Cancão entrega a Paulo Câmara relatórios sobre balanço da violência em Petrolina e ouve promessas

O vereador Ronaldo Cancão (PTB) entregou nas mãos do governador de Pernambuco Paulo Câmara (PSB), durante a mais recente passagem do socialista pelo Sertão do Araripe, na última sexta-feira (5), em Ouricuri, o relatório das audiências públicas sobre a criminalidade em Petrolina. Os dois debates – um realizado no Bairro José e Maria, e o outro no São Gonçalo – foram requeridos por ele.

Segundo Cancão, também foi entregue ao governador uma pauta contendo as reivindicações dos petrolinenses para conter a onda de violência na cidade.

O governador me disse que quando o Seminário ‘Pernambuco em Ação’ for realizado em Petrolina, já chega com novidades referentes à questão de segurança”, afirmou Cancão. O secretário de Defesa Social, Angelo Gioia, que integrou a comitiva de Paulo Câmara ao Sertão, também participou da conversa.

O vereador petrolinense informou aos dois que o comando do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) tem feito um bom trabalho, mas a estrutura do órgão não está ajudando a frear a violência no município. “As viaturas estão sendo recolhidas do interior, após as 23h, para a sede. Admitindo essa questão financeira do Estado, também há uma certa limitação no combustível”, frisou. O vereador disse ainda ter solicitado mais câmeras de monitoramento e armamento para a polícia – incluindo uma parte dos 50 fuzis e das 113 novas viaturas adquiridas pelo governo, uma vez que a frota dos veículos na cidade foi reduzida.

Batalhão especializado

Além disso o vereador cobrou a convocação urgente de mais policiais civis, especificamente para a Delegacia do Ouro Preto, devido à demora nas ocorrências feitas pelos policiais rodoviários federais e militares, que chegam a passar mais de uma hora para realizar o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). “Enquanto a viatura fica parada todo esse tempo, ela deveria estar guarnecendo a sociedade”, justificou. Outro compromisso de Paulo Câmara com Cancão foi o aumento no quadro do 5º BPM, uma vez que existe a expectativa de que 80 PMs se aposentem este ano. “Tínhamos 500 praças há 18 anos, e Petrolina tinha uma população perto dos 170 mil habitantes. Hoje tem 340 mil e o efetivo da polícia está muito menor”, externou. Cancão também pleiteou a instalação de um batalhão especializado, específico para o município. “Essa foi a nossa conversa. O governador se mostrou sensível, vamos aguardar para que ele possa nos ajudar nessa nossa luta para preservar a vida“, concluiu.

Comentários

2 ideias sobre “Cancão entrega a Paulo Câmara relatórios sobre balanço da violência em Petrolina e ouve promessas”

  1. Sandro disse:

    Será que ele ao menos vai olhar esse documento?

  2. ANSELMO disse:

    ACHO QUE ELE ESQUECEU EM OURICURI JA ERA KKKK

Deixe uma resposta

Últimas notícias

Terreno baldio incomoda moradores no Alto da Boa Vista

22/06/2017 às 19:05 por Carlos Britto

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br