Famílias do Salitre em Juazeiro começam a deixar área pertencente ao governo federal

3

Uma operação da Polícia Federal (PF) desde as primeiras horas da manhã desta segunda-feira (25) está dando apoio ao cumprimento de um mandado de reintegração de posse no Projeto Salitre, em Juazeiro (BA), determinado pela justiça.

Muitas famílias que moravam numa área pertencente à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) estão sendo obrigadas a desapropriar o local. Até o momento não há informações sobre incidentes.

3 COMENTÁRIOS

  1. Ocorre é que os tempos agora são outros, não se pode invadir terras a torto e direita. Sou muito a favor de uma REFORMA verdadeiramente AGRÁRIA. Acho inclusive, que os Projetos de Irrigação Públicos, no seu início, chegava bem perto de uma REFORMA AGRÁRIA ideal, perfeita. Terra, água e financiamento para o cultivo das terras por verdadeiros agricultores, sendo que grande parte desses agricultores, assentados, colonos, seriam aqueles nativos da região de implantação dos Projetos, que de uma forma ou de outra, venderam suas terras para a implantação dos Projetos. O Projeto Pontal por exemplo, foi concebido nesses moldes, mas infelizmente quando do início da entrega dos lotes, já no primeiro governo petista, mudou tudo, deram um calote naqueles que venderam as suas terras e entregaram todo o Projeto, para uma Empresa de Publicidade de São Paulo, que claro, não tinha aptidão para a agricultura e o devolveu para a CODEVASF, retardando o progresso de todo o Projeto. E olha, que o Governo era Petista, que diz aos quatro canto ser a favor da Reforma Agrária, foi exatamente quem deu um calote nos nativos do Projeto Pontal, tomou-lhe as terras e as deu para outro, aí, esses que venderam as suas terras com o compromisso garantido de ter direito e acesso a um lote, mesmo por compra, ficaram a ver navios e hoje são uns SEM TERRAS, culpa do Governo Petista.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome