Lembranças de uma eleição

10

marcos-freireNesta foto enviada por um leitor, a campanha do saudoso Marcos Freire, que se candidatou a governador de Pernambuco em 1982 contra Roberto Magalhães.

Acabou derrotado por conta, sobretudo, do famigerado voto vinculado (resquícios de uma ditadura militar que ninguém quer mais de volta).

Freire morreu em 87, quando ocupava o Ministério da Reforma Agrária do Governo Sarney, num acidente de avião que até hoje não foi explicado direito. Coincidentemente ele fazia um bom trabalho à frente da pasta. Ou seja, certamente estaria contrariando interesses de gente muito abastada.

10 COMENTÁRIOS

  1. Discordo completamente do relato sobre essa derrota. Acho que o que contribuiu de verdade foram umas fotos tiradas ou montadas em um Motel de Brasília e enviadas aos lares dos Pernambucanos por cartas via “Correios”. Nessa época votei no saudoso Marcos Freire que era um grande cidadão.

  2. brito estamos em outros tempos e vemos coisas ainda parecido. tempo de t v entre um candidato a outro,números de votos para vereadores por partidos,existe vereadores com o dobro de votos de um que entrou e o mesmo não consequiu.

  3. Prezado ACM, a história não é bem assim ( por favor consulte Walter Lubarino, Rua Amorim e outros do antigo MDB) e ateste a veracidade do seguinte rela

    O MDB nasceu em pernambuco em 1966 , por meio de Jarbas Vasconcelos, Thales Ramalho, Marcos Freire , Egídio Ferreira Lima e o professor Pinto Ferreira. A partir desse momento Jarbas passou a fundar diretórios por todo o estado ( em 1972, salvo engano , foi fundado o de Petrolina com Rui Amorim , Coxis, Walter Lubarino….).

    Em 1970 Jarbas foi eleito deputado estadual e Marcos Freire , deputado federal ( o mais votado do estado) .

    Em 1974 , Marcos Freire derrotou João Cleofas de Oliveira e jarbas foi o deputado federal mais bem votado
    .
    Em 1978 , Jarbas foi candidato a senador e foi o mais votado (perdeu pela artimanha das famigeradas sublegendas ( Nilo Coelho + Cid Sampaio da ARENA tiveram juntos 650.000 votos contra os 600.000 de Jarbas )….Uma nota triste: o pai de Jarbas , faleceu durante ao término da contagem dos votos !

    Em 1982, Marcos Freire ,foi candidato a GOVERNADOR contra Roberto Magalhães , embora apoiado por Jarbas não era mais tido como um político certinho – algumas manchas , sujavam seu currículo e o MDB histórico já apresentava reações ao seu nome: o preferido pelos históricos era Jarbas Vasconcelos. E NÃO PERDEU A ELEIÇÃO POR CAUSA DO VOTO VINCULADO, DESDE DO INÍCIO , ROBERTO MAGALHÃES ERA FAVORITO , POR QUE SOBRE POLARIZAR A CAMPANHA DO INTERIOR VERSUS A CAPITAL , E NA REGIÃO METROPOLITANA OS “PECADINHOS” DE MARCOS FREIRE COMEÇARAM APARECER , E ALÉM DISSO MUITO HISTÓRICOS DO MDB NÃO SE ENGAJARAM NA CAMPANHA; OU PQ DESEJAM JARBAS OU PQ ACHAVAM QUE ERA A VEZ DE EGÍDIO OU DE THALES RAMALHO ( QUE ESTAVAM NA “FILA” HÁ QUASE 20 ANOS…).

    A história das fotos enviadas ao eleitores , onde Marcos Freire saia de um motel com um jornalista famosa ,também é verdade , mas não foi fator determinante para a derrota dele nessa eleição….

