Delegado fala sobre assassinato de menino de 12 anos e diz que corpo encontrado no N-9 pode ser de irmão da vítima que estava desaparecido

2
Delegado Gabriel Sapucaia. (Foto: Gabriel Siqueira/Blog do Carlos Britto)

O delegado Gabriel Sapucaia conversou com a reportagem deste Blog, agora há pouco, e informou que os familiares do menino Gustavo Victor Souza dos Santos, de 12 anos, assassinado próximo ao Pátio de Eventos Ana das Carrancas, zona oeste de Petrolina, na última sexta-feira (29), já foram ouvidos. O menino morava no bairro Antônio Cassimiro, zona norte.

O irmão de Gustavo, Emanoel Carlos de Souza Santos, de 11 anos, desapareceu após seu irmão ser encontrado crivado de balas. O delegado Gabriel confirmou que um cadáver – também com marcas de violência e perfurações de arma de fogo – foi encontrado na tarde de hoje (1º) no N-9 do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho, zona rural da cidade. A suspeita é de que o corpo seja de Emanoel. O cadáver será encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina. A família dos meninos vai ser chamada ao local para fazer o reconhecimento.

Sem adiantar mais detalhes, para não atrapalhar as investigações, o delegado acredita que daqui para este final de semana a Polícia Civil (PC) obtenha respostas concretas sobre esse caso. “Já ouvimos a mãe da vítima e alguns amigos próximos, mas ainda não temos uma autoria identificada. Mas a gente acredita que daqui para este final de semana a gente já consiga se aproximar de algum suspeito dessa situação”, afirmou Gabriel Sapucaia.

2 COMENTÁRIOS

  1. Sinto uma sensação de impotência quando vejo esse tipo de noticia … Parece que os crimes em Juazeiro e Petrolina contra menores esta virando banal , de pois do caso Beatriz que ate hoje nada foi resolvido e ninguém foi preso os bandidos estão confortáveis em trucidar as nossas crianças … Espero que esse não seja mais um crime sem solução.

Deixe uma resposta para Bruna Castro Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

3 × 3 =