MPT está com inscrições abertas de concurso público para procurador

O Ministério Público do Trabalho (MPT) está com inscrições abertas para o 20º concurso público para procurador do Trabalho. O certame é destinado ao preenchimento de uma vaga e das demais que surgirem no prazo de validade do certame, que é de dois anos, prorrogável por mais dois. Uma novidade deste ano é a reserva de 20% das vagas para pessoas negras e a ampliação da cota para pessoas com deficiência, que passa a ser de 20%.

Para participar do concurso, os candidatos devem possuir curso superior em Direito e no mínimo três anos de exercício na atividade jurídica depois de concluída a graduação. A taxa de inscrição é de R$ 250,00. O candidato que não tiver condições de pagar a taxa pode pedir a isenção até o dia 29 de maio. Para isso, precisa preencher um formulário, disponível no link concurso no site do MPT, justificando a impossibilidade de arcar com esse custo. O pedido será analisado pela Secretária do Concurso e o resultado divulgado até o dia 31 de maio. A inscrição deve ser feita até o dia 13 de junho, exclusivamente, pelo endereço eletrônico: https://dti.pgt.mpt.gov.br/concurso/index.wsp.

Caso o candidato não tenha acesso à internet, poderá utilizar terminal de atendimento online que ficará à disposição nas sedes das Procuradorias Regionais do Trabalho e nas Procuradorias nos municípios. A relação dos endereços está disponibilizada na página do concurso.

Cronograma

O concurso é constituído de quatro etapas. A primeira é a prova objetiva, que teve uma mudança na data e foi remarcada para o dia 30 de julho. Depois terão as provas subjetivas e práticas, respectivamente, nos dias 17 e 24 de setembro. A inscrição definitiva será de 18 a 25 de janeiro de 2018. A última fase é a aplicação da prova oral nos dias 19 a 23 de fevereiro. O resultado final está previsto para o dia 9 de março. O último concurso teve 6.324 inscritos. O salário inicial de procurador do Trabalho é de R$ 28.947,55.

Bahia: Inscrições para concurso da PM e Corpo de Bombeiros começam hoje

Quem deseja ingressar na carreira militar tem até o dia 19 de junho para se inscrever no concurso público para Polícia Militar da Bahia (PMBA) e Corpo de Bombeiros Militar (CBM). São ao todo, 2,7 mil oportunidades. Os interessados devem acessar o site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) pelo www.ibfc.org.br e fazer a inscrição. A taxa custa R$70. A remuneração é de até R$ 2.585,05, com jornada de 40 horas semanais. No total, são 2.750 vagas, sendo 526 para Salvador.

Conforme o edital, disponível no site do IBFC, são 2 mil vagas para o Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar, e 750 voltadas para o Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar. Para a PM, as oportunidades estão distribuídas em Salvador (526), Juazeiro (214), Feira de Santana (346), Ilhéus (250), Vitória da Conquista (239), Barreiras (216) e Itaberaba (209). Já para o Corpo de Bombeiros, as vagas são em Salvador e Região Metropolitana (315), Feira de Santana (23), Itabuna (15), Ilhéus (10), Porto Seguro (59), Vitória da Conquista (51), Jequié (10), Juazeiro (23), Itaberaba (30), Paulo Afonso (44), Santo Antônio de Jesus (75), Barreiras (30) e Teixeira de Freitas (65).

Seleção

Podem concorrer os jovens de nacionalidade brasileira ou portuguesa, entre 18 e 30 anos, que tenham concluído ensino médio ou formação técnica profissionalizante de nível médio, sendo também observadas outras exigências do edital. O concurso ocorre em duas etapas com provas objetivas e discursiva, previstas para o mês de agosto, mas acontece em apenas um dia de seleção, com duração de quatro horas e trinta minutos. O resultado obedecerá à ordem de classificação, seguindo a publicação das notas finais em ordem decrescente, observando cargo, região e sexo. (Com informações do Correio da Bahia)

Edital do concurso da PM e Bombeiros da Bahia será publicado nesta quarta

O governador Rui Costa (PT) anunciou, na noite desta terça-feira (9), em transmissão ao vivo no Facebook (goo.gl/g50yGi), o lançamento do edital do concurso público para o provimento de 2.750 vagas na área de segurança pública do Estado da Bahia. O edital de abertura de inscrições, elaborado conjuntamente pela Secretaria da Administração (Saeb) e pelos comandos gerais da Polícia Militar da Bahia (PMBA) e do Corpo de Bombeiros Militar, será publicado nesta quarta-feira (10), no Diário Oficial do Estado (DOE).

