Univasf desmente MEC e afirma que campus definitivo em Salgueiro ainda não está confirmado

Em nota, a assessoria da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) desmentiu o Ministério da Educação (MEC), o qual informou, na terça-feira (17), que a implantação de um campus definitivo da universidade em Salgueiro (PE), no Sertão Central, já estava confirmada.

Segundo a Univasf, “a instituição está analisando as condições para implantação de um novo campus. Mas para que o campus seja criado a proposta deve ser submetida ao Conselho Universitário (Conuni), conforme consta na notícia que publicamos hoje (18), no site institucional.”

Vale destacar que a informação divulgada ontem por este Blog foi enviada pela assessoria de comunicação do próprio MEC, conforme citado no final da publicação. A Univasf possui atualmente seis campi, localizados nas cidades de Petrolina (PE); Juazeiro, Senhor do Bonfim e Paulo Afonso (BA); e em São Raimundo Nonato (PI). O último campus criado foi o de Paulo Afonso, que oferta o curso de Medicina e cujas atividades acadêmicas começaram em setembro de 2014.

Confirmado: Salgueiro ganhará campus definitivo da Univasf

Agora está oficialmente confirmado: o município de Salgueiro (PE), no Sertão Central, terá um campus definitivo da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). Ainda este ano os estudantes daquela região já passarão a contar com mais vagas no campus com a criação de dois novos cursos. E nesta segunda-feira (16) técnicos do Ministério da Educação e da Univasf estiveram com prefeitos da região, que integram o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável do Sertão Central – entre eles o de Salgueiro, Serrita, Cedro, Mirandiba e o secretário de Governo de Verdejante. O objetivo foi identificar prédios para instalação de um local provisório para a unidade, bem como um terreno para a construção do espaço onde será o campus definitivo.

“Estamos trabalhando para oferecer aos pernambucanos, em especial aos jovens do Sertão, mais acesso à universidade pública. O campus da Univasf em Salgueiro será realidade. Vamos começar com o campus provisório e seguir trabalhando pata viabilizar a obra definitiva”, explicou o ministro Mendonça Filho .

O campus da Univasf de vai oferecer os cursos de Engenharia de Produção e Ciências da Computação, na unidade de Salgueiro. Mendonça Filho afirmou que a interiorização do ensino superior é um de seus compromissos. E lembrou que trabalhou pela criação da Univasf desde que era deputado federal, ao lado do saudoso ex-deputado Osvaldo Coelho, idealizador da universidade.

Como governador, Mendonça assinou convênio para cessão de uso do prédio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER) para a Univasf. Na época o prédio foi cedido para ser usado como Centro Interativo de Ciências. “Hoje, como ministro da Educação, continuo este trabalho de fortalecimento e ampliação da Univasf para oferecer aos sertanejos mais oportunidade de formação e acesso ao mercado de trabalho”, afirmou.

Liberação

Em 2016 a Univasf recebeu quase R$ 55 milhões para custeio e obras. Somente para a Policlínica-Escola do Campus Petrolina foram R$ 2 milhões, além de mais R$ 2 milhões para manutenção do Programa Nacional de Assistência Estudantil, que contempla estudantes de baixa renda com Bolsa Permanência, Auxílio Transporte, Auxílio Moradia e Residência Estudantil da Univasf. As informações são do MEC. (foto/arquivo divulgação)

Três dias depois, Reitoria da Univasf emite nota sobre trágico acidente com estudante

Três dias depois, a reitoria da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) se manifestou sobre o trágico acidente ocorrido com a estudante de Medicina da instituição, Fabiana Araújo Miranda. Ela se dirigia, com sua família, de Salvador para Petrolina, onde iria participar da colação de grau. Fabiana está internada.

Acompanhe:

A Univasf manifesta publicamente o desejo de recuperação plena e imediata do estado de saúde de Fabiana Araújo Miranda. Em deslocamento para Petrolina-PE, onde iria participar da solenidade de colação de grau da turma de medicina a qual pertence, envolveu-se em um acidente no município de Tanquinho, no Centro Norte baiano, por volta das 7h de domingo (8).

O acidente deixou gravemente feridos Fabiana e seu pai, Sr. Augusto de Jesus Miranda, e vitimou fatalmente a sua mãe, Sra. Heloísa Miranda de Araújo, além de dois ocupantes do outro veículo envolvido no acidente.

Em contato com a Assessoria de Comunicação do hospital onde ela está internada, fomos informados que os dados a respeito do estado de saúde de Fabiana só podem ser entregues aos familiares, conforme postura ética e administrativa da instituição.

