UPAE/Imip ultrapassa marca de 500 mil exames e amplia oferta de serviços

A UPAE/Imip de Petrolina já realizou mais de 500 mil exames de Biomagem e, em menos de quatro anos, ampliou o número de serviços ofertados. Entre as novidades recentes estão a realização dos exames neurológicos (Eletroneuromiografia e Eletroencefalograma), auditivo (Bera) e o acompanhamento oferecido às crianças com microcefalia que têm a UPAE como referência na reabilitação e estimulação precoce.

São exames de apoio diagnóstico de difícil acesso e que na rede privada teriam um alto custo para o usuário. Além disso, muitos desses procedimentos só são realizados pelo SUS na nossa unidade. Então, sem dúvida, esse é mais um motivo de orgulho pra nós”, pontua a coordenadora geral, Ana Beatriz Mota Aguiar.

O serviço da Bioimagem oferece o suporte diagnóstico ao ambulatório e não atende demanda espontânea, ou seja, não abre agenda externa para o público. O acesso segue o seguinte passo a passo: primeiro o paciente passa pelo posto de saúde para a avaliação de um clínico e, se julgar necessário, o médico da atenção básica faz o encaminhamento ao especialista.

A primeira consulta no centro de especialidades é marcada via secretaria municipal de saúde, a partir desse encaminhamento. Caso o serviço referenciado pela secretaria de saúde seja a UPAE, esse paciente então ingressa na unidade para a sua avaliação com o especialista, que indicará os exames de diagnóstico necessários.

O paciente já sai da consulta com as solicitações, podendo marcar no mesmo dia na central de marcação de exames, que funciona de segunda à sexta-feira, das 7 às 17h. Dessa central de marcação, o paciente sai com o seu procedimento agendado, devendo comparecer no dia e horário previamente informados para a realização. (Foto: Ascom)

Especialidades

No serviço de especialidades a unidade médica dispõe de ambulatório, cirurgias e exames. Juntos, eles prestam um atendimento de saúde integral à população da 8ª Regional de Saúde de Pernambuco, que envolve sete municípios (Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina e Santa Maria da Boa Vista). Para que a população entenda melhor o perfil de cada serviço ofertado, a direção da unidade resolveu criar um projeto que levasse informação de forma direta e clara aos usuários. A iniciativa surgiu em março e, desde então, já foram apresentados os fluxos da UPA 24h, das consultas médicas e cirurgias eletivas, faltando apenas o setor de exames laboratoriais e de imagem (o Bioimagem). (Foto/Ascom)

Operação ‘Força no Foco’ termina em Petrolina com prisões e apreensão de armas e drogas

O 5° Batalhão de Polícia Militar (BPM) divulgou o balanço da Operação ‘Força no Foco’, realizada em Petrolina durante dois dias – quarta (10) e quinta-feira (11). A fiscalização teve como principal objetivo o combate ostensivo e repressivo aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) na cidade, tendo como alvos sobretudo os homicidas, narcotraficantes e assaltantes.

Na operação foram empregados 59 PMs no policiamento ostensivo a pé e motorizado, além de 21 viaturas, num trabalho em conjunto com as equipes do Bepi, Gati, Rocam, Canil, Operação Malhas da Lei, Serviço de Inteligência, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Guarda Civil Municipal (GCM) de Petrolina e AMMPLA. O Detran-PE também reforçou a fiscalização ajudando a polícia a identificar adulterações em veículos. Já a Lei Seca fechou o cerco aos condutores alcoolizados.

Além de apreender armas, maconha, cocaína e crack, a operação resultou no recolhimento de três Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH), nove carros apreendidos, 16 detenções, oito prisões em flagrante e seis mandados de prisão – além da abordagem a 496 motos, 345 carros e 634 pessoas.

Operação Tiradentes 2017 da PRF em Pernambuco tem número de feridos menor que ano passado    

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou entre a quinta-feira (20) e o domingo (23) a operação Tiradentes 2017. Neste período, foram registrados 62 acidentes, com 28 feridos e duas mortes nas rodovias federais de Pernambuco. O mesmo feriado do ano passado – que teve um dia a mais – registrou 63 acidentes, com 46 feridos e uma morte. Esse foi o balanço divulgado pelo órgão nesta segunda-feira (24).

Entre os acidentes mais graves, está uma colisão frontal na última sexta-feira (21), envolvendo um carro e um caminhão que transportava uma torre eólica, na BR 232, em Custódia, no Sertão do Moxotó. O motorista do automóvel, de 29 anos, invadiu a contramão e faleceu no local. O outro acidente com óbito foi uma colisão traseira envolvendo um ciclomotor e um caminhão, que ocorreu no sábado (22), na BR 407, em Petrolina, Sertão do São Francisco. O condutor da moto, de 38 anos, tentou acessar a rodovia e colidiu contra o veículo de carga, vindo a falecer no local.

Durante quatro dias a PRF fiscalizou 3.519 pessoas e 3.369 veículos, sendo emitidas 1.232 autuações por diversas irregularidades. Entre elas, destacam-se 59 por ultrapassagens em local proibido, 44 pelo não uso do cinto de segurança, 20 pela falta da cadeirinha e duas pela ausência do capacete. O reforço na fiscalização do uso do dispositivo de retenção para crianças registrou o dobro de autuações do feriado da Semana Santa. Além disso, foram registradas 775 imagens de veículos que trafegavam com excesso de velocidade através da utilização de radares.

Bafômetro

Para coibir a embriaguez ao volante, foram realizados 1.088 testes com o bafômetro, que resultou na autuação de 34 pessoas, além da prisão de quatro motoristas que haviam ingerido bebida alcoólica. As ações tiveram reforço no Agreste do estado com o apoio de equipes da operação Lei Seca.

A fiscalização também recolheu 83 veículos irregulares, bem como apreendeu 51 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e 29 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH). A Base de Operações Aéreas realizou dois resgates aeromédicos em conjunto com o Samu e completou um total de cinco missões.

O enfrentamento ao crime contou com o apoio do Núcleo de Operações Especiais e dos grupos de Operações com Cães, Patrulhamento Tático e Motopoliciamento. Ao todo, sete pessoas foram presas por porte ilegal de arma, receptação de veículo roubado e adulteração de veículo automotor. Esse reforço também contribuiu para recuperar sete veículos roubados, sendo cinco caminhonetes, um carro de luxo e uma motocicleta.

Durante a operação ainda foram recolhidos quatro animais que estavam soltos às margens da rodovia e registradas três toneladas de excesso de peso em veículos de carga. As informações são do Núcleo de Comunicação da PRF. (Foto/divulgação)

Sebrae Bahia ultrapassa os 47 mil atendimentos nos primeiros três meses do ano

O Sebrae Bahia realizou um total de 47,5 mil atendimentos nos primeiros três meses de 2017. O dado revela um número crescente de pessoas que estão empreendendo ou que pretendem abrir um negócio. Paralelo aos atendimentos, nesse mesmo período, foram realizadas 423 capacitações, entre cursos, palestras e oficinas, levando conteúdos ligados a gestão e empreendedorismo.

Para o superintendente do Sebrae Bahia, Adhvan Furtado, esses números evidenciam que o empreendedorismo está em alta no estado, seja como uma alternativa para superar momentos de adversidade, seja pela concretização de planos e sonhos. “Sendo por necessidade ou por oportunidade, o fato é que o baiano vem se mostrando cada vez mais empreendedor, e o Sebrae procura acompanhar as tendências e as demandas desse público, atualizando soluções e oferecendo novas ferramentas”, afirma.

Além de sua agenda de cursos e atendimentos presenciais e a distância, o Sebrae acompanha as necessidades dos empreendedores baianos. Exemplo disso foi a grande novidade da instituição para esses primeiros meses do ano: o Radar Sebrae. Lançado em março, o Radar Sebrae é uma ferramenta gratuita inovadora que oferece, em uma busca simples, diversas informações para auxiliar o empreendedor a decidir pelo melhor local para abrir um negócio. A solução foi desenvolvida a partir de uma pesquisa do Sebrae, que revelou que 46% dos empresários não sabiam o número de clientes e o hábito de consumo de seu público ao empreender. Além disso, 38% não sabiam o número de concorrentes que teriam, 37% não tinham conhecimento da melhor localização e 61% não procuraram ajuda de pessoas ou instituições para dar início a essa jornada.

O Radar tem uma base de dados de 14 cidades da Bahia: Barreiras, Camaçari, Feira de Santana, Ilhéus, Irecê, Itabuna, Jacobina, Juazeiro, Lauro de Freitas, Porto Seguro, Salvador, Santo Antônio de Jesus, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista. De acordo com o interesse do empreendedor e o perfil do negócio que está pensando em iniciar, a solução ajuda com informações sobre locais com maiores potenciais para implantação do negócio, considerando perfil de clientes, concorrência, entre outras. Disponível no site www.radarsebrae.com.br ou em aplicativo para Android e IOS (adquirido via Google Play ou Apple Store), desde o lançamento, em 9 de março, 15.905 pessoas já acessaram a ferramenta – sendo que 71% desses acessos foram feitos via celular.

 

Salgueiro: Prefeito Clebel Cordeiro faz 100 dias de governo com baixa em seu secretariado

O prefeito de Salgueiro (PE), Clebel Cordeiro (PMDB) que nesta quarta-feira, 12, reuniu sua equipe de governo e a imprensa salgueirense para falar sobre seus 100 dias à frente da principal prefeitura do Sertão Central, talvez não imaginasse que faria sua avaliação já com uma baixa em seu secretariado, com menos de quatro meses de gestão. A baixa é na Secretaria Municipal de Saúde.

O farmacêutico e empresário Edilton Carvalho entregou o cargo na manhã desta terça-feira (11) em ofício encaminhado ao gestor. Ele pediu exoneração do cargo de titular da pasta da Saúde, mas o estranho é que Edilton  vinha com seu trabalho aprovado pela população, com ajustes nos procedimentos – como aumento de exames laboratoriais e atendimentos nos postos de saúde, além de abertura de edital para a compra de cinco ambulâncias, sendo uma UTI.

Na imprensa de Salgueiro, o comentário é que o secretário de Saúde havia pedido para sair por divergências com uma senhora, sem citar o nome, que segundo o mesmo seria muito ligada a Clebel. Segundo o secretário, essa senhora estaria provocando assédio moral aos funcionários da Secretaria de Saúde, mas Edilton não entrou em detalhes. (Foto: reprodução internet)

Artigo do Leitor: Wenderson Batista faz balanço de sua gestão após deixar 8ª Ciretran Petrolina

Ex-coordenador da 8ª Ciretran em Petrolina, Wenderson Batista enviou nota ao Blog fazendo um balanço de sua gestão enquanto esteve à frente do órgão estadual por pouco mais de três anos. Ele diz que deixa o cargo “com a sensação de dever cumprido”. Wenderson será substituído pelo advogado Pedro Neto, que é primo do ex-vereador Pedro Fillipe.

Confira o balanço feito por Wenderson:

É com sentimento de satisfação e dever cumprido que venho a público confirmar meu desligamento do cargo de Coordenador da 8ª Ciretran de Petrolina para galgar novos desafios e contribuir mais na nobre tarefa de servir ao povo.

Minha gestão à frente da Ciretran sempre foi norteada pelo quesito humanização. Grandes avanços foram conseguidos, apesar da crise político-econômica que o país enfrenta. Com esforço, diálogo e transparência pudemos garantir recursos que trouxeram àquele órgão melhores condições de trabalho e atendimento, a exemplo da reforma realizada logo nos meus primeiros meses de gestão. Sendo esta a primeira reforma das Ciretrans do interior em anos.

Ampliamos estacionamento, reparamos o teto, criamos novas salas e deixamos engatilhada uma nova reforma, prevista para acontecer nos próximos meses, tudo a fim de atender com qualidade. Garantimos a renovação do parque tecnológico, quando substituímos 14 computadores antigos por mais modernos e com melhor desempenho. A climatização foi melhorada com mais dois aparelhos de ar de 60.000 BTUs cada.

Reforçamos o quadro de servidores e, para fechar com chave de ouro, é preciso citar o sistema de agendamento eletrônico, reivindicação nossa, onde Petrolina foi pioneira no estado de Pernambuco, e que deu muito certo. Saímos de um quadro onde as pessoas diariamente faziam queixas por ter que, em muitos casos, pernoitar na frente do órgão para conseguir seu atendimento. O agendamento eletrônico mudou o relacionamento do Detran-PE com o cidadão, que passou se sentir respeitado.

Satisfação esta que se confirma pela redução de manifestações negativas na ouvidoria, no Ministério Público e na mídia.

Agradeço a todos os que me deram apoio nesta jornada, servidores, usuários, diretoria do Detran e principalmente a meu grupo político, que confiou a mim esta grata missão. Os novos desafios serão abraçados com a mesma garra e determinação.

Por fim, acabo de fazer a transição para o novo coordenador Pedro Neto, ao tempo em que me ponho à disposição para repassar toda e qualquer informação de interesse público.

Wenderson Batista/Ex-coordenador regional da 8ª Ciretran Petrolina

Gestores municipais se aproximam dos 100 primeiros dias de governo e devem fazer tradicional balanço

Os 100 primeiros dias dos governos municipais se aproximam e os gestores já devem estar pensando no tradicional balanço desse período.

Em Petrolina, o atual prefeito Miguel Coelho (PSB) deparou-se com uma realidade dura, mas vem correndo trecho para tentar reverter a situação. As expectativas, agora, se voltam para um provável pronunciamento do socialista sobre o que já foi feito até o momento.

Em Juazeiro (BA), a situação é um pouco diferente. Ao contrário de Miguel, que sucedeu um adversário, Julio Lossio (PMDB), Paulo Bomfim assumiu a prefeitura das mãos de um aliado – Isaac Carvalho (PCdoB), que hoje inclusive faz parte de sua equipe. Mesmo assim, é esperada uma análise do atual prefeito nesses 100 dias.

O que a população espera, apesar do quadro adverso que atinge não só as duas cidades,  é que já tenha ocorrido avanços durante esse início de gestão. Nem que sejam poucos.

Desafio de Miguel Coelho é quitar dívidas que podem chegar a R$ 150 milhões

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB), disse nesta quarta-feira, 22, durante entrevista transmitida ao vivo via página do Facebook do Blog, estar satisfeito gerindo a maior cidade do sertão. Miguel falou dos desafios, dificuldades e o que conseguiu avançar nesse pouco tempo administrando Petrolina, sonho que sempre teve. Faremos mais de uma postagem dessa entrevista com o prefeito com os temas que foram tratados, provocados também pelos seguidores do Blog na rede social. (mais…)

UPAE e HDM/IMIP de Petrolina fazem balanço de atendimentos realizados durante o carnaval

Durante o período da folia de momo – entre 0h de sábado (25/02) e as 23h59 da terça-feira (28/02) – as unidades estaduais geridas pelo IMIP em Petrolina registraram um total de 1.745 atendimentos, sendo 1.135 na Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada de Petrolina (UPAE) e 610 no Hospital Dom Malan.

Os números refletem um carnaval de relativa tranquilidade para os serviços de urgência e emergência clínica/odontológica e materno/infantil. Este cenário positivo, também encontrado em toda a rede de saúde de Pernambuco, contribuiu para a redução geral de 25% no número de atendimentos do estado, quando comparado ao ano anterior.

Outro dado interessante é que, assim como na região metropolitana, não houve registro de nenhum óbito relacionado à festa nas duas unidades. A UPAE, por exemplo, visualiza-se que a maior demanda foi para a clínica médica (1.069), seguida pela quantidade de procedimentos (230) – que inclui suturas, raios-X e eletrocardiograma – e atendimentos odontológicos (66).

Já no HDM, quase 100% dos registros foram contabilizados na urgência e emergência. Além disso, a unidade materno/infantil realizou 48 procedimentos e 3 remoções, demonstrando a alta resolubilidade do hospital. “Estivemos durante todo o período carnavalesco com os nossos serviços de urgência e emergência funcionando normalmente, inclusive com a escala de profissionais completa para dar suporte à população. A redução do número de atendimentos em todo o estado deve ser comemorada, pois significa que tivemos um carnaval mais tranquilo e de paz”, avalia a coordenadora geral da UPAE, Ana Beatriz Mota Aguiar.

Para o superintendente do Dom Malan, Etiel Lins, o balanço também é positivo: “Somos uma unidade materno/infantil de alto risco e temos dado prioridade aos casos classificados pelo Ministério da Saúde como amarelo [urgente] e vermelho [emergência]. Mas, também buscamos acolher a demanda da população em períodos sazonais. Fazemos parte da rede de saúde de Pernambuco e atuamos como parceiros”.

Um feriadão sem morte nas rodovias da região

A Operação Carnaval da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na região contabilizou uma redução de 40% no número de acidentes e 25% das vítimas na área de atuação da Delegacia da PRF em Petrolina. Num comparativo com 2016, o resultado foi positivo, pois não houve mortes no período carnavalesco que é considerado um dos mais violentos nas estradas para a PRF.

Foram seis vítimas este ano, mas sem mortes. Já em 2016, foram oito vítimas, só que uma sendo fatal. A fiscalização também flagrou 14 condutores sob o efeito de álcool.  Já o radar portátil da PRF flagrou 939 condutores com excesso de velocidade. Ano passado esse número foi de 239 registros, um aumento considerável.

Segundo o inspetor da PRF na região, Paulo Lima, o equipamento chegou a flagrar um condutor com média de 165 Km por hora quando a velocidade máxima permitida nas estradas federais para carros pequenos é de 110 Km/hora.

“Ainda falta muita conscientização dos condutores. Nosso foco maior no trabalho é justamente esse. Só com a conscientização que poderemos evitar atos como esse nas estradas. Um acidente em velocidade alta, impacta ainda mais e coloca outras vidas em risco também. Nosso apelo sempre é pela prudência, porque temos instrumentos para flagrar quem não agir com prudência”, assinalou o inspetor.

Resgate do carnaval em Santa Maria da Boa Vista tem balanço positivo

Foram somente dois dias de folia, mas que encheram os foliões de Santa Maria da Bos Vista de muita alegria.   Devido à crise  o carnaval na cidade foi menor, sem exageros nas contratações das atrações e nem na decoração do circuito.O prefeito Humberto Mendes (PTB) está arrumando a casa, mas fez questão de organizar uma festa bonita para os boavistanos e visitantes.

“Fizemos uma festa simples, mas que foi feita para o povo”, registrou o gestor. A presença dos blocos e troças nas ruas, provou que o povo de Santa Maria estava com saudade da folia de Momo. Conforme o prefeito, os foliões fizeram questão de vestir a fantasia e brincar com total espírito carnavalesco.

“A Prefeitura organizou a festa com atrações locais e artistas já consolidados na região como o cantor Alan Cleber. As orquestras de frevo, marcaram presença de boataram todo mundo pra frevar nas ruas históricas de nossa cidade. Vamos organizar para ano que vem promover um carnaval ainda mais bonito em Santa Maria da Boa Vistas”, concluiu o prefeito. (Foto: Ascom Prefeitura)

 

Pernambuco deve ter em fevereiro nova alta em número de homicídios

Ainda não é oficial, mas fevereiro deverá também ser violento como o mês de janeiro no estado de Pernambuco. O mês de apenas 28 dias deve contabilizar 480 homicídios, dois a mais que em janeiro.

Só entre sexta, 24 e a terça-feira, 28, período do carnaval, foram 66 mortes, sendo 38 no interior e 28 na Região Metropolitana do Recife.

O anúncio oficial dos números da violência em Pernambuco, deve ocorrer nesta quinta-feira, 2, na Secretaria de Defesa Social, no Recife.

 

Prefeito destaca público recorde no carnaval de Salgueiro

Ao fazer o encerramento das festividades carnavalescas em Salgueiro, no sertão Central, nesta quarta-feira (1 de março), o prefeito do município, Clebel Cordeiro (PMDB), classificou o evento como “o maior carnaval na história da cidade” e, diante da multidão, agradeceu ao salgueirenses e turistas de vários estados que estiveram presentes durante os cinco dias do evento.

O prefeito destacou o comportamento dos foliões que resultou numa festa sem nenhum registro de violência grave. “Temos que nos orgulhar não apenas pelo sucesso que foi tão estrondoso, mas pela tranquilidade e a mensagem de paz tão bem assimilada pelo povo”, disse Clebel.

Ele destacou que, apesar de ter tido pouco tempo para organizar o evento, a sua equipe de trabalho focou na disseminação de um conceito pacífico, prevendo já uma grande multidão e construindo, a cada dia, uma conscientização de conduta voltada para o bem estar e a boa recepção junto aos visitantes.

“Trabalhamos a campanha da paz e o público entendeu a nossa mensagem, pois Salgueiro tem uma população ordeira e uma tradição carnavalesca que vem de décadas, mas já prevíamos um grande público e vivemos uma época em que precisamos nos prevenir em todos os detalhes”, observou.

Clebel também lembrou que a prefeitura, além de montar a equipe para a organização, contou com apoios importantes para garantir uma boa segurança e higienização – como as polícias militar e civil, corpo de bombeiros, vigilância sanitária, DTTran e outros. “Todos deram as mãos, somaram forças e o resultado foi esse grande carnaval que acabamos de ver”, concluiu. (Foto: Ascom Salgueiro)

Tranquilidade marcou a folia em Petrolina

Num balanço preliminar tanto da Polícia Militar como da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (Ammpla), o carnaval da maior cidade do sertão teve outra marca importante além da alegria dos foliões que foram aos polos principais, na Praça da 21 de Setembro, Na Orla e nos bairros Areia Branca e Cohab VI: a tranquilidade.

Conforme o Capitão Cleiton, da PM, as equipes destacadas para fazer a segurança na festa ficou impressionada com a festa que não teve nenhuma ocorrência grave nos quatro dias.

“Impressionante o baixo número de ocorrências. A população brincou de forma bastante ordeira. Tivemos algumas brigas próximo ao palco nos dois primeiros dias, mas tudo foi contornado logo e o que marcou mesmo foi a tranquilidade”, disse o capitão.

No trânsito, a polícia registrou poucas ocorrências de alcoolemia e a Ammpla, também não registrou nenhum caso de briga, dano, nos ônibus que rodaram em esquema especial para atender os foliões. A autarquia também colocou de forma temporária, somente durante a folia, um ponto de táxi em frente à Prefeitura Municipal, facilitando a volta para casa dos foliões. (Foto: Ascom PMP)

HU de Petrolina apresenta balanço de 2016

O Hospital Universitário de Petrolina, vinculado à Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), divulgou seus números do ano passado com o objetivo de compartilhar os resultados setoriais do Planejamento Estratégico da unidade em 2016. O balanço foi feito durante uma série de apresentações iniciada na quarta, 25, e concluída ontem, dia 26, no auditório da biblioteca da instituição, campi Petrolina.

Seguindo as orientações da Unidade de Planejamento do hospital, cada setor estabeleceu metas e ações estratégicas que deveriam ser desenvolvidas no decorrer do ano. Os indicadores gerados pelos departamentos foram monitorados pela Unidade, que gerou um relatório final demonstrando o desempenho do HU em diversas áreas e ainda faz um comparativo com os índices de 2015.

“O evento é uma oportunidade para que cada chefe mostre o que está indo bem e o que precisa de aperfeiçoamento no HU. O ano de 2016 foi um ano difícil, mas também apresentou bons resultados. Aumentamos o número de atendimentos e no mês de dezembro conseguimos alguns recordes no número de cirurgias realizadas”, explicou o chefe da Unidade de Planejamento, Thiago Amaral.

O reitor da Univasf, Julianeli Tolentino, esteve presente no evento junto com o superintendente do HU, Ronald Mendes, gerentes e colaboradores do hospital. O reitor avaliou de forma positiva a iniciativa de compartilhar com toda a equipe os dados de cada departamento, e ainda demonstrou grande satisfação em constatar a evolução da unidade de saúde a partir da parceria entre a universidade e a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH).

Os números do HU são reflexos da alta demanda que o hospital recebe dos 53 municípios que atende, somados aos investimentos em recursos humanos, aquisição de equipamentos e melhorias na infraestrutura que potencializaram os serviços oferecidos.

Os números são os seguintes:

Cirurgias: 4.572

Exames realizados pelo laboratório: 175.432

Atendimentos realizados pelo Serviço Social: 15.207

Números de alunos em atividades práticas (até novembro de 2016): 2.621

(Fonte/foto: Ascom HU)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br