“Chegou a hora de se inscrever, escolher o local de fazer a prova e ajudar a segurança pública e esse trabalho maravilhoso feito pelo Corpo de Bombeiros“, afirmou Rui. Com validade de um ano, prorrogável por igual período, o concurso terá duas etapas e será realizado pela Saeb e pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), que na Bahia é responsável pelos concursos públicos da Embasa e Agerba.

As inscrições acontecerão de 15 de maio a 19 de junho, exclusivamente pela internet, no site da IBFC, seguindo o horário de Brasília. A taxa custa R$ 70. De acordo com o edital, 2 mil vagas são destinadas ao Curso de Formação de Soldado da Polícia Militar e 750 vagas são voltadas ao Curso de Formação de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar.

Podem concorrer jovens de nacionalidade brasileira ou portuguesa, entre 18 e 30 anos, que tenham concluído ensino médio ou formação técnica profissionalizante de nível médio, sendo também observadas outras exigências do edital. Para o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, “esta é mais uma demonstração de que a Segurança Pública é uma prioridade do Governo do Estado. Novos efetivos são indispensáveis no combate à violência, permitindo ampliação do policiamento comunitário e da sensação de segurança dos cidadãos baianos“.

Das duas mil vagas disputadas para ingresso na Polícia Militar, 1.819 serão destinadas a candidatos homens e 181 para candidatas mulheres. Para ingresso no Corpo de Bombeiros Militar, das 750 vagas ofertadas, 672 serão destinadas para homens e 78 para mulheres. Os candidatos poderão escolher, no ato da inscrição, a região para a qual tenham interesse.

Seleção e ingresso

O concurso contará com duas etapas, com provas objetivas e discursiva, previstas para o mês de agosto. Será apenas um dia de seleção, com duração de quatro horas e trinta minutos. O resultado obedecerá à ordem de classificação, seguindo a publicação das notas finais em ordem decrescente, observando cargo, região e sexo.

O comandante-geral da PM, coronel Anselmo Brandão, ressalta que “a Polícia Militar está preparada para conduzir o processo seletivo e a formação dos novos profissionais que estarão servindo à sociedade baiana muito em breve. Todo o esforço que cada um dos futuros candidatos está realizando está prestes a ser colocado em prática. Recomendo ainda mais empenho e dedicação a cada um que pretende exercer essa tão nobre missão social nessa reta final”.

Após a homologação do concurso, os candidatos habilitados serão convocados, dentro do quantitativo de vagas previsto de cada corporação, para a realização de exames pré-admissionais. Esta convocação será realizada pela PMBA e pelo Corpo de Bombeiros Militar. Os aprovados ingressarão no curso de formação das categorias, que também é de responsabilidade das corporações. Os alunos soldados que se formarem passarão a integrar, posteriormente, os quadros do Estado.

Inscritos em concurso público para Corpo de Bombeiros de PE já podem imprimir cartões a partir de hoje

Os candidatos inscritos no concurso público para o Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco poderão imprimir seus cartões informativos, exclusivamente via internet (http://www.upenet.com.br), a partir de hoje (5) à tarde. A validação da inscrição e emissão do cartão, que contém um conjunto de dados necessários para participação no concurso, é de inteira responsabilidade do candidato, como estabelecido no Edital.

Havendo divergência de dados pessoais, o candidato deverá enviar e-mail (conupe.bombeiros2017@gmail.com) para solicitar as devidas correções. Caso contrário, assumirá, integralmente, os erros contidos no seu cartão informativo. A Comissão do concurso não se responsabilizará pelo candidato que faltar à prova por desconhecer o local de sua realização.

O candidato deverá estar munido do seu Cartão Informativo nos dias de aplicação das provas, assim como documento de Identidade, ou algum outro documento que possua foto e assinatura recentes, e de caneta esferográfica na cor azul ou preta. A comissão reitera que será, terminantemente, proibido conduzir telefones celulares ou outros aparelhos eletrônicos aos locais de prova, sob pena de ser excluído do processo.

O certame, autorizado através de portaria conjunta SAD/SDS no 006/2017, tem a validade de dois anos, prorrogável por igual período. A prova de conhecimentos será aplicada no dia 28/05/2017. Outras informações podem ser obtidas no site do Conupe (www.upenet.com.br) no link SDS Bombeiro Militar – 2017, através do e-mail: conupe.bombeiros2017@gmail.com ou dos telefones: (81) 3033-7394 / 7397. O edital e as concorrências podem ser conferidos nos seguintes links: Edital_bombeirocalendario_bombeiroconcorrencia_bombeiroconcorrencia_bombeiro_def.