Nesse momento de tristeza e esperança, a Univasf se solidariza com os familiares e amigos de todas as pessoas envolvidas no acidente, reiterando o desejo de restabelecimento da saúde de Fabiana e seu pai.

Julianeli Tolentino/Reitor

Hospital Universitário promove campanha de doação de livros

O Hospital Universitário (HU) de Petrolina lançou uma campanha de doação de livros da linha infanto-juvenil. O objetivo é utilizar as publicações em ações terapêuticas da unidade. A feira de doação de livros do HU acontece este mês e se estende até fevereiro.

Podem ser doados livros paradidáticos novos ou usados, que enriquecerão o acervo da bibliotecaerapêutica e assim servirem como instrumento para tratamento dos pacientes do hospital. A iniciativa é parte de um programa de extensão promovida pelo HU. A biblioterapia, através da literatura, colabora com o tratamento dos pacientes proporcionando lazer e aliviando as tensões causadas pelo período de internamento.

Os familiares também participarão da terapia, já que também são afetados pelas condições do ambiente hospitalar. Os livros podem ser entregues na recepção de funcionários do HU-Univasf de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h e aos sábados das 8h às 12h.

 

 

Estudante da Univasf sobrevivente de tragédia na Bahia precisa de doações de sangue

A estudante de Medicina da Universidade federal do Vale do São Francisco (Univasf), Fabiana Araújo Miranda, sobrevivente de um acidente ocorrido no último domingo (8) na cidade de Tanquinho, região de Feira de Santana (BA), está precisando de doações de sangue.

Fabiana mora em Salvador (BA) e se dirigia da capital baiana com sua mãe e seu pai para Petrolina, onde seria realizada a festa de colação de grau da turma. Três pessoas morreram no acidente (entre elas, a mãe da jovem) e quatro ficaram feridas.

Familiares e amigos da estudante estão realizando uma campanha nas redes sociais para conseguir doadores de sangue, pois Fabiana vai realizar uma cirurgia delicada. As doações (de qualquer tipo sanguíneo) podem ser feitas em hemocentros de Juazeiro, Feira de Santana e Salvador.

Para doar sangue, a pessoa deve apresentar documento oficial com foto, pesar acima de 50 quilos, estar descansado (ter dormido pelo menos seis horas na noite anterior), não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores, e evitar comidas gordurosas nas quatro horas que antecedem a doação e ter entre 16 e 69 anos. O Hemoba de Juazeiro funciona de segunda a sexta, das 7h30 às 11h30, e das 14h às 17h, na rua Joaquim Bispo dos Santos, s/n°, Bairro Santo Antonio – por trás do Hospital Regional (HRJ). Quem deseja outras informações pode ligar para o número (74) 3611-7532. (foto/divulgação)

Estudante de Medicina que se formaria em Petrolina fica gravemente ferida após acidente automobilístico

Um grave acidente automobilístico ocorrido no último final de semana, no interior da Bahia, deixou três pessoas mortas e duas gravemente feridas. A tragédia aconteceu nas imediações da localidade de Tanquinho. Uma das sobreviventes é a estudante Fabiana Miranda.

Ela cursa Medicina na Universidade Federal do Vale do São Fancisco e se dirigia de Salvador (BA) com sua mãe e seu pai para Petrolina, onde seria realizada a festa de colação de grau da turma. As primeiras informações, ainda desencontradas, dão conta de que o veículo em que vinham a estudante e os pais colidiu contra outro. Dois ocupantes desse carro vieram a óbito. A mãe de Fabiana, que estava no outro veículo, também faleceu.

A jovem e o pai dela foram encaminhados a uma UTI em estado grave, mas não há detalhes sobre o hospital para onde foram levados.

Reitor da Univasf vai agradecer a Lossio por parceria com Prefeitura de Petrolina

Na reta final de encerrar o mandato, o prefeito de Petrolina, Julio Lossio, recebeu na tarde de ontem (27) em seu gabinete o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf). (mais…)

Univasf abre inscrições de processo seletivo para Programas de Residência Multiprofissional em Saúde

medicina-e-estudoA Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) está com inscrições abertas para a seleção de candidatos para o Programa Nacional de Bolsas para Residências Multiprofissionais em área de Saúde (Intensivismo, Enfermagem em Urgência e Emergência e Saúde Mental).

