Vândalos arrombam posto de saúde no bairro João de Deus e destroem equipamentos

6

20140802_14363820140802_144020Um posto de saúde foi arrombado neste sábado (2) no bairro João de Deus, zona oeste de Petrolina. Segundo boletim do 5º Batalhão da Polícia Militar (BPM), moradores da área perceberam movimentação estranha na unidade de saúde Álvaro Rocha e acionaram os policiais.

Ao chegar ao local, a equipe constatou que duas janelas haviam sido quebradas. Segundo as informações, os vândalos destruíram materiais odontológicos e de enfermagem, além de espalharem vários objetos por toda unidade, além de quebrarem vacinas, uma cadeira odontológica e o condicionador de ar. Nenhum suspeito foi localizado.

A assessoria de comunicação da prefeitura informou que devido ao fato, nesta segunda-feira (4) a equipe da Secretaria de Saúde fará o balanço dos materiais perdidos e equipamentos danificados. Assim, a unidade estará fechada. A população atendida pelos profissionais da unidade, em casos de urgência médicas, deverá se encaminhar à Unidade de Saúde Josefa Bispo, localizada na Rua 61 do bairro João de Deus.  (Foto/divulgação)

6 COMENTÁRIOS

  1. A saúde já não andava boa… Aí vem um bando de vagabundos e destroem a unidade de saúde… Esse Brasil é uma porcaria mesmo. O povo dessa comunidade tem que descobrir e entregar esses bandidos.

  2. Diante da realidade que vivemos na saúde, sobretudo em bairros carentes, deveria ser encontrado esses vândalos e puni-los a rigor. Não dar p entender o q leva assas pessoas arrombarem esse tipo de locais, igrejas,postos de saúde, escolas..etc

  3. QUANDO NEM OS POSTO DE SAUDE TA LIVRE DOS VAGABUNDOS,E UMA PROVA QUE A SEGURANÇA DO NOSSO PAIS TA RUIM,E COMO DIZ O DITADO ,PIOR DU QUE TA NAO FICA.NEM OS POSTINHO DE SAUDE,IGREJAS ESCOLAS TAO RESPEITANDO MAIS.O PAIS DO FUTIBOL TA FICANDO PERDIDO MESMO**

  4. Deveria pegar quem fez e isso e botar para pagar o prejuízo do seu salário (se tiver, e se não tiver bota ele para limpar as ruas da cidade até ficarem brilhando) e se não pagar, 10 anos de cadeia no mínimo em regime fechado!

Deixe uma resposta para Rafael Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

onze − 1 =