Vândalos derrubam torre de energia e prejudicam 3 cidades do norte baiano

por Carlos Britto // 25 de junho de 2022 às 14:17

Foto: Ascom PMR/divulgação

Um ato criminoso provocado por vândalos, por volta das 20h30 de ontem (24), deixou as cidades de Remanso, Campo Alegre de Lourdes e Pilão Arcado – no norte da Bahia – sem energia elétrica. Segundo as informações, os cabos de uma torre de transmissão, que fornece a energia a essas cidades. foram serrados até a torre cair.

Em Remanso, o terceiro dia das festividades juninas foi cancelado. Estimativas dão conta de que pelo menos 10 mil pessoas deixaram de assistir e participar das apresentações programadas. O serviço voltou à normalidade às 8h deste sábado (25). A Coelba e a prefeitura comunicaram o fato à Polícia Civil (PC).

Por meio de nota, a Neoenergia Coelba explicou que, após o registro da ocorrência, sete equipes técnicas foram acionadas e enviadas ao local. “Foram mais de sete horas de atuação ininterrupta para a substituição da estrutura e demais equipamentos da rede elétrica. O serviço foi concluído e a energia restabelecida no início da manhã deste sábado. A distribuidora seguirá acompanhando as investigações pelas autoridades policiais. A Neoenergia Coelba se coloca à disposição”, destacou.

Prefeito

O prefeito de Remanso, Marcos Palmeira, também se manifestou lamentando a atitude criminosa dos vândalos.

Confiram:

Depois de dois dias com milhares de pessoas lotando a Praça do Mercado para participar das festividades juninas, fomos surpreendidos pela falta de energia no Forró de Todos e em toda a cidade de Remanso.

A nossa primeira iniciativa, em nome da segurança, foi de suspender a apresentação dos shows programados, apesar do gerador poder suprir energia e iluminação para o palco. A Coelba imediatamente deslocou seu pessoal de apoio e identificou um poste quebrado com os cabos serrados. Um ato criminoso de vandalismo. 

É difícil acreditarmos que há em Remanso pessoas que possam, deliberadamente, prejudicar parentes, amigos, comerciantes e a população desta cidade e de outras cidades vizinhas de forma criminosa e com a possibilidade de colocar em risco vida e integridade de inocentes.

Só uma explicação é possível: há, por impossível que pareça, pessoas que detestam o trabalho, a seriedade, a alegria e toda a luz que daí advém. Há pessoas, entre nós, que se deleitam com o sofrimento alheio, que não admitem a alegria, nem o amor.

Mas Remanso é maior. Remanso pode sorrir. O bem sempre vence o ódio; a alegria é nossa luz e nossa energia! Buscaremos os culpados, para que Remanso possa olhar de frente aqueles que não amam nossa cidade. 

A todos os prejudicados nossa solidariedade, respeito e carinho.

Remanso, 25 de junho de 2022.

Marcos Palmeira/Prefeito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.