De acordo com a Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu), as inscrições podem ser realizadas até as 18h do dia 16 de janeiro de 2017, exclusivamente pela internet. São disponibilizadas 15 vagas distribuídas entre as categorias profissionais de Enfermagem, Ciências Farmacêuticas e Psicologia, para candidatos com diploma de graduação reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

A taxa de inscrição para participar do processo seletivo é de R$ 150,00. Primeiro, o candidato deve se inscrever pelo site de Concursos da Univasf. Em seguida, precisa preencher a ficha de inscrição disponível no Edital Nº25/2016 (veja aqui) e enviar via Sedex, juntamente com a documentação especificada, para o endereço Coremu/Univasf, Colegiado de Medicina, sala 28 (localizada na Avenida José de Sá Maniçoba, s/n°, Campus Universitário, Centro, Petrolina/CEP: 56304–205). Os documentos também poderão ser entregues pessoalmente, em envelope lacrado, no endereço citado, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h30.

Os aprovados no programa receberão uma bolsa no valor de R$ 3.330,43. O processo seletivo será composto por prova objetiva, que acontecerá dia 5 de fevereiro, no Campus Petrolina Centro, além de avaliação de currículo, a ser realizada dia 14 do mesmo mês. O resultado final será divulgado no dia 17 de fevereiro. As matrículas dos candidatos aprovados estão previstas para o dia 20.

Estudante da Univasf conquista 1º lugar em premiação na Espanha

janielle

A estudante do curso de Engenharia Agrícola e Ambiental da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) Janielle Souza Pereira conquistou o 1º lugar na categoria Melhor Trabalho de Final de Graduação (Mejor Trabajo Fin de Grado – TFG), no concurso Premios Internacionales de Incendios Forestales 2016. A premiação, ocorrida recentemente, foi organizada pela Fundação Pau Costa e a Junta de Castilla La-Macha, ambos na Espanha, com patrocínio da Red Eléctrica de España.

O trabalho, intitulado “Efeito da queima controlada sobre aspectos físicos, químicos e microbiológicos do solo”, teve a atividade de campo realizada nos Montes de Zuera, localizados no Vale Médio do Ebro, região nordeste da Espanha, e consistiu em avaliar como tais aspectos podem servir como indicadores da qualidade destes. O experimento resultou no trabalho de conclusão de curso (TCC) de Janielle, apresentado em março deste ano.

A premiação ocorreu durante as Jornadas Técnicas sobre Las Nuevas Tecnologías en la Gestión del Fenómeno de los Incendios Forestales , realizadas na cidade de Toledo, de 16 a 17 de novembro. Foram considerados no concurso os critérios avaliativos de originalidade, desenvolvimento do tema, integração de novas tecnologias, organização da informação e relevância social.

O experimento da estudante foi realizado durante o período em que participou do programa Ciência sem Fronteiras, em 2014 e 2015, e contou com a orientação da professora da Univasf, Vanessa Polon Donzeli, e dos professores do campus de Huesca da Universidade de Zaragoza, David Badía e Clara Martí. Para Janielle, receber o prêmio foi uma honra e uma surpresa. “Não imaginava que ao concorrer com pessoas de todo o mundo eu obteria o prêmio, mas me dediquei, tentei e o resultado chegou. Foi uma realização pessoal e profissional, que me motivou a seguir o caminho da pesquisa”, destacou. (fonte: Ascom Univasf/foto: arquivo pessoal)

Greve na Univasf termina hoje e atividades serão retomadas em 6 de fevereiro

UnivasfO Conselho Universitário (Conuni) da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) definiu que o Calendário Acadêmico deste ano será retomado em 6 de fevereiro de 2017, com o reinício das atividades letivas em todos os campi. A decisão foi tomada na última semana, durante reunião ordinária realizada na Sala da entidade, na Reitoria do Campus Centro, em Petrolina.

Segundo as informações da assessoria de comunicação, a nova proposta de calendário para a conclusão do semestre letivo 2016.2 deverá ser apreciada pelo Conuni na próxima sessão ordinária, com data a ser definida. O calendário estava suspenso desde o último dia 28 de novembro, devido aos impactos nas atividades acadêmicas decorrentes dos movimentos de ocupação e greve deflagrados pelos estudantes da instituição, em outubro, e pelo movimento grevista dos docentes da Univasf, que paralisaram as atividades no dia 8 de novembro.

A greve dos docentes está prevista para ser encerrada nesta quarta-feira (21), conforme decisão da assembleia da categoria, que aconteceu na semana passada.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br