Mau exemplo: Ônibus escolar bloqueia rua no Bairro Rio Corrente

7

Um mau exemplo de quem deveria fazer o contrário. Foi exatamente assim que um leitor deste Blog achou, ao ver um ônibus de transporte escolar bloqueando uma via pública do Bairro Rio Corrente, zona oeste de Petrolina.

O fato foi registrado na rua onde se localiza a Escola Municipal Ariano Suassuna.

7 COMENTÁRIOS

  1. Acho que esse leitor está equivocado este espaço no qual ele fotografou não se trata de uma rua e sim de um vão entre os anexos da escola pois esses terreno pertence a escola , portanto as pessoas devem prestar mais atenção

  2. Sou motorista de escolar, e quero esclarecer para todos que o veículo está parado na rua, como relata o cidadão, pq estava no horário de saída das crianças, e esse veículo mencionado faz o transporte dos alunos especiais (cadeirantes, e outros), e naquele lugar relatado e o único lugar onde o motorista pode baixar e levantar o elevador hidráulico para poder colocar os cadeirantes no ônibus. O cidadão foi informado o motivo do ônibus está parado ali e mesmo assim, sem compreensão fez esse absurdo comentário a esse meio de comunicação. Mas quero também lembrar ao mesmo cidadão que fez a denúncia, que ele volte lá na escola, pois o cidadão ao dar uma marcha ré, colidiu com o veículo de uma professora e evadiu-se do local, deixando prejuízo para a professora.

      • Sou proprietária do veículo que foi atingido pela estupidez de um determinado motorista que em um dos seus momentos de estresses, deu uma ré com velocidade e atingiu o meu carro. Inclusive sou professora da referida escola e não justifica sair atingindo os nossos veículos por descontrole emocionais. Onde deveria, pelo ao menos ter sido informada pelo responsável, o que de fato ocorreu e não fugir sem nem um esclarecimento. So lembrando que o local mencionado pela denúncia é utilizado apenas para embarque e desembarque dos alunos cadeirantes.

  3. Sou proprietária do veículo que foi atingido pela estupidez de um determinado motorista que em um dos seus momentos de estresses, deu uma ré com velocidade e atingiu o meu carro. Inclusive sou professora da referida escola e não justifica sair atingindo os nossos veículos por descontrole emocionais. Onde deveria, pelo ao menos ter sido informada pelo responsável, o que de fato ocorreu e não fugir sem nem um esclarecimento. So lembrando que o local mencionado pela denúncia é utilizado apenas para embarque e desembarque dos alunos cadeirantes.

  4. Sou proprietária do veículo que foi atingido pela estupidez de um determinado motorista que em um dos seus momentos de estresses, deu uma ré com velocidade e atingiu o meu carro. Inclusive sou professora da referida escola e não justifica sair atingindo os nossos veículos por descontrole emocionais. O local mencionado pela denúncia é utilizado apenas para embarque e desembarque dos alunos cadeirantes.

Deixe uma resposta para Paulo rogerio de araujo Cancelar resposta

Comentar
Seu nome