Setranvasf reforça campanha em prol de desabrigados pelas enchentes de Pernambuco

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) é mais uma entidade em Petrolina a aderir à campanha da prefeitura para ajudar as vítimas das fortes chuvas que atingiram o Estado de Pernambuco no início do mês. Durante os festejos juninos da cidade, todos os que pagarem sua passagem nos ônibus Corujão estarão doando 50% do valor para a campanha solidária.
Para ajudar, é preciso efetuar o pagamento com o Cartão BIP. A ação começou no dia 16 e vai até o próximo dia 24. Foram criadas seis linhas especiais noturnas (Corujão):

São Gonçalo / Cohab VI;
João de Deus / Centro;
Pedra Linda / Novo Tempo;
José e Maria / Dom Avelar;
Vivendas / Bernardino;
São Gonçalo / Cohab VI / Gercino / Quati / João de Deus.

A Setranvasf lembra ainda que para facilitar a vida de quem precisa fazer a recarga do cartão, agora existe o aplicativo ‘Ônibus Mais’, que permite fazer a recarga online, com cartão de crédito. Basta baixar o app nos sistemas Android ou iOs e ganhar tempo. A ideia do Setranvasf é estimular o uso do cartão, que garante mais agilidade e segurança para todos.

Manutenção na Central de Vendas do Cartão BIP deixa sistema fora de operação

Uma manutenção inesperada na central de vendas do Cartão BIP em Petrolina deixou os servidores fora de operação nesta quarta-feira (3). De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale de São Francisco (Setranvasf) o sistema já está sendo reparado e, tão breve volte ao normal, todos serão avisados.

O Setranvasf informou que excepcionalmente hoje, os usuários que necessitarem colocar créditos nos seus cartões deverão se dirigir à Loja BIP Central. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (87) 3862-1911.

 

Greve geral não vai afetar venda e recarga do Cartão BIP em Petrolina, garante Setransvasf

A greve geral marcada para esta sexta-feira (28) em todo o país não deverá afetar o funcionamento da venda e recarga do Cartão BIP em Petrolina. A garantia foi dada pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf).

De acordo com a entidade, o Sistema de Transporte MobiPetrolina e todos os pontos de venda e recarga do Cartão BIP estarão funcionando normalmente na sexta-feira.

Setranvasf amplia em Petrolina postos de emissão de cartão pré-pago

Em Petrolina, o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) ampliou o número de postos de recarga e emissão de cartões pré-pagos (primeira via). São 50 postos de recarga espalhados pelos bairros da cidade. Destes, 20 vão poder comercializar os cartões pré-pagos, sem burocracia e com entrega imediata aos usuários gratuitamente.

O usuário poderá confeccionar o cartão nos mesmos pontos em que são feitas as recargas, tornando assim o processo mais cômodo e ágil. É só comparecer à uma das lojas BIP portando os originais de Carteira de Identidade (RG), CPF e comprovante de residência.

Ao receber a primeira via do BIP Pré-pago, o cliente deve efetuar uma recarga mínima correspondente ao valor de duas tarifas vigentes no transporte público coletivo de Petrolina. Vale lembrar que os portadores do cartão têm descontos na tarifa e a comodidade da integração nas linhas dentro da cidade. O dispositivo torna-se mais seguro ainda, já que em casos de perda ou roubo, o usuário pode fazer o bloqueio dos créditos e recuperá-los posteriormente.

 A lista completa dos postos pode ser conferida clicando aqui.

Setranvasf amplia postos de emissão do cartão pré-pago em Petrolina

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) ampliou o número de postos de recarga e emissão de cartões Pré-Pagos (primeira via).

São 50 postos de recarga espalhados pelos bairros da cidade de Petrolina, sendo que 20 destes poderão comercializar os cartões Pré-Pagos, sem burocracia e com entrega imediata aos usuários. A lista completa pode ser conferida no site www.setranvasf.com.br.