Membro de comissão de aprovados em concurso da Prefeitura de Juazeiro cobra informações sobre convocação

A falta de informações sobre quando a Prefeitura de Juazeiro irá preencher as vagas oriundas do concurso público realizado em 2016 (no Governo Isaac Carvalho) levou um dos membros da comissão de aprovados, Ilson Borges, a questionar – por meio do Blog – a atual gestão acerca do assunto:

Confiram:

Em 4 de abril a comissão dos aprovados do concurso público (cerca de 20 pessoas) esteve na Secretaria de Gestão de Pessoas da Prefeitura, e lá foi muito bem atendida pela Sra. Iracelma Ribeiro (Diretora daquela Secretaria e responsável pela elaboração do edital). Naquela reunião a mesma nos informou que a convocação dos aprovados do concurso público, realizado em 2016, aconteceria naquela mesma semana.

Como o edital não foi divulgado, outro grupo procurou a Sra. Iracelma novamente. A mesma afirmou que o edital de convocação seria desta vez divulgado no final do mês de abril. Acontece, Carlos Britto e leitores, que já estamos no mês de maio e até o momento não temos uma informação concreta sobre essas convocações.

A grande verdade é que o concurso público não é visto como prioridade pela gestão atual, tendo em vista que já aconteceram sete convocações nos últimos dois meses para as seleções da saúde e educação, enquanto que o concurso não convocou ninguém esse ano. Por que essa discriminação? Queremos saber da prefeitura qual o motivo dessa diferença entre as seleções e o concurso público.

Exigimos as convocações, pois existem as vacâncias e necessidade imediata da administração pública em diversos cargos, tais como fiscal de transporte, trânsito, guarda municipal, fiscal de postura, assistente social, arquiteto, cadastrador imobiliário e outros cargos. Com a palavra, a Prefeitura Municipal de Juazeiro.

Ilson Borges/Membro da Comissão dos Aprovados do Concurso Público

Concurso público para Marinha do Brasil continua com inscrições abertas até dia 29/05

Prosseguem abertas até o próximo dia 29 de maio as inscrições para o concurso público destinado ao preenchimento de 29 vagas, de nível superior, do quadro técnico do Corpo Auxiliar da Marinha. O certame é aberto a candidatos de ambos os sexos.

Os principais requisitos são: ser brasileiro nato, possuir menos de 36 anos de idade, em 1° de janeiro de 2018, e ter o curso superior concluído na área em que se inscrever. A inscrição é realizada no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br, onde também poderá ser encontrado o edital com todas as informações.  O valor da inscrição é de R$ 110,00.

As áreas contempladas são Comunicação Social (2), Direito (4), Educação Física (2), Estatística (2), Informática (6), Meteorologia (2), Oceanografia (2), Pedagogia (3), Psicologia (2), Serviço Social (2) e Segurança do Tráfego Aquaviário (2).  Esta última compreende Engenharia Naval e Ciências Náuticas.

Todos os candidatos realizarão provas de conhecimentos profissionais e redação, dentre outros exames. O Curso de Formação de Oficiais é realizado no Rio de Janeiro, no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), durante 39 semanas. O candidato cursará como Guarda-Marinha, recebendo remuneração mensal, além de diversos benefícios como alimentação, uniforme, assistência médico-odontológica, psicológica, social e religiosa. Após a aprovação no curso de formação, no final de 2018, o militar será nomeado Primeiro-Tenente, com remuneração de cerca de R$10.500,00.

Concurso da Câmara: Osório autoriza licitação de empresa responsável pelo certame

 

O presidente da Câmara de Petrolina, vereador Osório Siqueira (PSB), confirmou em conversa com o Blog que já autorizou o processo de licitação da empresa responsável pela realização do concurso público da Casa.

Serão mais de 20 vagas nos três níveis de ensino: fundamental médio e superior. Vale lembrar que este será o primeiro concurso da história do Legislativo Municipal.

“Já autorizamos sim, e em breve será conhecida a empresa que fará o primeiro concurso da história do Poder Legislativo de Petrolina. Agora está mais perto”, concluiu Osório.

Reitor da UPE garante autorização de novo concurso público para técnicos administrativos; há vagas para Sertão

Após diversas negociações com Governo do Estado, o reitor da Universidade de Pernambuco (UPE), Professor Pedro Falcão, garantiu a realização de concurso público para o preenchimento de 270 vagas para servidores técnicos administrativos. O anúncio aconteceu na última quinta-feira (6), durante a inauguração de prédio com 16 salas de aula do campus da UPE em Garanhuns. O certame, segundo informações da assessoria, tem vagas para o Sertão – incluindo Petrolina (8 para nível superior e 8 para médio), Arcoverde (4 para superior e 4 para médio), Salgueiro (2 para superior e 3 para médio) e Serra Talhada (5 para superior e 3 para médio).

