Paulo Bomfim comenta fechamento da Policlínica Municipal de Juazeiro e afirma que serviços serão ampliados na unidade estadual que está sendo finalizada

3
Paulo Bomfim. (Foto: Duda Oliveira/Blog do Carlos Britto)

O prefeito de Juazeiro (BA), Paulo Bomfim (PCdoB), comentou sobre o fechamento da Policlínica Municipal de Juazeiro (BA), que terá os atendimentos transferidos para a unidade estadual, a qual está em construção no Bairro Jardim Flórida e deve ser entregue pelo Governo do Estado ainda neste primeiro semestre. “É uma sobreposição de equipamentos. Não necessariamente uma Policlínica Regional desse porte que o governo do Estado está fazendo aqui, eu vá necessitar de ter uma Policlínica Municipal, pois os serviços serão ampliados na policlínica do Estado“, frisou Bomfim, em entrevista a este Blog.

Como este Blog já havia adiantado, a secretária de Saúde e Juazeiro, Fabíola Ribeiro, já se reuniu com a equipe da Policlínica Municipal para explicar a mudança, alinhar o fluxo de atendimento, prazo de acompanhamento e até mesmo para os profissionais orientarem seus pacientes para a mudança ainda neste primeiro semestre.

Os servidores serão deslocados [da policlínica para as unidades de saúde da cidade] e os serviços irão permanecer na unidade estadual. A Policlínica será entregue à população até o final de abril“, afirmou o prefeito de Juazeiro. Através do consórcio em saúde, a Policlínica Estadual irá atender Juazeiro e as 10 cidades da pactuação.

Policlínica Estadual

Orçado em R$ 22 milhões – montante dividido entre a administração estadual (40%) e os municípios que integram o Consórcio Regional de Saúde (60%) -, o equipamento está sendo construído em uma área predial de aproximadamente 3 mil metros quadrados (m²), que está sendo beneficiada com serviços de urbanização, estacionamento, acessibilidade, arborização, redes de interligação de água, esgoto, drenagem e energia elétrica.

As policlínicas regionais têm como finalidade realizar o atendimento mediante agendamento pela Secretaria de Saúde local. Não atendem urgências e emergências ou outros tipos de demandas espontâneas. Após uma consulta no posto de saúde e o médico identificando a necessidade de uma consulta com especialista, a Secretaria faz o agendamento na Policlínica e então é realizado todo o acompanhamento do paciente. A Região de Saúde de Juazeiro é formada por 10 municípios, e todos aderiram ao Consórcio Público para implantação da policlínica, que atenderá uma população de 544 mil habitantes.

3 COMENTÁRIOS

  1. Engabelando o povo outra vez. Deveria deixar também a policlinica municipal funcionando.
    Parece que a saúde de Juazeiro é de primeiro mundo, dando-se ao luxo de fechar unidades.
    O povo tem o governo que merece

  2. Na realidade prefeito nada vai mudar.
    Precisamos é de uma boa gama de atendimentosa população.
    Se Juazeiro e adjacências contasse com atendimentos de forma geral (como era )até meados de 2000 . A situação era outra .
    Repense .

  3. Sempre assim. Abre um e fecha outro. Vai sucateando aos poucos. Para manter a saúde como está. Abriram o HUT. Fecharam o pronto atendimento do Zé e Maria. Abriu o HRJ, fecharam a Santa Casa. Assim, ao invés de ampliar serviços superlotados, vai só trocando o local de atendimento.

Deixe uma resposta para José Raimundo Passos Cancelar resposta

Comentar
Seu nome