Fiscais de Postura realizam blitz para regularização das placas de publicidade em Juazeiro

2

posturaOs fiscais de postura da Secretaria de Meio Ambiente e Ordem Pública (Semaop) iniciaram na última sexta-feira (11) uma blitz para regularização das placas de publicidade da cidade de Juazeiro. A ação tem o objetivo de chamar atenção das empresas que não renovaram sua licença de publicidade ou estão com suas taxas atrasadas desde o ano anterior.

Através de rondas, a equipe da Seamop identificou as empresas e iniciou a interdição daquelas que já tinham sido notificadas e não atenderam ao prazo de regularização. Essas empresas devem cumprir com a renovação da licença feita semestralmente, e pagar as taxas para manter seu contrato normalizado, evitando a inadimplência.

Todas as etapas da ação estão baseadas na Lei 921/82 do código de postura. Os interessados em regularizar a situação de suas empresas devem comparecer ao prédio da Semaop, localizado na Rua Oscar Ribeiro, Centro. As informações são da PMJ.

2 COMENTÁRIOS

  1. Interessante que aqui em Juazeiro não existe nenhuma LEI que impeça a colocação de outdoor luminoso em locais onde prejudicam TODOS motoristas com sua luminosidade fortíssima, será que os nossos famigerados e famintos vereadores ganham algum dividendo da empresa que instala e comercializa tal outdoor? Está me parecendo que sim, pois colocaram um próximo agência do Banco do Brasil e com certeza está prejudicando muito a todos motoristas que por ali transitam, será que só depois que acontecer algum acidente que medidas enérgicas serão tomadas? Ou antes que isso aconteça a SEMAOP irá mandar retirar o mesmo? Ou nós moradores e motoristas teremos que resolver a nossa maneira? Me responda quem for capaz.

  2. …Enquanto isso, esses fiscais continuam ausentes do barulho infernal de sons que atormentam aqueles que moram na periferia. Incrementaram a Lei do Silencio mas se esqueceram de fiscalizar, de punir o infrator. Aliás, não dão conta nem de inibir os altos decibéis de sons de propagandas volantes que a própria “Postura” libera. VERGONHA, JUAZEIRO!

Deixe uma resposta para Rogério Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

15 + seis =