Juazeiro: Marido de uma das vítimas de acidente que matou 6 na Chapada Diamantina desistiu de viajar após mau pressentimento

11
Renaldo de Souza Lima deixou de viajar após mau pressentimento. (Foto: Reprodução/TV São Francisco)

O que eu tenho para dizer é que as palavras são poucas, porque eu não aguento. São todos parentes, a gente está sofrendo muito”. A declaração é de Renaldo de Souza Lima, marido da técnica de enfermagem que trabalhava na Secretaria de Saúde de Juazeiro, Angeline da Silva Costa, de 33 anos, uma das seis vítimas que morreram no acidente envolvendo uma carreta e um micro-ônibus, na BR-242, na cidade de Seabra, Chapada Diamantina, ontem (3).

O grupo foi para a cidade de Pirenópolis, no estado de Goiás, onde encontrou parentes e amigos para passar a virada de ano. Momentos antes do acidente, os passageiros fizeram uma selfie. Renaldo disse ainda que não viajou com a família após ter mau pressentimento. Ele ficou em casa, no bairro Alto da Aliança, em Juazeiro, onde reside.

Momentos antes do acidente os passageiros fizeram uma selfie. (Foto: Reprodução)

Meu coração pediu que eu não fosse. Eu também senti por eles, que não era boa essa viagem, que já viajaram no ano passado, só que eles tinham vontade e eu não queria atrapalhar a vontade deles“, disse Renaldo.

Outras 26 pessoas ficaram feridas na batida, que aconteceu na manhã de quinta-feira (3). Todos eram da mesma família. Além da esposa, Renaldo perdeu também o sogro, Rosalvo Ferreira da Costa, 60.

Meu sogro faleceu. Faleceram várias pessoas da família dele, que são de Campo Formoso. É um momento que todos nós temos dificuldades em uma situação dessa“, lamentou. “Ame o próximo enquanto há vida. Respeite o próximo. O mais importante é amar o próximo e respeitar enquanto há vida, porque quando você perde é muito doloroso. Todos nós um dia vamos passar por isso, porque foi determinado por Deus“, disse Renaldo.

O Hospital Regional da Chapada Diamantina, em Seabra, para onde 22 das vítimas feridas foram levadas, não quis dar informações sobre o estado de saúde dos pacientes nesta sexta-feira (4).

Acidente

Batida entre carreta e micro-ônibus deixa mortos e feridos em Seabra, na Chapada Diamantina, Bahia. (Foto: Nilson Santos/Blog Liberdade Bom Sucesso)

Pessoas que trabalham na região onde o acidente aconteceu contaram que o caminhão envolvido na tragédia buzinou a uma certa distância, na descida de uma ladeira. Elas acreditam que foi para avisar que o veículo estava sem freio.

A polícia disse, no entanto, que as causas do acidente só poderão ser apontadas quando a perícia for concluída. Uma pessoa morreu na hora e outras cinco morreram no hospital, em Seabra. Entre os 26 feridos estão os motoristas da carreta e do micro-ônibus.

Testemunhas contaram ainda que, após perder os freios, a carreta colidiu com o micro-ônibus onde as vítimas estavam, bateu em um veículo que estava estacionado, derrubou uma árvore e, de cabeça para baixo, seguiu se arrastando. O veículo tinha um carregamento de farelo de milho, que ficou espalhado pela pista.

Parte da família morava em Campo Formoso, outra em Juazeiro e algumas pessoas em Jacobina, todas cidades no norte da Bahia. (Fonte: G1-BA)

11 COMENTÁRIOS

    • A manutenção do veículo cabe ao proprietário dele… As autoridades que ficam na pista vão testar freios como?! Tudo é culpa das autoridades agora, falar isso é só a preguiça de olhar para o próprio umbigo, para ver o que cada um pode fazer também.

      • Tem toda razão, Shame. Responsabilidade é de todos! Os agentes não têm a menor condição de testar os freios de todos os veículos que abordam. Seria impossível! Manutenção preventiva é obrigação do proprietário do veículo.

  1. E uma rodovia onde acontece muito acidente,um trecho mto perigoso 90%dos acidentes são com carretas e caminhões,por tanto quem não conhece a região tem que está alerta a todo momento!!! Meus sentimentos aos familiares que Deus conforte o coração de todos!!!

  2. Meus sentimentos a todos 😭lamentável. Quando vimos pra essa vida viemos com o propósito nossa história foi escrita pelo nosso Deus sei que a dor da perda é grande mim sinto no lugar de quem tá passando por essa dor mas Deus sabe de todas as coisas. Espero que Deus conforte nossos corações porque é difícil esse momento de dor. Abraço e que o senhor seja o guia de cada um.

  3. Muinta gente tem culpa nessa hora frete barato caminhão novo caro eu sei que tem muita gente irresponsável. Mas caramba o governo tinha que facilitar a compra de caminhões novos pra que não aconteça de o cara não botar caminhão velho na estrada e vitimas sendo ceifadas todos os dias no brasil isto evita até a corrupção nas vistorias

Deixe uma resposta para JOAQUIN TEIXEIRA Cancelar resposta

Comentar
Seu nome