Setranvasf realiza cadastramento biométrico para idosos e estudantes em Juazeiro

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco – Setranvasf – iniciou o recadastramento dos estudantes e ao cadastramento de idosos que têm direito à gratuidade na passagem de ônibus em Juazeiro/BA. O processo segue até 31 de março para idosos que têm a partir de 65 anos.

Os idosos deverão se dirigir à sede do Sindicato, na Praça Pedro Pereira Primo, número 6, Centro, e realizar o cadastramento para receber um cartão específico. Todo o processo é gratuito. O idoso deverá levar os documentos originais da carteira de identidade e do CPF, além de comprovante de residência.

Já os estudantes precisam apresentar original de documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência (obrigatoriamente em nome do estudante ou de seus genitores) e declaração do curso emitida pela instituição de ensino ou comprovante de matrícula (contendo curso, duração, grade e horário, assinado e carimbado pela instituição). Quem tiver dúvidas pode se informar pelos telefones 3613 2291 e 3611 7714.

Setranvasf realiza em Juazeiro cadastramento biométrico de estudantes e idosos

O Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) iniciou em Juazeiro (BA) o recadastramento dos estudantes e o cadastramento biométrico de idosos que têm direito à gratuidade na passagem de ônibus. Até o dia 31 de março, idosos que têm a partir de 65 anos deverão se dirigir à sede do Sindicato, na Praça Pedro Pereira Primo, nº6 (Centro) para realizar o serviço e receber um cartão específico. Todo o processo é gratuito.

O idoso deverá levar os documentos originais da carteira de identidade (RG) e do CPF, além de comprovante de residência. Já os estudantes precisam apresentar original de documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência (obrigatoriamente em nome do estudante ou de seus genitores) e declaração do curso emitida pela instituição de ensino ou comprovante de matrícula (contendo curso, duração, grade e horário, assinado e carimbado pela instituição). Quem tiver dúvidas pode se informar pelos telefones (74) 3613-229/3611-7714.

Prefeitura esclarece sobre volta da gratuidade no transporte coletivo de Petrolina

Sobre a volta da gratuidade no transporte coletivo de Petrolina, cujo apelo foi feito pelo leitor Rafael Alves Rocha a este Blog, a prefeitura municipal enviou uma nota de esclarecimento. De acordo com a administração, a medida segue uma decisão do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), a pedido do sindicato que responde pelas empresas de ônibus na cidade – o Setranvasf. No entanto, a questão está “sob análise” do atual governo municipal.

Confiram:

Em relação ao questionamento sobre a suspensão da gratuidade das passagens de ônibus do transporte municipal para idosos, entre 60 e 64 anos, pessoas com deficiência, doentes crônicos e policiais civis e militares, a Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) esclarece que foi uma decisão do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), atendendo a um pedido do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf). Portanto, está sendo cumprida.

Vale ressaltar que, devido ao processo de transição de governo, esse primeiro mês da nova administração foi de análise de processos e contratos. A AMMPLA reforça que já está analisando o caso para tomar as providências possíveis junto aos órgãos envolvidos.

Prefeitura Municipal de Petrolina/Ascom

Deficiente que sofre de epilepsia cobra volta da gratuidade no transporte público de Petrolina

O leitor Rafael Alves Rocha questiona por que até agora a situação das pessoas com difidência que dependem de transporte coletivo em Petrolina não foi resolvida. Ele lembra que desde o final do ano passado a classe teve a gratuidade suspensa.

Sou deficiente físico e dou crises epilépticas sem controle. Dependo de muitos remédios e vou sempre a hospitais, mas agora não posso ir, pois cortaram os vales transporte”, relatou.

Rafael reclama que não tem mais a quem apelar. Já foi à Setranvasf, sindicato que reúne as empresas do setor, a qual o orientou a procurar a prefeitura. “Quando procuro a Secretaria de Acessibilidade, mandam procurar a a Setranvasf”, lamenta.

Sei que não é só eu que necessito, mas inúmeros deficientes aqui de Petrolina. Também não tenho encontrado mais ninguém para falar na Setranvasf”, finaliza Rafael.