A decisão por um novo concurso foi tomada pelo governo com base em três principais fatores: a interiorização da UPE, que ampliou a quantidade de unidades de ensino e de cursos, gerando a necessidade de mais servidores para atuarem nas atividades de apoio; o preenchimento de vagas geradas por aposentadorias e falecimento de servidores; e devido ao número de servidores técnicos administrativos abaixo do preconizado pelo Ministério da Educação (MEC), o que interfere negativamente nos indicadores de educação.

Para o reitor da UPE, a autorização é um excelente sinal. “Tendo em vista a atual necessidade da Universidade, o número autorizado para nomeação ainda não é o suficiente, mas já sinaliza a intenção do governo em dar um encaminhamento positivo em solucionar a questão, mesmo diante do momento de crise que estamos enfrentando”, ressaltou.

A seleção terá 128 vagas para Analista em Gestão Universitária (nível superior), com salário base no valor de R$ 2.605,45, e 142 para o cargo de Assistente em Gestão (nível médio), com vencimento base no valor de R$ 1.157,98.

O certame fará a seleção para o provimento das seguintes funções: administrador, advogado, analista de sistemas, assistente social, bibliotecário, biomédico, contador, biólogo, engenheiro, fisioterapeuta, pedagogo, psicólogo, secretária executiva, terapeuta ocupacional e tradutor, todos para nível superior.

Já para o nível médio as funções são: assistente administrativo, técnico administrativo, técnico em contabilidade, técnico em arquivo, técnico em informática, técnico em saúde bucal, técnico de laboratório, técnico em secretariado, técnico de enfermagem, técnico em edificações, técnico em radiologia e atendente de clínica odontológica. O reitor da UPE, informou, ainda, que o edital deverá ser publicado em breve e que essa medida é um reforço para o funcionamento das atividades da Universidade.

Custo

A deliberação do concurso terá um custo anual, incluindo encargos, de mais de R$ 8 milhões para o Estado. O último concurso para servidores da UPE aconteceu em 2012, com apenas 50 vagas disponibilizadas apenas para as unidades de educação da Universidade no interior. (com informações da assessoria de imprensa da UPE)

Inscrições para concurso do Corpo de Bombeiros em Pernambuco terminam hoje

Terminam neste domingo (26) as inscrições para o concurso público para o Corpo de Bombeiros militar de Pernambuco. Ao todo, são oferecidas 300 vagas para o posto inicial de soldado, com reserva de 5% para candidatos com deficiência. As inscrições devem ser feitas no endereço eletrônico www.upenet.com.br.

Para participar, o candidato deve ter no mínimo 18 anos completos até a data do ingresso e, no máximo 28 anos na data de inscrição do concurso. Além de escolaridade mínima de nível médio, possuir carteira de habilitação e altura mínima de 1,65m para homens, e 1,60m para mulheres.

Os interessados devem realizar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 129,60, preferencialmente em casa lotéricas, até o dia 27/03/2017. A primeira etapa da seleção, que é composta do exame de habilidades e conhecimentos, exame de aptidão física, avaliação psicológica e exames médicos, será realizada pelo Instituto de Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco (Iaupe). Já a segunda etapa, que consiste no Curso de Formação e Habilitação de Praças, será realizada pela Secretaria Estadual de Defesa Social (SDS).

Durante o curso de formação, os alunos receberão bolsa-auxílio no valor de R$ 970,42. Após conclusão do curso de formação, os nomeados terão remuneração de R$ 2.319,88 mensais. O certame, autorizado através de portaria conjunta SAD/SDS no 006/2017, tem a validade de dois anos, prorrogável por igual período. A prova de conhecimentos será aplicada no dia 28/05/2017.

Outras informações podem ser obtidas no site do Conupe (www.upenet.com.br) no link SDS Bombeiro Militar – 2017, através do e-mail: conupe.bombeiros2017@gmail.com ou dos telefones: (81) 3033-7394 / 7397. Confira em anexo o edital completo.

TJPE se reunirá nesta semana com banca organizadora para definir detalhes de concurso

Representantes do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) se reunirão, nesta semana, no Recife (PE), para tratar de questões relacionadas à realização de concurso público para o provimento de cargos de servidores no Judiciário estadual.

A empresa venceu o processo licitatório, homologado em janeiro deste ano, para contratação de instituição prestadora de serviços técnicos especializados de organização e aplicação de provas do certame.

O TJPE informou que ainda não há previsão para divulgação de edital, bem como das inscrições, do número de vagas e da realização dos exames. No entanto, estima-se que o edital saia ainda no mês de março. Toda informação oficial é repassada por meio do site do TJPE na internet.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br