    Uma sugestão, ACM: pergunta “aos das antigas” sobre um comício que o MDB ia realizar na Concha , em 1978 e o que aconteceu…

  4. Me lembro muito bem dessa eleição. A Verdade, concordo com você nesse quesito de armação, mas também teve esse famigerado voto vinculado. Veja bem, na chapa de Roberto Magalhães, tinha o Nilo Coelho para senador. Aqui no sertão, se queria muito ele como senador, mas não queria o Roberto Magalhães, já havia uma tendência pró Marcos Freire, mas teve o famigerado voto vinculado, e para amarrar ainda mais o voto teve essa armação de que você citou, deixando o Marcos Freire numa situação de baixa moral perante o povo.
    Não é assim que acontece? Toda vez que alguém chega para trabalhar pelo povo, tem o lado contrário que não quer, que só olha para si, e essa classe faz de tudo para derrubar aquele que tem compromisso com o povo.

  5. Sobre a tal foto , talvez também seja uma alusão a foto da ex-mulher de Marcos Freire , de nome Carolina, que foi fotografada nua ao lado do deputado Fernando Lyra num motel em Brasília….Ai, existem duas versões: a de Fernando Lyra , que foi sequestrado junto com ela e forçado a tirar aquelas fotos … E a outra a do povo: que dominou o coletivo popular pernambucano pro muitos anos…NÃO EMITO UM JUÍZO DE VALOR SOBRE ISSO !!!
    A de Marcos Freire com a jornalista de Brasília , acho que ficou mais restrito a região metropolitana…a outra da mulher dele com Fernando Lyra , foi a que foi espalhada…Ou foi o contrário ? Não lembro . bem e idade não me permite mas dados tão precisos , mas foi vice ou versa…

  6. EU TAMBÉM VOTEI NELE, tanto para o Senado quanto para governador, lembro do grande cidadão e senador pernambucano que foi, o grade orador, pessoa simples. Além dessa armação feita pela ARENA, hoje DEM, havia além da vinculação de votos as sub-legendas que somavam os votos da ARENA 1, 2 e 3 Para derrotar algum candidato de oposição, antigo MDB. Essa turma do DEM e PSDB, saudosa das mortes e torturas da ditadura tendo a GLOBO como suporte de mídia, foi a mesma que usou indivíduos com carimbo no dedo por ocasião das apurações para eleger Nilo Coelho, que, como senador votou por ele e por outro senador. É a mesma turma do Alckmin, do Serra e do Aécio neves, que construiu aeroporto com dinheiro público em terreno de um tio.

    • Prezado Manoel Lima , a história não é bem assim: em 1986 , Marcos Freire era ministro de JOSÉ SARNEY e isso diz tudo , sobre a mudança na sua trajetória política.
      O DEM vem da antiga ARENA , mas o PSDB foi formado por ex-PETISTAS + medebistas históricos não contentes com o aliança feita com JOSÉ SARNEY, que por sinal mantém a tal aliança pela governabilidade, até hoje, com o PT !!! Partidarismos á parte, a história tem de ser vista sem fanatismos e sem colocações inapropriadas.

    • Mudou de assunto foi? Pq não quis saber das histórias hem seu Manoel?
      pq que quer saber da morte de Marcos Freire?
      e se eu lhe disser que ele era o piloto do avião e se matou, vc vai acreditar?
      Cadê a morte de Daniel, seu colega do PT?? aquele que seu partido ….. hem? tbm quer saber?
      Manézinho! vai se poupando viu?

  7. Prezado Manoel Lima,

    A Comissão da Verdade , só pode investigar atos relativos ao período de 1961 até 1980, onde a chamada Lei da Anistia foi promulgada e ACEITA POR TODOS OS SETORES REPRESENTATIVOS DA SOCIEDADE À ÉPOCA, logo o caso de Marcos Freire não se enquadra nos atos relativos à investigação da Comissão da Verdade.

    Teoria conspiratórias á parte, quando Marcos Freire faleceu, decorrente da queda do avião, não devemos esquecer que ELE ERA MINISTRO DA REFORMA AGRÁRIA DO GOVERNO SARNEY , e já estava cotado para sair na primeira reforma ministerial. Sua atuação não preocupava os latifundiários, pois ele foi um defensores da candidatura de Sérgio Murillo ( de família latifundiária) a prefeito de Recife. Dúvidas ? Consulte os jornais da época.

Deixe uma resposta para Histórias 2 .... Cancelar resposta

Comentar
Seu nome