Presidente da Cubape afirma que reajuste de tarifa de ônibus em Petrolina não está ligado a projeto de Geraldo da Acerola

pedro caldasApós a informação divulgada pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) de que a passagem de ônibus em Petrolina poderá passar dos R$ 4,00, caso o prefeito Julio Lossio sancione o projeto de lei, de autoria do vereador Geraldo da Acerola, obrigando a permanência da figura do cobrador, o presidente da Central Única de Bairros de Petrolina (Cubape), Pedro Caldas, decidiu se pronunciar. Ele contesta que uma coisa esteja ligada a outra, até porque já houve reajustes na passagem de ônibus na cidade, ainda com a presença dos cobradores. (mais…)

Passagens de ônibus podem ultrapassar R$ 4 caso Lóssio sancione projeto que obriga permanência de cobradores, diz Setranvasf

ônibusA aprovação do projeto de lei de autoria do vereador Geraldo da Acerola, que obriga a permanência de cobradores nos ônibus de Petrolina, pode respingar no bolso do usuário. Em nota enviada ao Blog, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Vale do São Francisco (Setranvasf) explica que, caso o projeto seja sancionado pelo prefeito Julio Lossio, os valores das passagens podem ultrapassar os R$ 4,00 na cidade.

Acompanhem a nota:

Em virtude dos avanços tecnológicos e da ampla utilização do Cartão Bip, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Vale do São Francisco (Setranvasf) reafirma a importância e a necessidade de readequações nos coletivos.

A circulação de ônibus sem cobradores é uma realidade em várias cidades do Brasil e do mundo, tendo objetivos como reduzir a criminalidade, agilizar o serviço e conter a majoração no custo do transporte.

O Setranvasf espera que a Prefeitura de Petrolina posicione-se de acordo com o setor jurídico da Câmara de Vereadores, que julgou como inconstitucional o projeto de lei do vereador Geraldo Acerola. Caso a lei seja sancionada, a tarifa de remuneração das empresas apontará para valores superiores a R$ 4,00. O Setranvasf lembra que atualmente mais de 70% dos usuários utilizam o Cartão BIP, podendo fazer a aquisição pela internet, pelas lojas BIP e nos mais de 50 pontos de recarga.

Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Vale do São Francisco (Setranvasf)

O jogo de cena e a pouca responsabilidade no legislativo de Petrolina

casa plinio amorim 25022016

No apagar das luzes de 2016 os vereadores de Petrolina, alguns em final de mandato, resolveram brindar a cidade com a votação do projeto de lei que obriga a manutenção dos cobradores nos ônibus, vans e micro-ônibus da cidade. Não são todos, mas a maioria.

Isso, mesmo com um parecer contrário do departamento jurídico da Casa Plínio Amorim indicando a inconstitucionalidade da lei, e diante da informação que as tarifas de ônibus podem passar de R$ 4,00 – caso a lei seja aprovada.

Nada disso importa. Para os vereadores (em fim de mandato ou reeleitos) parece que só importa aparecer bem na foto e fazer jogo de cena para o povo.

As empresas de ônibus têm um longo histórico de vitórias na justiça contra o município. O caso mais recente envolve a revogação de uma lei, considerada inconstitucional pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) exatamente porque, assim como o projeto que deve ser votado hoje, foi feita sem considerar os impactos financeiros envolvidos.

No caso recente – do cancelamento da lei que estabeleceu várias gratuidades no transporte – as empresas ainda podem exigir do município a devolução de quase R$ 2,5 milhões por ano, ou R$ 25 milhões que deixaram de receber desde 2007. Esse dinheiro, segundo o Setranvasf, poderia comprar 80 ônibus zero quilômetro e com ar condicionado.

Mas os vereadores de Petrolina podem aumentar ainda mais o valor dessa indenização, se continuarem legislando como se a cidade fosse uma ilha de fantasia, onde o importante é não desagradar líder comunitário para evitar o desgaste na imprensa. Em português claro: aos diabos com a lei, a responsabilidade e o bom senso. Eu quero é me salvar.

