando o horário de sua chegada, mas ela, não gostando da minha ação, me inteirou do seu direito de imagem. Então, informei à mesma que ela é servidora pública no exercício de suas funções. Acompanhei-a até a sala do consultório, onde fui informado pela própria: “não vou te atender hoje, tá, só pra te avisar que não vou te atender”.

Às 11 horas e 57 minutos, não atendendo mais nenhum paciência, fui até a sua sala e perguntei: “Eu queria saber se ainda vou ser atendido”. E, mais uma vez, fui informado pela médica: “Eu já disse que não vou te atender”. Frisou outra vez da não autorização da filmagem, ainda chamando o motorista do carro da Secretaria de Saúde para me intimidar. E não é a primeira vez que a médica chega atrasada ou falta. Gostaria do posicionamento da Secretaria de Saúde de Juazeiro.

Rafael da Mota Nogueira/Leitor

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome