Grupos prioritários têm até amanhã para se vacinar contra gripe em Petrolina

Quem pertence aos grupos prioritários e ainda não se vacinou contra a gripe deve se apressar. A campanha acaba nesta sexta-feira (9) nas unidades de saúde de Petrolina.

O público-alvo da campanha é formado pelas crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas, idosos maiores de 60 anos, indivíduos de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (comorbidades) e professores das redes pública e privada. Os postos de saúde da sede funcionam das 8h às 17h. Na zona rural, das 8h às 13h.

Pernambuco atinge meta mínima de campanha contra Influenza

Até o início da tarde desta quarta-feira (7), Pernambuco vacinou 2.106.496 pessoas contra a influenza. Isso significa 90,4% do público prioritário – atingindo, assim, a meta mínima da campanha. Apesar disso, 223 mil pernambucanos ainda precisam ser imunizados, principalmente as crianças entre 6 meses e menores de 5 anos, que estão com uma cobertura de 75%. A campanha, que continua exclusiva para os grupos prioritários, termina sexta-feira (9).

Além das crianças na faixa etária exigida, também devem ser vacinados os idosos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, professores dos ensinos básico e superior de escolas públicas e privadas e profissionais de saúde. Vale ressaltar que quem tomou no ano passado e continua dentro dos grupos prioritários também deve ser imunizado.

Até o dia 20, A Secretaria de Saúde do Estado registrou 782 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), com 55 casos com resultado laboratorial positivo para influenza A (H3N2), sendo 27 (49,2%) em crianças menores de 4 anos e 15 (27,3%) em idosos, grupos contemplados pela vacina. Também foram confirmados 15 casos para influenza B.

 Óbito

O total de casos de SRAG deste ano representa um aumento de 6,5% em relação a 2016, com 734 registros. Em 2016, foram confirmados 63 para influenza A (H1N1) e 2 para influenza B. Até o momento, foi confirmado apenas um óbito para influenza A (H3N2). As informações são da Superintendência de Comunicação.

Plínio Amorim deixa Secretaria de Saúde, mas permanece no Governo Paulo Bomfim; filha de vice-prefeita assumirá Pasta

O Professor Plínio Amorim não é mais secretário de Saúde da Prefeitura de Juazeiro (BA). Ele decidiu entregar o cargo, mas permanece no Governo Paulo Bomfim.

Quem assumirá a Pasta é a médica Fabíola Ribeiro Pita. Ela é filha da vice-prefeita, Dra. Dulce.

Com 37 anos, Fabíola é formada em Medicina pela Universidade Federal de Alagoas, com residência em Ginecologia e Obstetrícia pelo Imip no Recife (PE). É funcionária pública de Juazeiro desde 2012, onde vem exercendo a função de diretora médica no Hospital Materno-Infantil do município. Trabalha na assistência à saúde da mulher, com atuação no parto natural e humanizado.

A transmissão de cargo deve ocorrer às 11h desta quinta-feira (8), na sede da prefeitura.

Evento sobre Hotelaria Hospitalar acontecerá em Petrolina nesta quinta-feira

Acontecerá nesta quinta-feira (8) em Petrolina, um encontro de Hotelaria Hospitalar. O encontro, que é gratuito, tem como objetivo a produção de conhecimento e troca de experiências do segmento.  O evento, parte do projeto Circuito Indeba de Conhecimento,  acontecerá das 13h30 às 17h30, no Nobile Suites Del Rio (antigo Hotel Quality), Avenida Cardoso de Sá, na Orla 2.

A agenda vespertina terá duas palestras em que serão abordados temas ligados à gestão e padronização dos serviços de hotelaria hospitalar e a gestão e durabilidade do enxoval de clínicas e hospitais. As palestras serão ministradas por Marcelo Pierri, engenheiro químico e Fernanda Cerri, especialista em administração hoteleira. Informações sobre inscrições através do e-mail cic@indeba.com.br.

HRJ realizará mais um mutirão de consultas para pequenas cirurgias nesta sexta-feira

O Hospital Regional de Juazeiro-BA (HRJ) realizará mais um mutirão de consultas médicas para a realização de pequenas cirurgias. O mutirão acontecerá nesta sexta-feira (9), na especialidade de Cirurgia Geral. As consultas serão para triagem de pequenas cirurgias e cirurgia de hérnia.

Os pacientes que necessitarem de retirada de pequenos tumores benignos, pequenos sinais de pele, retirada de cistos, verrugas e procedimento cirúrgico de hérnia, devem comparecer a unidade a partir das 7h para a realização do cadastro. As consultas médicas começarão a partir das 13h.

Quem precisar realizar esse tipo de atendimento deve comparecer à unidade portando o cartão SUS e documento de identidade (RG). Os atendimentos realizados durante o mutirão não precisam de encaminhamento médico, pois a triagem será realizada pelo cirurgião geral no hospital.

Santa Maria da Boa Vista: Funcionários de hospital municipal reclamam de constantes atrasos no pagamento

Em Santa Maria da Boa Vista (PE), Sertão do São Francisco, os funcionários efetivos do hospital da cidade andam furiosos com a Secretaria de Saúde. Eles alegam não estar recebendo em dia seus salários, e o órgão municipal estaria fazendo “pouco caso” diante dessa situação.

“O pagamento do mês de maio até hoje não saiu, e o pior: não tem nenhuma previsão de quando vai sair. Desde o mês de janeiro deste ano ocorre esse descaso com os pagamentos de nós, funcionários efetivos do Hospital de Santa Maria da Boa Vista”, relatou, reservadamente, um dos servidores da unidade médica. Com a palavra, a prefeitura.

Vacina contra gripe prossegue apenas para grupo prioritário em Juazeiro

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (BA) informou que, neste momento, a Campanha de Vacinação contra Gripe continua voltada apenas para os grupos prioritários. O quantitativo de vacinas disponíveis no município não é suficiente para atender toda à população. Por isso, a ampliação da oferta da vacina para todo o público dependerá do envio de novas doses pelo Ministério da Saúde.

A Campanha de Vacinação contra Gripe seguirá até esta sexta-feira (9). O público-alvo é composto por gestantes, mulheres que realizaram parto há menos de 45 dias, idosos, crianças entre 6 meses e 4 anos, profissionais de saúde, professores, indígenas e doentes crônicos com prescrição médica.

Ministério da Saúde reforça estoque de vacina contra a gripe em PE e AL

Para reforçar a assistência prestada à população de 57 municípios afetados pelas enchentes em Pernambuco e Alagoas, o Ministério da Saúde enviou 13 toneladas de medicamentos e insumos, que chegaram nesta semana nos estados.  Ao todo foram enviados 51 kits, que serão distribuídos entre as cidades que sofreram com as fortes chuvas, beneficiando cerca de 76,5 mil pessoas moradoras nos municípios atingidos.

Cada kit pesa cerca de 250 quilos e tem capacidade para atender até 1.500 pessoas ao mês. São 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos, incluindo antibióticos, anti-inflamatórios, ataduras, entre outros.

O Ministério da Saúde também enviou, como procedimento de rotina, 375 mil frascos de hipoclorito – utilizado como suporte no tratamento de água para o estado de Pernambuco. Caso seja solicitada uma cota extra, poderão ser encaminhadas novas quantidades como parte do estoque estratégico do composto químico mantido pela pasta.

Nesta semana, está previsto o envio de 100 mil doses de vacina dT, 100 frascos de soro antiofídico, 200 frascos de soro crotálico. Um laboratório móvel da Funasa também está apoiando o estado na análise da qualidade da água para consumo humano, garantindo assim que a água distribuída a população seja segura.

Força SUS

Além do envio de medicamentos e insumos estratégicos, a pasta enviou representantes da Força Nacional do SUS para apoiar na avaliação dos danos em saúde e outras medidas de vigilância. A Força foi criada em novembro de 2011, para agir no atendimento às vítimas de desastres naturais, calamidades públicas, situações de risco epidemiológico e desassistência, quando for superada a capacidade de resposta do estado ou município.

Desde a sua criação, a Força participou de 28 missões de apoio em caso de desastres naturais, na gestão de grandes eventos e desassistência provocada por tragédias.

O Ministério da Saúde possui, ainda, laboratórios móveis para análise da qualidade da água, telefones satelitais, equipamentos e nove unidades móveis de Posto de Atendimento Avançado (PAA), em caso de necessidade. Possui também estoque adicional de ampolas de soro para uso em acidentes com animais peçonhentos e kits de diagnóstico para leptospirose.

Para que a Força Nacional do SUS seja acionada, o município ou o estado deve decretar situação de emergência, calamidade ou desassistência, solicitando o apoio do Ministério da Saúde. Com isso, é deslocada uma equipe para a chamada missão exploratória, quando profissionais vão até o local para fazer um diagnóstico da rede de saúde e verificar a necessidade de apoio em relação a equipamentos, insumos e profissionais de saúde.

 

Pernambuco não ampliará público da campanha de vacinação contra a gripe

Em nota, a Secretaria de Saúde de Pernambuco esclareceu que não ampliará o público-alvo da campanha de vacinação conta a gripe. Na nota, a Secretaria informa que, neste momento, a campanha continua voltada apenas para o púbico alvo já definido – crianças entre seis meses a quatro anos, gestantes, mulheres que tenham realizado parto há menos de 45 dias, idosos maiores de 60 anos, doentes crônicos (mediante prescrição médica), profissionais de saúde , indígenas e professores dos ensinos básico e superior em atividade. A medida vem sendo adotada, inclusive, por outros Estados do País.

A ampliação da oferta da vacina contra a gripe para a população em geral dependerá do envio de novas doses pelo Ministério da Saúde, já que o quantitativo disponível no momento não é suficiente para atender toda a população pernambucana. Até a manhã deste sábado, 3, Pernambuco tinha um balanço de 1.999.494 pessoas imunizadas contra a influenza.

Esse quantitativo representa 85,8% do total de 2.329.874 de pessoas inclusas nos grupos prioritários. A meta é imunizar, no mínimo, 90% dessa população. A campanha segue até sexta, 9.

Idosos de Parnamirim serão contemplados com programa de tratamento odontológico

Um programa lançado pela Prefeitura de Parnamirim (PE), no Sertão Central, pretende trazer de volta o sorriso de idosos.

O Programa ‘Resgatando Sorrisos’ realiza tratamentos odontológicos, que iniciam com procedimentos de limpeza e restaurações e finalizam com a instalação de próteses.

De acordo com a prefeitura, os dentistas fizeram as avaliações e já iniciaram os tratamentos nos idosos. O projeto tem a parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) e Programa Saúde da Família (PSF).

Carreta de rastreamento do câncer de mama chegará a Sento-Sé na próxima segunda-feira

A Prefeitura de Sento-Sé, no norte da Bahia, disponibilizará nas próximas semanas o rastreamento do Câncer de Mama, que será feito na carreta disponibilizada pelo Governo do Estado – parceiro na iniciativa. A carreta ficará estacionada na Praça Central da cidade de segunda-feira (5) até o próximo dia 19. O programa atende mulheres de 50 a 69 anos, faixa etária considerada de risco para a doença.

Essa ação é uma estratégia itinerante que visa à prevenção, a detecção precoce e o tratamento da doença em toda Bahia. O programa consiste na realização de mamografias e, caso sejam detectadas alterações, são realizados exames complementares. Para as mulheres com diagnóstico positivo da doença, é feito o encaminhamento para a unidade de Alta Complexidade em Oncologia mais próxima, onde será feito o tratamento cirúrgico, quimioterápico e/ou radioterápico. (foto/divulgação)

Saúde de Petrolina voltará a ter unidades totalmente abastecidas com medicamentos na próxima semana, revela secretária

Problemas com uma dívida herdada de R$ 11 milhões significaram alguns transtornos para que a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque, pudesse colocar em prática a política da saúde da nova gestão municipal. Entre as dificuldades herdadas, a falta de medicamentos ou esses produtos vencidos nas farmácias dos postos de saúde foram alguns dos prejuízos que a população teve que amargar nos primeiros dias do governo do prefeito Miguel Coelho (PSB).

Os motivos dessa situação fizeram parte da apresentação da secretária de Saúde na Câmara de Vereadores do município, durante a prestação de contas do relatório do primeiro quadrimestre da Pasta, ocorrida nesta quinta (1). Magnilde disse que tinha informações da gestão anterior que estava com estoque garantido por 45 dias, mas assumiu com unidades desabastecidas. E o que tinha, estava vencido.