Pior: nada leva a crer que o prefeito que sai, Julio Lossio (PMDB), vetaria uma nova lei que tem o potencial de aumentar a dívida do município com as empresas e, de quebra criar um problemão para o novo prefeito.

Agora, como no passado, os senhores representantes do povo demonstram que não se preocupam em resolver o problema do transporte. Ao contrário, basta jogar pra plateia.

Depois de polêmica, prefeitura aciona Setranvasf para manter gratuidade de idosos e deficientes no transporte coletivo de Petrolina

representante-ammpla-setranvasf

Ainda não se passaram oito dias após o anúncio da suspensão da passagem gratuita para idosos com menos de 65 anos de idade e pessoas com alguma necessidade especial no transporte coletivo de Petrolina, mas a polêmica vem rendendo na cidade. Hoje (12), um dia após a medida entrar em vigor, a superintendência jurídica da Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) protocolou um mandado de segurança contra o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) para garantir que a Lei n° 1.974/2007 seja garantida aos idosos (com mais de 60 anos) e deficientes.

O secretário-executivo de Acessibilidade, Marcos Souza Conceição, também acompanhou o procurador-geral Fábio Lima na entrega do documento. Marcos acrescentou que é uma determinação do prefeito Julio Lossio que o município continue buscando todos os recursos possíveis para continuar garantindo os direitos da população com deficiência.

A decisão de suspender a gratuidade foi do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), através de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN). Em nota divulgada na semana passada, o Setranvasf orientou os portadores dos referidos cartões para se dirigir a uma Loja BIP no intuito fazer a revalidação e aquisição de créditos, caso seja do interesse, e acrescentou que o Sindicato está à disposição para dirimir quaisquer dúvidas. (foto: Ascom PMP/divulgação)

Decisão judicial que cancelou parte das gratuidades no transporte coletivo saiu no dia 21/07/2016, mas prefeitura diz não saber

Diante da decisão judicial que considerou ilegais as gratuidades concedidas pelo então prefeito Odacy Amorim no transporte coletivo de Petrolina, a Autarquia Municipal de Mobilidade (AMMPLA) divulgou nota dizendo não ter conhecimento, nem ter sido notificada da decisão. Por achar estranho que o órgão não estivesse acompanhando um processo tão importante, a reportagem deste Blog resolveu investigar.

E fez aquilo que qualquer cidadão pode fazer: acessou o site do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) e consultou o processo movido pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo de Passageiros do Vale do São Francisco (Setranvasf) contra o município de Petrolina, pela inconstitucionalidade da Lei de Gratuidades. E descobriu uma coisa interessante: a decisão judicial que a AMMPLA disse, em nota, desconhecer, foi tomada pelo TJPE, no dia 21/07/2016, e o acórdão (nome que é dado à sentença desse tipo de processo) foi publicado no Diário Oficial da Justiça cinco dias depois – no dia 26/07/2016.

Desde então, o município tem conhecimento da derrota. Ou será que ninguém na prefeitura lê o Diário Oficial?

Comentário meu:

Não dá pra querer fazer o povo de bobo. Primeiro um prefeito faz uma lei distribuindo benefícios, mas sem dizer quem pagará a conta. Depois o outro se faz de morto em relação ao assunto. E quando a justiça, enfim, se manifesta, fazem de conta que não sabem de nada, inocentes. Ao invés de enrolar com respostas vazias, podiam, pelo menos dessa vez, explicar o que realmente está acontecendo.

Transporte público: Gratuidade para idosos com menos de 65 anos e pessoas com necessidades especiais está suspensa em Petrolina

ônibusOs idosos com menos de 65 anos de idade e pessoas com alguma necessidade especial devem ficar atentos à gratuidade no transporte público de Petrolina. Por meio de nota enviada ao Blog nesta terça-feira (6), o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco (Setranvasf) informou que a gratuidade está suspensa na cidade e que os beneficiários devem procurar o Sindicato para revalidar seus cartões. Confiram a nota:

(mais…)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por agencialaguz.com.br