“A licitação de medicamentos de urgência fizemos quando assumimos, porque nos informaram que tinha estoque por 45 dias e não tinha. Fizemos a licitação de emergência. A licitação global está em processo de conclusão para que, na próxima semana, todas as unidades de saúde de Petrolina estejam com essa situação da falta de medicamentos, resolvida”, ressaltou Magnilde. (Foto/divulgação)

Aliado de Miguel Coelho, Ronaldo Silva questiona secretária de Saúde sobre “carnaval de alugueis” da pasta

Aliado do prefeito Miguel Coelho (PSB), o vereador Ronaldo Silva (PSDB) se comportou quase como um oposicionista na hora dos questionamentos dos vereadores à secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque. A gestora esteve na Câmara Municipal nesta quinta-feira, 1º, apresentando o relatório do primeiro quadrimestre da prestação de contas da Pasta.

Ronaldo pediu esclarecimentos sobre 14 alugueis que ainda seriam fruto da gestão anterior, e que permanecem na folha de pagamento da secretaria municipal. Num desses imóveis, o aluguel é de R$ 20 mil mensais. Ele avaliou tal despesa como desnecessária, já que o órgão poderia receber muitos dos serviços que estão ocupando os imóveis alugados.

“Eu creio que esses contratos devam ser revistos, ser feito o destrato. Tem imóvel, como a Casa de Apoio no Recife, que custa um absurdo. Então espero que a secretária reveja, ocupe espaços na estrutura pública da secretaria e acabe com esse carnaval de aluguéis”, enfatizou Silva.

Sobre o porquê de fazer um questionamento que poderia causar uma ‘saia justa’ à titular da Saúde, já que apoia o governo, o tucano disse que em primeiro lugar está “ao lado do povo”, seja que prefeito for. “Eu nunca tive lado, eu estou ao lado do povo. O que é errado, seja qual for o prefeito, estou aqui é para fazer as críticas construtivas, e não destrutivas”, disparou Ronaldo Silva.

Mutirão de Cirurgias chegará ao município de Senhor do Bonfim e região na próxima semana

A população de Senhor do Bonfim (norte baiano) e região, na qual estão incluídos os municípios de Andorinha, Antônio Gonçalves, Campo Formoso, Filadélfia, Itiúba, Jaguarari, Pindobaçu, Ponto Novo, receberá no período de 7 a 9 deste mês o Mutirão de Cirurgias – programa do Governo do Estado, viabilizado por meio da Secretaria da Saúde (Sesab). A ação consiste na realização de procedimentos cirúrgicos de hérnias (umbilical, inguinal, epigástrica), histerectomia e colecistectomia.

As pré-consultas serão realizadas nos três dias, em unidade móvel que estará estacionada na Rua do Estádio Bonfim da Gamboa, em Senhor do Bonfim. A capacidade diária de consultas será de 180 pacientes, começando o atendimento a partir das 7h

Os interessados precisam ter a indicação médica para a cirurgia e feito o cadastro prévio na Secretaria de Saúde do seu município. Se não tiver, mas possuir exames laboratoriais que comprovem a necessidade de realizar uma das cirurgias oferecidas, pode comparecer ao local das consultas pré-operatórias com os documentos exigidos. Pacientes que farão procedimento de vesícula para a realização do exame de ultrassonografia (USG), precisam estar em jejum. Aqueles indicados à histerectomia devem levar exame preventivo, e as mulheres que ainda menstruam, o exame Beta HCG.

Exames

Todos os pacientes precisam apresentar resultados de exames laboratoriais e outros que tiverem realizado. As cirurgias começarão a ser feitas a partir do dia 29 do mesmo mês, no Hospital Dom Antônio Monteiro, em Senhor do Bonfim.

Secretária de Saúde de Petrolina começa apresentação de contas do primeiro quadrimestre

Depois de adiar sua ida à Casa Plínio Amorim, na última terça-feira (30/05), a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Albuquerque, faz neste momento o balanço de contas da sua Pasta no 1°quadrimestre do Governo Miguel Coelho.

Entre outros temas, Magnilde deverá fazer um comparativo entre o que já foi feito até o momento com o que foi deixado pela gestão passada – incluindo, segundo ela, uma dívida de mais de R$ 11 milhões. (Foto/CMP divulgação)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br